26 de dezembro de 2015

Sobrenatural - Paige McKenzie

Título: Sobrenatural - The Haunting of Sunshine Girl #1
Autora: Paige McKenzie e Alyssa Sheinmel
Editora: Fábrica 231/Rocco
Tradutor: Edmundo Barreiros
Gênero: Suspense/Terror/Mistério/YA
Ano: 2015
Páginas: 304
Nota
Onde comprar: Saraiva | Submarino | Americanas
Sinopse: Aos 16 anos, Paige Mckenzie criou, produziu e estrelou uma série no YouTube que virou um hit na internet e ganhou milhões de seguidores em seu canal The Haunting of Sunshine Girl. Primeiro livro da websérie de sucesso, que também será adaptada para o cinema, Sobrenatural – The Haunting of Sunshine Girl chega ao Brasil pelo selo Fábrica231. Escrito em parceria com Alyssa Sheinmel, o livro conta a história de Sunshine, uma garota de 16 anos que se muda com a mãe da ensolarada Austin, no Texas, para a chuvosa Ridgemont, no estado de Washington. Mas a poeira e o aspecto sombrio do lugar logo se tornam os menores dos problemas de Sunshine. Vozes no meio da noite, portas se fechando sozinhas, risadas... aos poucos a garota percebe que ela e sua mãe correm sérios riscos ali. E ela terá que encarar seus maiores medos antes que seja tarde demais.

Resenha: The Haunting of Sunshine Girl é uma websérie no Youtube criada, produzida e estrelada pela adolescente Paige McKenzie e que, devido ao sucesso que teve, acabou virando livro ao ter tido sua essência captada pela escritora Alyssa Sheinmel.

Quando a mãe de Sunshine recebe uma nova proposta de emprego para trabalhar como enfermeira-chefe num hospital na chuvosa cidade de Riggemont, em Washington, ela não pensa duas vezes em aceitar. Ela mal teve tempo de procurar saber como a filha se sentiria com a ideia de deixar a cidade de Austin, no Texas, um lugar ensolarado onde ela morou desde que nasceu, para ir para outro tão longe e diferente do qual elas estavam acostumadas. A casa alugada pela internet não fora visitada com antecedência já que tudo foi feito às pressas, e, logo que se mudaram, Sunshine percebeu que havia algo estranho no ar, algo que ia além da poeira e do aspecto sombrio, frio e úmido da casa.
Ao começar a ouvir passos, vozes, choros e risadas, objetos flutuantes e portas que se fecham sozinhas, a garota, aos poucos, se dá conta de que sua mãe, que antes era amorosa e carinhosa, começa a ficar cada vez mais alheia e distante, até tudo começar a ficar mais claro quando Sunshine conhece e se aproxima de Nolan, um garoto da escola. Com a ajuda dele, Sunshine começa a entender que o que anda acontecendo não é coisa de sua cabeça, a história que há por trás dos espíritos em sua casa existe e o destino dela é algo do qual ela não pode fugir...

O livro é narrado em primeira pessoa pelo ponto de vista de Sunshine, mas também podemos acompanhar um segundo narrador misterioso que desde o começo sente e observa a garota.
A escrita é muito fluída e, por mais que o começo do livro seja um pouco cansativo, já que é toma um bom espaço para falar mais sobre os gostos de Sunshine, com várias conversas e tudo mais, realmente prende o leitor devido ao ótimo desenvolvimento. As situações de mistério que remetem ao suspense e ao terror são bem descritas e causam uma baita ansiedade por serem incômodas para aqueles que têm medo quando o assunto é sobrenatural, mas nada que nos faça sair acendendo todas as luzes da casa no meio da noite com medo do capeta aparecer e puxar nosso pé... não... A coisa realmente prende pela forma como é contada sem causar pavor e desespero. A ordem dos fatos tem grande influência das situações, e cada uma delas é explicada de forma plausível para que a história se encaixe.

Eu gostei da construção dos personagens e a forma como são autênticos e convincentes em suas atitudes. Sunshine é uma boa menina, preocupada com o próximo e, às vezes, até se põe em segundo lugar em nome da felicidade de quem ama. Ela é diferente das demais adolescentes pelas coisas que curte já que seu gosto pessoal é bastante peculiar. Eu também gostei da forma como a relação com a mãe foi exposta, principalmente por ela ter sido adotada.
Nolan ganha espaço aos poucos. Ele ajuda Sunshine e desvendar os mistérios que cercam a casa, já que é o único que acredita nela por causa do seu passado. Um passado que ainda faz parte de sua vida e que faz com que ele tenha grande importância nesse papel de ajudar a garota. Ele acaba se revelando alguém admirável e não é a toa que o leve toque de romance parta daí. Gostei da personalidade dele, pois além de nerd ele é bastante descolado.

Sobrenatural é um livro cheio de mistérios, que remete ao horror com maestria e sutileza fazendo com que o a história como um todo seja bastante agradável e surpreendente em vez de ser aterrorizante, já que toda aquela fantasia obscura é bastante intrigante e inteligente. Uma excelente leitura que, embora gire em torno do sobrenatural, aborda a essência humana e a forma como as pessoas lidam com o novo ou com a perda, além de trabalhar a atmosfera familiar entre mãe e filha de uma forma muito satisfatória. Pra quem curte o gênero, vale a leitura!


Nenhum comentário

Postar um comentário