Netflix e Studio Ghibli - 21 clássicos da cultura japonesa pra gente assistir!

13 de fevereiro de 2020

Em 20 de Janeiro de 2020 a Netflix anunciou que, a partir de fevereiro, irá disponibilizar 21 animações do Studio Ghibli (reconhecido mundialmente após A Viagem de Chihiro ter ganhado o Oscar de melhor animação em 2002) em seu catálogo!

Considerados clássicos pelos fãs de cultura japonesa e animes, com exceção de O Túmulo dos Vagalumes (1988), a plataforma adquiriu os direitos de exibição dos longas para alegria dos espectadores de plantão.

Serão 7 títulos por mês até abril.

Confira o cronograma:

📅 01/02/2020
  • O Castelo no Céu (1986)
  • Meu Amigo Totoro (1988)
  • O Serviço de Entregas da Kiki (1989)
  • Memórias de Ontem (1991)
  • Porco Rosso: O Último Herói Romântico (1992)
  • Eu Posso Ouvir o Oceano (1993)
  • Contos de Terramar (2006)

📅 01/03/2020
  • Nausicaä do Vale do Vento (1984)
  • Princesa Mononoke (1997)
  • Meus Vizinhos, Os Yamadas (1999)
  • A Viagem de Chihiro (2001)
  • O Reino dos Gatos (2002)
  • O Mundo dos Pequeninos (2010)
  • O Conto da Princesa Kaguya (2013)

📅 01/04/2020
  • Pom Poko: A Grande Batalha dos Guaxinins (1994)
  • Sussurros do Coração (1995)
  • O Castelo Animado (2004)
  • Ponyo - Uma Amizade que Veio do Mar (2008)
  • Da Colina Kokuriko (2011)
  • Vidas ao Vento (2013)
  • As Memórias de Marnie (2014)

Novidade de Fevereiro/20 - Suma de Letras

12 de fevereiro de 2020

Terror a Bordo - 17 histórias turbulentas - Stephen King (Org.) e Bev Vincent (Org.)
Stephen King odeia voar.
E agora, junto com seu coeditor Bev Vincent, ele está pronto para compartilhar esse medo com você.
Bem-vindos a Terror a bordo, uma antologia sobre tudo que pode dar terrivelmente errado quando se está a 20 mil pés de altura, cortando os céus a 800 km/h, preso em uma caixa de metal com centenas de desconhecidos.
Aqui você vai encontrar todas as maneiras como sua agradável viagem pelos ares pode se transformar em um pesadelo, incluindo algumas formas que você nunca imaginou... mas que vai imaginar da próxima vez em que estiver atravessando a ponte de embarque e entregando sua vida nas mãos de um estranho.
Incluindo histórias inéditas de Joe Hill e Stephen King, além de catorze contos clássicos e um poema de mestres como Richard Matheson, Ray Bradbury, Roald Dahl, Dan Simmons e muitos outros, Terror a bordo é, nas palavras de Stephen King, "perfeito para ler em aviões, principalmente durante aterrisagens turbulentas".

Novidades de Fevereiro/20 - Companhia das Letras

O Inominável Atual - Roberto Calasso
Turistas, terroristas, secularistas, fundamentalistas, hackers. Todos esses personagens habitam e movimentam o inominável atual – um mundo ilusório, que parece ignorar seu passado, mas cuja forma já fora prenunciada entre 1933 e 1945, quando tudo parecia se voltar para a autoaniquilação.
Nesse livro iluminador, o italiano Roberto Calasso – chamado de "instituição literária" pela The Paris Review – oferece uma elegante reflexão sobre as transformações que ocorrem nas sociedades de hoje, em que a era da ansiedade de W. H. Auden dá lugar a algo muito mais perturbador: a era da inconsistência.


Contra a Interpretação e outros ensaios - Susan Sontag
Uma série de discussões provocativas sobre os temas culturais mais prementes da década de 1960, este livro é a coletânea definitiva dos trabalhos mais conhecidos e importantes de Susan Sontag e foi a obra que a consagrou como uma das pensadoras mais incisivas do nosso tempo.
Publicada pela primeira vez em 1966, esta coletânea de ensaios nunca saiu de catálogo e influenciou profundamente muitas gerações de leitores, assim como o campo da crítica cultural no mundo todo. Inclui os textos revolucionários "Notas sobre o camp" e "Contra a interpretação", e também o debate acalorado de Sontag sobre autores como Sartre, Camus, Weil, Godard, Beckett, Lévi-Strauss, a psicanálise, filmes de ficção científica e o pensamento religioso contemporâneo.
Além da nova tradução, esta edição traz o posfácio "Trinta anos depois", no qual Sontag reafirmou os termos de sua batalha contra os filisteus, contra uma ética frágil e contra a indiferença.

Wishlist #86 - Funkos de Cinderella

11 de fevereiro de 2020

Essa Funko não cansa mesmo de surpreender e deixar as pessoas falidas, né non? Eu que já coleciono - e sofro - por colecionar Disney, quase morri quando vi esse lançamento de um mini set de Cinderella. Já posso surtar?