18 de janeiro de 2017

Novidades de Janeiro - Leya

O Enigma de Blackthorn - Christopher Rowe #1 - Kevin Sands

Após uma série de assassinatos, um aprendiz de boticário precisa solucionar enigmas e decifrar códigos na busca por um segredo que pode destruir o mundo.
Poções, quebra-cabeças e uma ou outra explosão. Tudo isso pode acontecer em um dia normal de trabalho do jovem Christopher Rowe, aprendiz de boticário. Mas o que ele não sabe, e logo vai perceber, é que este é um péssimo momento para ser assistente de Benedict Blackthorn. Uma série de assassinatos abala Londres, e Christopher está na mira. Seus únicos aliados são seus melhores amigos. Suas únicas pistas são uma mensagem codificada sobre o projeto mais perigoso de seu mestre, e um aviso criptografado: “Não conte a ninguém!”. Agora, resta a ele desvendar o código e descobrir o segredo que pode destruir a humanidade. Ou se tornar a próxima vítima.
Uma história que faz perder o fôlego, repleta de suspense, mistério, e personagens inesquecíveis.

Às na Manga - Wild Cards #6 - George R. R. Martin

Os super-heróis mais poderosos e os vilões mais bizarros estão de volta nos novos volumes da saga de ficção científica de George R.R. Martin.
Mesmo que um dia Games Of Thrones acabe, ninguém ficará órfão das tramas do gigante George Martin. Os direitos de adaptação de Wild Cards para a televisão foram comprados e as filmagens devem começar ainda em 2017!
Em Atlanta, começam as preparações para a disputa eleitoral. De um lado, o carismático Gregg Hartmann, candidato liberal que representa o interesse os curingas, do outro, o conservador Reverendo Barnett, com sua política de mais segregação e opressão. Quase quarenta anos depois, a população ainda enfrenta as consequências da devastação que o vírus alienígena causou. Os curingas continuam vivendo à margem da sociedade, e apenas com a possível candidatura de Hartmann há uma promessa de que essa realidade comece a mudar. O que poucos sabem é que Hartmann não é o bom moço que parece. Por trás de todo o seu engajamento político e da assistência que presta aos curingas, ele utiliza certas artimanhas nada honrosas para se aproveitar da vulnerabilidade deles e, assim, alavancar sua carreira.
Em meio a uma trama política que envolve jogos de poder e interesse, ases e curingas disputam o controle da nação, que tenta a todo custo se reconstruir e superar a herança de separação e sofrimento que o vírus carta selvagem instaurou na sociedade americana.
Editado e coescrito por George R.R. Martin, a série “Wild Cards” nos apresenta um planeta Terra com sua história completamente alterada pela chegada de um vírus alienígena que deu superpoderes a quem sobreviveu a seus efeitos. Como o homem reagiria a esses poderes? Como se daria a política americana com essas pessoas entrando em equação? Como as obsessões e paranoias da população seriam afetadas? Cruelmente real e adequada ao momento histórico atual, essa é a história de super-heróis que as revistas em quadrinhos não contam.

A Mão do Homem Morto - Wild Cards #7 - George R. R. Martin

Os super-heróis mais poderosos e os vilões mais bizarros estão de volta nos novos volumes da saga de ficção científica de George R.R. Martin.
Mesmo que um dia Games Of Thrones acabe, ninguém ficará órfão das tramas do gigante George Martin. Os direitos de adaptação de Wild Cards para a televisão foram comprados e as filmagens devem começar ainda em 2017!
Uma notória curinga conhecida como Chrysalis foi morta. Um detetive particular e um policial de Nova York saem em busca do assassino. A saga que conta a história de um mundo profundamente transformado pelo impacto do vírus Carta Selvagem continua, agora com toques de mistério e romance policial, além da ação que já a caracterizava.
Editado e coescrito por George R.R. Martin, a série “Wild Cards” nos apresenta um planeta Terra com sua história completamente alterada pela chegada de um vírus alienígena que deu superpoderes a quem sobreviveu a seus efeitos. Como o homem reagiria a esses poderes? Como se daria a política americana com essas pessoas entrando em equação? Como as obsessões e paranoias da população seriam afetadas? Cruelmente real e adequada ao momento histórico atual, essa é a história de super-heróis que as revistas em quadrinhos não contam.

Mulheres Perigosas - George R. R. Martin

George R. R. Martin apresenta as mulheres mais perigosas dos livros de fantasia.
No ano em que o filme Rogue One chega às telas com uma heroína que reina absoluta, forte e autônoma, você vai conhecer as mulheres mais perigosas da literatura de fantasia mundial. Editada por George R. R. Martin, esta antologia traz 21 histórias inéditas sobre magia, ciúme, ambição, traição e rebeldia para Joana D’Arc nenhuma botar defeito. Esqueça o estereótipo de mulheres vítimas e heróis másculos enfrentando sozinhos qualquer perigo. Aqui você irá encontrar mulheres guerreiras, intrépidas pilotas, destemidas astronautas, perversas assassinas, heroínas formidáveis, sedutoras incorrigíveis e muito mais.
Assinado por monstros da ficção científica e fantástica como Brandon Sanderson, (“Mistborn”), Megan Lindholm (“A Saga do Assassino”, sob o pseudônimo Robin Hobb), Melinda M. Snodgrass, Caroline Spector (“Wild Cards”) e novos nomes da literatura jovem como Megan Abbott (A febre) e Diana Gabaldon (“Outlander”), o volume conta ainda com uma novela do próprio Martin sobre A dança dos dragões, a guerra civil que assolou Westeros dois séculos antes dos acontecimentos de A guerra dos tronos.
Mulheres perigosas é um livro simplesmente imperdível, daqueles que você não consegue parar de ler. Prepare-se para todo o tipo de perigo e para perder o fôlego com essas mulheres mais que poderosas.

Novidades de Janeiro - Galera Record

Busca e Destruição - The Walking Dead #7 - Jay Bonansinga

Lilly Caul e seu bando acreditaram que a paz estava mais próxima. Uma velha ferrovia que ligava Woodbury e Atlanta permitiu um projeto de reconstrução que acarretaria uma nova era de trocas, progresso e democracia. Isso até a cidade ser mais uma vez atacada e todas as crianças raptadas. Quem seria capaz submeter inocentes a tal violência gratuita, e por quê? As respostas para tais perguntas vão revelar que os mortos-vivos não são o maior problema do mundo pós-apocalipse. O maior dos desafios sempre repousa em seus adversários humanos...

A Festa dos Sonhos - Era Outra Vez #4 - Sarah Mlynowski

O quarto volume da série que mistura contos de fadas e problemas modernos para ensinar às crianças a lidar com várias situações do dia a dia.
Tudo o que Abby queria era passar uma noite tranquila e divertida comendo brigadeiros e trocando segredinhos com a melhor amiga, Robin. Tudo o que Abby não queria era ser sugada novamente para dentro de um conto de fadas, ainda por cima vestindo um pijama.
Tudo o que a Bela Adormecida queria era dormir por cem anos, acordar e conhecer seu príncipe encantado. Tudo o que a Bela Adormecida não queria era descobrir que a amiga sonâmbula de Abby tomou seu lugar e chegou antes na roca enfeitiçada.
E Jonah, bem, tudo o que ele queria era um cachorrinho fofo e um crocodilo que luta caratê (irmãos mais novos são tão bobos!). Mas nem nos contos de fadas as coisas acontecem como o desejado. E sobrou para Abby salvar o dia mais uma vez!

Diários do Vampiro: O Despertar - Diários do Vampiro #1 - L. J. Smith (Ed. de luxo)

Edição de luxo, em capa dura do primeiro volume da saga de L. J. Smith deu origem à série de televisão Vampire Diaries.
Em Despertar, um triângulo amoroso entre dois vampiros e uma bela jovem, que conquistou uma enorme legião de leitores. Elena: a garota que pode conquistar o que quiser. Stefan: soturno e misterioso, ele terá de lutar para proteger Elena dos horrores que assombram seu passado. Damon: sexy, perigoso e guiado por um ódio cego, tudo que ele quer é se vingar de Stefan, o irmão que o traiu.

Novidades de Janeiro - Universo dos Livros

Deep - Stage Dive #4 - Kylie Scott

A série mais sexy dos últimos tempos chega ao final... Positivo. Com aquelas duas linhas do teste de gravidez, tudo na vida de Lizzy Rollins, uma simples estudante de Psicologia, estava prestes a mudar para sempre. E tudo por causa de um grande erro em Las Vegas, cometido com Ben Nicholson, o irresistível baixista da banda Stage Dive. E daí que Ben é o único homem que fez Lizzy se sentir completamente segura, adorada e descontrolada de desejo ao mesmo tempo? A universitária sabe que o lindo astro do rock não quer nada além de um pouco de diversão, ainda que ela mesma busque justamente o contrário. Por outro lado, Ben sabe que Lizzy está em zona proibida. Totalmente. Ela é a nova cunhadinha do seu melhor amigo, e pouco importa o quanto a química entre ambos seja fenomenal, não importa o quão sexy e doce ela seja: o baixista não vai tomar nenhuma atitude. No entanto, quando Ben precisa mantê-la longe de problemas na Cidade dos Pecados, ele rapidamente descobre que o que acontece em Vegas nem sempre fica em Vegas. A partir daquele momento,Ben e Lizzy estarão ligados do modo mais profundo que existe... mas será que isso os fará ligar seus corações?

A sabedoria de Tyrion Lannister - Lambert Oaks

Tyrion Lannister é um dos personagens mais emblemáticos e queridos pelos fãs de Game of Thrones. Uma das figuras mais inteligentes e menos conformistas da saga, e talvez por isso mesmo o personagem favorito de George R. R. Martin. Sua eloquência e agilidade mental compensam em muito sua baixa estatura.
Tyrion Lannister não se contém na hora de dizer o que pensa ou fazer o que lhe apetece, e enfrenta quem for necessário sem desanimar nem retroceder. A fim de inspirar os inúmeros apreciadores da série – e em particular os fãs do amado personagem –, esse livro visa trazer a sabedoria de Tyrion para o nosso cotidiano.
A sabedoria de Tyrion Lannister, que serve como um manual para a vida, é estruturado em 55 máximas de Tyrion Lannister e 46 de outros personagens de Game of Thrones. Com este livro, é possível aprender onde estão nossos potenciais e aproveitar nossas fraquezas para superar os desafios, assim como passar à ofensiva antes que seja tarde demais e nos orientar na busca pela felicidade em meio ao tédio cotidiano.

Nujeen - Nujeen Mustafa e Christina Lamb

A emocionante jornada de uma garota que fugiu da guerra na Síria em uma cadeira de rodas e se tornou inspiração para milhares de pessoas em meio a uma tragédia humanitária.
Escrito pela mesma coautora de “Eu sou Malala”.
Christina Lamb, premiada jornalista e coautora do best-seller Eu sou Malala, agora conta a história inspiradora de outra notável jovem heroína: Nujeen Mustafa. A angustiante jornada de Nujeen para fugir da Síria devastada pela guerra até chegar à Alemanha é uma história empolgante de força, coragem e esperança que dá um rosto para a grande questão humanitária do nosso tempo: a crise dos refugiados sírios.
Para milhões de pessoas ao redor do mundo, essa adolescente de dezessete anos personifica o melhor do espírito humano. Com a locomoção limitada à cadeira de rodas devido à paralisia cerebral e sem poder frequentar a escola na Síria por causa de sua doença, Nujeen aprendeu inglês sozinha, assistindo a novelas americanas na TV. Quando sua pequena cidade se transformou no epicentro do combate brutal entre os militantes do Estado Islâmico e os soldados curdos apoiados pelos EUA, em 2014, ela e sua família foram obrigados a fugir.
Apesar de suas limitações físicas, Nujeen iniciou a árdua jornada rumo à segurança e a uma nova vida. A exaustiva odisseia de dezesseis meses incluiu viagens de ônibus e travessias em botes, através da Turquia e do Mar Mediterrâneo até a Grécia, através da Macedônia até a Sérvia e a Hungria e, finalmente, até a Alemanha. Ainda assim, apesar de todas as dificuldades físicas, o extraordinário otimismo de Nujeen jamais esmoreceu. Ela manteve a cabeça erguida, recusando-se a ceder ao desespero ou a enxergar a si mesma como uma vítima passiva. “Você precisa lutar para conseguir o que deseja neste mundo”, disse a um repórter da BBC.
A positividade e a coragem de Nujeen permeiam esta história inesquecível de uma jovem determinada a encontrar uma vida melhor para si mesma. Este é um livro de memórias poderoso e único, que retrata a crise dos refugiados sírios, ajudando-nos a entender que o mundo precisa mudar, ao mesmo tempo em que nos oferece a inspiração para transformar essa mudança em realidade.

Madre Teresa - Madre Teresa de Calcutá

Emocione-se com o testemunho inabalável de esperança e fé de Madre Teresa de Calcutá. Por meio de suas próprias palavras, celebre a vida e a obra de uma das maiores figuras humanitárias do nosso tempo. Canonizada em 2016 pelo Papa Francisco e ganhadora do prêmio Nobel da Paz em 1979, Madre Teresa é uma das líderes espirituais mais conhecidas e mais amadas do mundo. Ela inspirou milhões de pessoas com seu extraordinário exemplo de trabalho altruísta e repleto de compaixão pelos pobres, doentes e excluídos. Até sua morte, em 1997, ela foi uma voz firme de amor e fé, proporcionando orientação e bondade imensuráveis para os “mais pobres dos pobres”, feito conseguido com a ajuda de suas Missionárias da Caridade. Madre Teresa: Amor maior não há apresenta a sabedoria essencial de Madre Teresa — uma compilação de seus ensinamentos mais inspiradores e acessíveis nunca antes publicados. Esta obra apresenta o pensamento de Madre Teresa sobre o amor, a doação, a prestação de serviços, o perdão e muito mais. O livro traz ainda uma biografia e uma conversa reveladora com Madre Teresa a respeito das alegrias e desafios específicos presentes em seu trabalho com os pobres e necessitados. Publicada para celebrar sua canonização em 2016, esta edição inclui também a homilia proferida pelo Papa João Paulo II na missa de sua beatificação em 2003, e a homilia do Papa Francisco na missa de canonização em 2016.
Sobre a autora: Madre Teresa de Calcutá foi uma religiosa católica de origem libanesa que dedicou a vida ao próximo. Fundou a congregação Missionárias da Caridade, em 1950, e recebeu diversos prêmios em decorrência desse trabalho, como o Nobel da Paz em 1979 e a Medalha Presidencial da Liberdade em 1985. Em 2003, foi beatificada pelo Papa João Paulo II e, em 2016, canonizada pelo Papa Francisco.


17 de janeiro de 2017

Jantar Secreto - Raphael Montes

Título: Jantar Secreto
Autor: Raphael Montes
Editora: Companhia das Letras
Gênero: Thriller/Suspense/Literatura nacional
Ano: 2016
Páginas: 360
Nota:
Onde Comprar: Saraiva | Submarino | Americanas
Sinopse: Um grupo de jovens deixa uma pequena cidade no Paraná para viver no Rio de Janeiro. Eles alugam um apartamento em Copacabana e fazem o possível para pagar a faculdade e manter vivos seus sonhos de sucesso na capital fluminense. Mas o dinheiro está curto e o aluguel está vencido. Para sair do buraco e manter o apartamento, os amigos adotam uma estratégia heterodoxa: arrecadar fundos por meio de jantares secretos, divulgados pela internet para uma clientela exclusiva da elite carioca. No cardápio: carne humana. A partir daí, eles se envolvem numa espiral de crimes, descobrem uma rede de contrabando de corpos, matadouros clandestinos, grã-finos excêntricos e levam ao limite uma índole perversa que jamais imaginaram existir em cada um deles.

Resenha: Jantar Secreto, do mesmo autor de Dias Perfeitos, conta - com direito a muito sangue e canibalismo - a história de Dante, Miguel, Leitão e Hugo. Os amigos sempre tiveram o sonho de viver numa cidade grande e realizar sonhos, mas a vida não é um conto de fadas. Com frustrações que surgem aos poucos para cada um, vem o desânimo e a vontade de desistir. Um problema inesperado, que exige muito dinheiro para ser resolvido, coloca os jovens num beco sem saída. A solução mais fácil encontrada para levantar a grana é promover jantares de carne humana.

Raphael Montes, jovem autor que teve seu livro Dias Perfeitos traduzido e comercializado no exterior, dá mais um passo na carreira com Jantar Secreto. Classificado no gênero policial, a obra caminha mais para o lado do suspense psicológico do que uma trama investigativa. Aos fãs de investigação, que sempre buscam por um quebra-cabeça complexo para ser resolvido, saibam que a jornada de Dante e seus amigos é mais um drama psicológico recheado a muito sangue.

A narração é feita por Dante, numa espécie de diário, relatando como os fatos se sucederam até chegarem aos jantares secretos. A personalidade do rapaz é moldada a partir dos anseios e medos que um jovem de vinte e poucos anos tem, em uma cidade nova, frustrado com sua carreira profissional e sem uma boa visão do futuro. Em uma prosa simples e direta, o autor desenvolveu em Dante um personagem complexo que tem certa fragilidade. Ele é altos e baixos o tempo todo, e essa personalidade instável é garantia de reviravoltas a qualquer momento. O que faltou foi, com certeza. descobrir mais sobre os seus amigos. Como todos fazem parte de um grande esquema e se envolvem muito nisso, seria esperado ter um ponto de vista deles, mesmo que curto, para entender melhor cada um. Tudo que se sabe dos outros é o que Dante enxergava, mesmo que nem ele mesmo pudesse concluir muito a respeito. Miguel, por exemplo, seria de grande proveito se tivesse tido um espaço maior. Apenas Cora, com suas falas afiadas e humor mordaz, consegue se sobressair no grupo.

Muito da capacidade de desenvolver uma história que se torne dinâmica vem da narrativa, e Raphael Montes sabe como fazer isso. A forma de escrita é muito simples e concisa, com capítulos que passam rapidamente sob os olhos, com um texto polido. Entretanto, essa velocidade. às vezes, atropela um pouco o que poderia ter ganhado mais atenção. Aqui, voltamos ao ponto de que, apesar de ser classificado como policial, o livro passa longe disso. O protagonista é um jovem com problemas psicológicos e fica nítida sua fragilidade emocional. Ele, o Dante, é sim bem explorado em suas nuances. No mais, uma boa parte da história, logo após a metade, é inconclusiva demais. A motivação para o crime não é forte o suficiente, os acontecimentos se desenvolvem de maneira rasa e sem muita argumentação e num epilogo, que serve para dar um desfecho a um mistério um tanto que irrelevante, fica evidente que o autor precisa dar mais atenção em como terminar suas tramas. Inesperado, mas não surpreendente, a conclusão parece ter sido escrita às pressas e sem nenhuma preocupação com seguir o nível que todo o conjunto teve. A leitura é como andar de montanha-russa, e o final parece apenas algumas voltinhas num carrossel.

Jantar Secreto é um prato cheio de muito sangue num submundo do canibalismo ambientado na cidade maravilhosa. O talento do autor é evidente, e isso se mostra mais uma vez com esta obra. Exceto por alguns fatos e pelo final que é caricato demais (parecendo até uma cena de um filme de terror categoria B), a leitura é mais que indicada. Para quem gosta de muita tensão psicológica, vá fundo, mas cuidado: você irá se deparar com muito sangue e corpos mutilados.