19 de junho de 2015

A Rainha Vermelha - Victoria Aveyard

Título: A Rainha Vermelha - A Rainha Vermelha #1
Autora: Victoria Aveyard
Editora: Seguinte
Gênero: Distopia/YA
Ano: 2015
Páginas: 422
Nota
Onde Comprar: Saraiva | Submarino | Americanas
Sinopse: O mundo de Mare Barrow é dividido pelo sangue: vermelho ou prateado. Mare e sua família são vermelhos: plebeus, humildes, destinados a servir uma elite prateada cujos poderes sobrenaturais os tornam quase deuses.
Mare rouba o que pode para ajudar sua família a sobreviver e não tem esperanças de escapar do vilarejo miserável onde mora. Entretanto, numa reviravolta do destino, ela consegue um emprego no palácio real, onde, em frente ao rei e a toda a nobreza, descobre que tem um poder misterioso… Mas como isso seria possível, se seu sangue é vermelho?
Em meio às intrigas dos nobres prateados, as ações da garota vão desencadear uma dança violenta e fatal, que colocará príncipe contra príncipe — e Mare contra seu próprio coração. 

Resenha: A Rainha Vermelha é o primeiro livro de uma trilogia de mesmo nome escrito pela autora Victoria Aveyard e publicado no Brasil pela Editora Seguinte.
O mundo já não é mais o mesmo. O ano é 320 da Nova Era e a sociedade é dividida pelo sangue que corre nas veias dos cidadãos. De um lado estão os vermelhos, que nasceram em condições precárias, miseráveis e vivem para servir. Do outro lado, estão os prateados, que são a elite e se destacam por terem desenvolvido poderes especiais (e algumas vezes terríveis) de manipulação ou controle e, assim, detém o poder sobre os primeiros sendo superiores em todos os sentidos.
Há um sistema político onde a monarquia de Norta dita as leis e o reino vive em uma guerra constante. Por mais que existam soldados prateados ou gladiadores que lutem exibindo seus poderes nas arenas de Efemérides, os vermelhos são os enviados à linha de frente para serem usados como iscas e escudo humano na guerra.
Em meio a este cenário, conhecemos Mare Barrow, uma vermelha que mora no vilarejo de Palafitas e que está prestes a atingir a maioridade e ser enviada ao front. Ela vem de uma família simples e é a quarta de cinco irmãos. Seus três irmãos mais velhos já foram enviados à guerra por não terem conseguido arranjar um emprego fixo antes de completar dezoito anos, e a mais nova, Gisa, tem um emprego como aprendiz de costureira no castelo e é um exemplo do que os pais gostariam que Mare seguisse. Ela odeia os prateados por tudo o que são e por tudo o que fazem contra os vermelhos e não pode fazer nada pra mudar isso. O que Mare faz frequentemente pra ajudar no sustento da família é cometer roubos, e isso é uma vergonha para os seus pais.
Mare cultiva uma amizade fiel com Kilorn desde a infância. Ele também está pra completar dezoito anos e é aprendiz de pescador. A vida dele parece estar garantida longe da guerra, mas as circunstâncias tomam outro rumo quando a situação muda de cenário após uma reviravolta do destino e Mare se encontra com um trabalho no palácio real e descobre ser dona de um poder que jamais imaginou que pudesse ter...

Devido ao grande sucesso da obra seguido pela sua adaptação cinematográfica, as expectativas estavam nas alturas, e tive um pouco de receio ao saber que a história tinha elementos já conhecidos e que, de certa forma, lembravam outras, como X-Men, Jogos Vorazes, As Crônicas de Gelo e Fogo e até A Seleção. Meu medo era me deparar com uma história nada original e que poderia cair em clichês, mas a autora conseguiu construir um enredo super convincente num cenário fantástico e presenteou os leitores com algo incrível e surpreendente, mesmo que já visto. O livro, com certeza, superou as expectativas e se tornou um dos melhores que já li.
Com uma escrita fluída, fácil e completamente viciante, A Rainha Vermelha é uma fantasia épica - e até escura - com um leve toque de distopia contemporânea voltado ao público jovem adulto. Não acredito que possa ser classificado inteiramente como uma distopia pois há uma monarquia e, obviamente, os súditos devem obedecer as leis impostas pelo rei. Inclusive são os prateados que, até então, disputam o poder entre si e buscam por alianças a fim de fortalecer a si próprios através de casamentos arranjados e combinações de poderes.
Narrado em primeira pessoa pelo ponto de vista da protagonista, acompanhamos a saga de Mare, que se encontra numa situação difícil envolvendo questões políticas e pessoas poderosas cujas intenções, além de não serem muito claras, nunca são confiáveis. Mare descobre ser mais especial do que pensa quando, na Prova Real, um evento no palácio onde jovens se apresentam para o príncipe herdeiro em busca de se tornarem a futura rainha, ela descobre possuir poderes, e isso a coloca numa posição delicada e muito perigosa pois é algo jamais visto e que poderá por abaixo o sistema de controle do reino. A rainha quer mantê-la sob vigilância constante para descobrir mais sobre o que houve.
Paralelamente a isso, um grupo rebelde intitulado Guarda Escarlate composto por vermelhos luta por liberdade usando de violência contra os prateados. Mas atacar a elite é um ato imperdoável e eles não irão deixar isso barato tornando a ação da trama frenética e um enorme clima de tensão no ar.
Sobre o romance, não vou negar que não exista, mas o foco não é este e fiquei super agradecida em não encontrar nada que pudesse considerar meloso ou que desviasse a atenção dos personagens que estão num conflito de uma complexidade sem tamanho e não poderiam perder tempo com isso. A questão envolve muito mais confiança do que preocupações com quem ficar ou não ficar, principalmente por Mare estar num lugar onde qualquer um pode trair qualquer um.
Mare vive uma mentira num mundo que pra ela era desconhecido, em meio a pessoas que nunca são quem parecem ser, mas ainda assim precisa continuar com isso a fim de proteger sua família além de ajudar os vermelhos a serem tratados como iguais enquanto luta para derrubar a desigualdade.

A autora caracterizou os personagens de forma genial. Os prateados, por possuírem o sangue desta cor, tem a aparência fria, e combinando isso com a posição hierárquica em que eles se encontram além das Casas que ocupam, tudo fez muito mais sentido e se tornou bastante crível. Seus superpoderes tem classificações de acordo com o que podem fazer, então nos deparamos com "Murmuradores" (telepatas que podem controlar e ler mentes alheias), "Ninfoides" (manipulam a água), "Verdes" (controlam a vegetação), "Clonadores" (se multiplicam), "Magnetrons" (controlam e manipulam metais), "Curandeiros" e etc... Podemos perceber uma enorme referência a X-Men e não pude deixar de "identificar" poderes de alguns personagens já conhecidos e bem famosos nesta história mas que, considerando personalidade e objetivos, seguem por um caminho totalmente diferente usando seus poderes para outros propósitos.
Já os vermelhos são a escória, são escravizados, desumanizados, e representam o povo oprimido e sofredor que está em busca da liberdade que parece impossível ter.

A capa dá ideia do que a história nos reserva e, mesmo que seja aparentemente simples, é cheia de significado e nos permite supor onde a protagonista poderá chegar em sua trajetória...

A Rainha Vermelha é uma história recheada de violência e conspirações, que faz o leitor refletir sobre a inversão de valores, o preconceito e a opressão que alguns enfrentam, mas retrata uma verdadeira luta pelo autoconhecimento e pela superação a fim de atingir objetivos importantes e realmente dignos de se alcançar.
Já entrou para os favoritos e resta aguardar os próximos livros ansiosa...


45 comentários

  1. Flávia,

    Acredita que eu fiquei curiosa por esse livro, mas jamais imaginei o que me esperava nas páginas, eu simplesmente devorei a prova e não consegui largar e deixar de compartilhar meus sentimentos durante a leitura no twitter.
    Eu já me sinto eufórica e ansiosa para ter em mãos a continuação que vai demorar um pouco chegar por aqui.

    xoxo
    Mila F.
    @camila_marcia
    www.delivroemlivro.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Flávia, tudo bom?
    Que resenha maravilhosa, fiquei encantada pela história, preciso ler urgentemente!
    Um beijo
    Garota do Livro

    ResponderExcluir
  3. Estou louca por este livro, muitos leitores gringos dizem que é muito bom e já garanti o meu na pré-venda ♥
    Um beijão
    http://veludoturquesa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Eu quero muito ler esse livro e não vejo a hora do meu chegar para poder ler. Também estava um pouco receosa de que o livro fosse mais do mesmo sabe? mas pelo jeito não é.

    Beijo
    www.cidadedascerejas.com

    ResponderExcluir
  5. Flávia! Tudo bem??

    Esse livro está na minha lista de loucamente desejados! E com a sua resenha fiquei mais ansiosa ainda. Não fazia ideia de que a autora tinha se inspirado em todas essas histórias e falado abertamente sobre isso. (Só não entendi o que você quis dizer com 'filme'. Existe um?? Ou estava se referindo às inspirações para A Rainha Vermelha?)

    Sua resenha foi sensacional e é muito bom saber que por mais que tenha "mais do mesmo", consegue agradar e surpreender os leitores com uma história - curiosamente - original. Ao invés de ver como cópia, considero fanfics hahaha

    Quando eu ler, vou marcar as referências que encontrar! (adoro X-men e cia.!!)

    Beijos, Iza
    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Oi Flavia,
    Confesso que fiquei com vontade de ler só pela capa, bem depois fui descobrir qual era a história. Adorei os pontos que você destacou na resenha... principalmente por saber que tem conspiração.

    Coração Leitor

    ResponderExcluir
  8. Resenha maravilhosa! Super anciosa para ler!

    ResponderExcluir
  9. Flavia, parabéns, a resenha ficou maravilhosa, muito bem escrita, me deixou ainda mais ansiosa para ler. Pelo que pude perceber ,mesmo em meio a parte fantástica da história( poderes etc) ,o livro tem uma mensagem social muito forte no que diz respeito a hierarquia da sociedade.

    ResponderExcluir
  10. Desde seu lançamento A Rainha Vermelha me chamou muito a atenção e por sua resenha, que diga-se de passagem, está incrível e conseguiu me mostrar com maior profundidade a história que envolve Mare sem dar spoilers, fiquei ainda mais curiosa para ler esta obra.
    A Rainha Vermelha parece ser um livro que tem tudo que gosto: Ação, conspiração, personagens complexos e mistérios a serem desvendados. Sem deixar de mencionar ainda, a reflexão que ele nos traz sobre diversos aspectos da sociedade.
    Fiquei contente em saber que apesar da existência do romance, ele não perde o foco com dilemas amorosos, o que é muito sensato levando em conta que o jogo por poder pode mudar de uma hora para outra e ficar de olhos abertos e a mente focada em seus objetivos é o que realmente importa.
    A capa do livro é linda e estou curiosa para saber que mensagens ela oculta sobre o destino de nossa protagonista.
    Abraços

    ResponderExcluir
  11. Na hora que eu vi essa capa me veio a cabeça "A Seleção, até pensei que estava desinformada e acabou lançando mais um.
    A capa conquista qualquer um, mas a história... Queria algo diferente, surpreendente, estou cansada dessas mesmas histórias que muda pouca coisa. Lendo a resenha você me deixou curiosa, parece ser boa, vou dar uma chance. Não queria mais trilogia, muito dinheiro para comprar e paciência para esperar continuação.

    ResponderExcluir
  12. Eu estava com vontade de ler o livro antes, depois dessa sua resenha eu simplesmente necessito ler, incrível, parabéns !

    ResponderExcluir
  13. Essa resenha me lembrou muuuuuuuito de A Seleção que eu amo de mais e acabou me deixando muito curiosa pra eu ler esse livro. Eu preciso e vou ler, rs.
    Beijos Flávia.

    ResponderExcluir
  14. adorei a indicação que o livro parece muito bom obrigada

    ResponderExcluir
  15. Gostei da capa e da resenha, a historia cheia de personagens marcantes, divisão de povos, soberania, poder, opressão elementos que deixam a leitura mais interessante, com certeza já está na minha lista de leitura!!!

    ResponderExcluir
  16. Flávia!
    Gosto de fantasias épicas carregadas de violência, reviravoltas, conspirações e ainda nos faz refletir sobre os valores da vida.
    Gosto também das castas, poder, hierarquia e todo a orde de poder...
    O livro deve ser fabuloso!
    “Tudo vale a pena quando a alma não é pequena.”(Fernando Pessoa)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe no nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
  17. Muito interessado em ler esse livro. Parece ser uma boa história e quero muito ver essa relação dos sangues - vermelhos e prateados - se desenvolver.

    ResponderExcluir
  18. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O comentário acima foi excluído por conter irregularidades.

      Excluir
  19. Já li muitas resenhas sobre esse livro ... e realmente essa foi a que me deixou com mais vontade de ler !!! parece ser um livro que que promete muuuito !!! parabéns pela resenhista e pela equipe toda do blog !!!

    ResponderExcluir
  20. Eu estava apaixonada pela capa desse livro, e com a sua resenha eu quero e muito ler esse. Bem o tipo de livro que eu gosto. Parabéns pela resenha

    | Minha Fuga da Realidade | Facebook MFdR |

    ResponderExcluir
  21. Oi Flávia, já deu pra perceber o porquê desse livro ser elogiado por tanta gente! Até uma amiga me recomendou e tenho certeza que A Rainha Vermelha entra pra minha lista interminável de distopias que tenho que ler. Adoro o gênero e estou ansiosa :) Bjs

    ResponderExcluir
  22. Um dos melhores livros que li esse ano, tudo na historia me conquistou e já sei que será mais uma saga que irá monopolizar minha vida. Li no inicio do ano em inglês e simplesmente em cada pagina, encontrei quotes que me faziam ter surtos, os personagens são tão únicos e mesmo quem foi terrivelmente cruel, chegou no final e eu não consegui odiar *vulgo Maven¬¬*. Enfim, morrendo de ansiedade pelo glass sword e pelos contos, por noticias do filme e cast, será uma aventura imensamente prazerosa acompanhar esses livros ganharem vida no cinema.

    ResponderExcluir
  23. Gosto muito de suas resenhas, E quero lê esse livro..^_^...
    Tô aprendendo a fazer resenhas e as suas ajudam bastante, obrigado..<3

    ResponderExcluir
  24. Hello!!
    Nossa, eu comprei o livro e estou maravilhada com a capa, pelo computador nao da pra ver a beleza do livro, mas qdo chegou aqui eu so fiquei impressionada, como vc disse a capa revela mtas coisas, hehe.
    A história está mtooooo boa, eu li tudo em 2 dias e fiquei louca pra ler logo o proximo.
    Eu suspeitei de algumas coisas,e o final é mto bom.... a escrita está mto boa, conseguia imaginar todas as cenas.
    Recomendo demais!

    ResponderExcluir
  25. Andava meio cansada de distopias, mas esse mê deu muita vontade de ler.
    Mas sobre não ser bem uma distopia e pq tem monarquia. Distopia não é algo que acontece no futuro com governo totalitário?
    bjos
    www.inspirationbox.com.br

    ResponderExcluir
  26. Eu tô com muita vontade de ler esse livro depois que a minha irmã veio falar sobre a sinopse dela, sem contar que eu amo historias que envolvam princesa/poderes algo assim, me apaixonei pela capa e amei muito sua resenha. Aumentou a minha louca vontade pra ter esse livro logo!
    PS. Fiquei sabendo que vai virar filme? Verdade, será?

    ResponderExcluir
  27. Já ouvi falar bastante desse livro e todos os comentários foram positivos, após ler sua resenha fiquei curiosa para lê-lo, pois parece realmente interessante. Foi bom saber que apesar de carregar a essência das distopias, a obra tem o seu diferencial. Algo que também achei curioso foi o fato de o romance não ser predominante, parece algo bom, acho que dá um toque mais cru a realidade vivenciada pela protagonista, não que eu não goste dos romances, eu adoro rs, mas é legal ler algo que foge um pouco do padrão *-*

    ResponderExcluir
  28. Amei a capa do livro, e amei a história ser sobre divisão pelo sangue, espero ansiosamente pelo lançamento do resto da série.
    Beijos

    ResponderExcluir
  29. Eu amei a resenha, eu não leio muito resenhas de livros essa é a primeira que eu li, e super bem escrito! Parabéns Flavia!!

    ResponderExcluir
  30. Estou doida pra ler esse livro, curto muito uma distopia e essa parece mesmo ser excelente, cada resenha que leio dele me deixa ainda mais interessada em conferi essa história.

    ResponderExcluir
  31. Já quero ler!! O livro parece ser muito bom, com uma história interessante!! Pelo que li os pobres são os que tem sangue vermelho, e a nobreza, sangue prata!! Mas somente os sangue prata tem poderes!! Mas como que Mare Barrow consegue ter poder uma vez que ela tem sangue vermelho? Gostei das características da personagem, apesar de ela roubar para sustentar a família!!

    ResponderExcluir
  32. oi,Flavia
    gostei muito desse livro de um modo inexplicável, pós quando publicaram no brasil ai sim eu fiquei louca por ele, só achei que a unica coisa estranha foi como se, a autora Victoria Aveyard, tivesse recortado vários outros livros e posto dentro dele, porem isso foi o que mais mim prendeu no livro, eu gostei muito e estou muito enciosa para o segundo livro, to aqui contando os dias para ele ser lançado.
    adorei sua resenha , e mais ainda o livro rsrs... que capa PERFEITA é essa ?
    bjs..

    ResponderExcluir
  33. Via a capa desse livro numa feira de livro e fiquei muito curiosa pra saber do que se tratava, logo descobri que está fazendo muito sucesso lá fora e como gosto muito de distopia já era uma opção de compra mas lendo as resenhas amei e quero pra ontem, a sua então me trouxe novos elementos que eu não sabia como a referencia do filme X-Men, adorei não tem como se imaginar com super poderes.

    ResponderExcluir
  34. Ja li o livro em pdf e de fato é uma leitura muito gostosa e você se envolve de tal forma que não quer parar de ler até chegar no final.... Adoria tê-lo em fisico...quem sabe eu venha a ser a sortuda.. ;). Tua resenha estar excelente!!Bjus.

    ResponderExcluir
  35. Eu estou muito animado para ler essa distopia. Percebi que ela parece ser uma mistura de todas as distopias famosas.
    Eu só pretendo esperar os próximos livros serem lançados para poder começar a ler. Odeio ler um livro e esperar meses pela continuação.
    Boa resenha"

    ResponderExcluir
  36. Eu adorei essa capa, acho que tem tudo a ver com a sinopse do livro.
    Amo distopias é o meu gênero literário favorito.
    Estou muito curiosa para saber como ela tem os poderes se não tem o sangue prata.
    Boa resenha :***

    ResponderExcluir
  37. Essa é a distopia com a capa mais bonita que eu já vi. Estou apaixonada por esse efeito metalizado.
    Eu amei a premissa, acho que essa historia poderia até virar um filme.
    Estou bem animada para ler esse livro!

    ResponderExcluir
  38. Gostei muito da premissa desse livro. Com certeza irei lê-lo no futuro.
    Existe uma adaptação cinematográfica, ou pretendem que esse livro virei um filme. Eu não sabia sobre e isso e não entendi muito bem.
    Se for virar filme eu irei assistir, porque a historia realmente chama muita atenção.

    ResponderExcluir
  39. Esse livro já esta na minha lista de desejos desde que fiquei sabendo sobre seu lançamento.
    Eu estou muito animada para ler esse livro, parece se realmente uma mistura de Jogos Vorazes, a Seleção, e Divergente. As minhas expectativas com relação esse livro estão muito altas.

    ResponderExcluir
  40. Adorei a resenha.Me deixou mais ansiosa para ler o livro. <3
    Beijos!

    http://nomundodaka.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  41. Flávia, queria muito saber qual a ordem dos livros .. Acabei de ler a Rainha vermelha queria saber qual é o próximo
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  42. Flávia, queria muito saber qual a ordem dos livros .. Acabei de ler a Rainha vermelha queria saber qual é o próximo
    Beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, flor! Aqui a ordem:
      A Rainha Vermelha (#1)
      Coroa Cruel (#1,5 - livro extra com contos - não é obrigatório mas ascrescenta alguns pontos bem interessantes)
      Espada de Vidro (#2)

      Bjos :*

      Excluir