20 de setembro de 2015

Uma Pitada de Amor - Katie Fforde

Título: Uma Pitada de Amor
Autora: Katie Fforde
Editora: Record
Gênero: Romance/Chick lit
Ano: 2015
Páginas: 400
Nota
Onde comprar: Saraiva
Sinopse: Uma aspirante a cozinheira em um programa de TV. Um jurado muito atraente. Um amor proibido.
Quando Zoe Harper conquista uma cobiçada vaga em um reality show de culinária, ela mal pode esperar para pôr suas habilidades à prova. Sua principal motivação é o prêmio em dinheiro: um valor que certamente a ajudaria a abrir sua tão sonhada delicatéssen.
No entanto, ela logo percebe que a competição vai muito além da cozinha. Cher, outra concorrente, está disposta a tudo para ganhar, incluindo jogar seu charme para cima dos jurados. E as coisas se complicam ainda mais quando Zoe percebe que está se apaixonando por um deles: o incrivelmente sexy Gideon Irving. Com tudo o que está em risco, os dois têm muito a perder caso se envolvam, algo que parece cada vez mais inevitável.
De repente, Zoe percebe que há mais em jogo do que apenas canapés, cupcakes e técnicas de corte. Uma pitada de amor é um livro engraçado e doce na medida certa.

Resenha: Uma Pitada de Amor, escrito pela autora Katie Fforde e publicado no Brasil pela Editora Record conta a história de Zoe Harper, uma aspirante a cozinheira que consegue uma vaga para participar de um reality show de culinária. O que a motiva para participar do programa é o dinheiro que poderia ganhar, pois assim poderia realizar seu sonho de abrir sua própria delicatéssen, mas a competição não é nada daquilo que ela imaginou, principalmente quando ela percebe que uma das participantes é uma completa bitch, e um dos jurados exerce um incrível poder de atração sobre ela... Gideon Irving, um crítico gastronômico muito famoso nesse meio, e muito sexy também.
Quando Zoe chega a Somerby, a propriedade onde a equipe da produção faria as filmagens ela é recebida por Fenella. Ela e o marido Rupert são os donos da casa que mais parece um palácio e mal sabem o que fazer com ela. Alugar seria uma boa pois o dinheiro seria bem vindo então resolveram entrar nessa. Muito inquieta com o novo ambiente e com a ideia de participar do programa, Zoe resolve dar um passeio e esbarra em Gideon, e é aí que tudo começa...

Narrado em terceira pessoa com foco na protagonista Zoe, acompanhamos uma comédia romântica despretensiosa e bastante original sob uma escrita fluída, direta e super convidativa. A história leva o leitor aos bastidores de uma competição culinária e a autora consegue descrever com maestria a tensão dessa competição passando com bastante realidade o funcionamento de um programa do tipo.
O romance desabrocha lenta e gradualmente do decorrer do concurso e tudo mantém um ritmo certo para manter o leitor preso à história. Os personagens são bastante bem construídos, cheios de carisma (exceto Cher, claro), com personalidades e objetivos distintos.
Zoe é atenciosa e altruísta e está sempre pronta a ajudar os outros ainda que ela se meta em situações complicadas e de risco. Só achei ela muito passiva em aceitar todas as sacanagens vindas de Cher.
Mas isso não a torna boba, muito pelo contrário. Zoe ajuda os outros por ser generosa e ter um coração bom e, justamente por ela ser uma boa pessoa, ela cativa e faz com que o leitor torça por ela e anseie por seu final feliz.
Gideon está na competição como jurado, com o objetivo de ser imparcial, mas uma série de coisas faz com que ele e Zoe de aproximem. Talvez pela narrativa não focar muito em seu personagem acabamos não tendo muita noção de suas intenções, mas seu bom caráter fica evidente e ele desperta a nossa simpatia, tanto pelo poder e influência que exerce no meio culinário quanto por sua sinceridade.
Cher... O que dizer dessa cretina? A impressão é que ela é o tipo de personagem insuportável que é criada com um único propósito: atrapalhar e infernizar. E a autora conseguiu atingir o objetivo com ela. É a personagem odiável que leva os demais personagens ao extremo e a vontade é de sacudi-la feito um boneco. E ela ser colega de quarto de Zoe só fez com que o desejo de matá-la aumentasse.
Acho válido destacar a personagem Fenella e seu barrigão de grávida, pois o desenvolvimento da amizade dela com Zoe é algo que deu um toque agradável e completou a história de uma forma super bacana. Ela e Rupert são os personagens mais adoráveis da história pois, além de hospitaleiros, são engraçados e muito queridos por todos.

Vou assumir que o que me fez optar pela leitura desse livro foi a capa. A ilustração é uma graça e tem tudo a ver com a história. A especialidade de Zoe são as sobremesas então ao longo do livro nos deparamos com bolos e outros tipos de doces que só me fizeram ficar com água na boca, principalmente porque sou uma completa formiga ambulante e não vivo sem um docinho.
Talvez pelo fato de realitys shows que envolvem o meio culinário estarem em alta no momento, o livro pode até ser considerado como algo que está dentro da "moda", mas ainda assim recomendo ir nessa onda e investir na leitura pois Uma Pitada de Amor é um chick lit adorável e bem humorado, que inova ao mesclar a culinária ao romance num cenário campestre aconchegante e super convidativo.

12 comentários

  1. Olá Flávia,

    eu amo chick lits ♥
    Eu também amei essa capa... e assim que comecei a ler sua resenha me lembrei do Master Chef, coisa de doido! Hahahaha

    Acho que além de fome estou desejando ler esse livro com todas essas delícias culinárias...

    xoxo
    Mila F.
    @camila_marcia
    www.delivroemlivro.com.br

    ResponderExcluir
  2. Bem Flávia!
    Sou bem fã de chick lit justamente porque me acabo de rir.
    Parece que a protagonista é um tanto atrapalhadinha, o que causa ainda mais cenas hilárias.
    E se tem comida e amor, nem dá para não ler.
    “Qual seria a sua idade se você não soubesse quantos anos você tem?”(Confúcio)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  3. OI! Achei esse livro muito fofo, considerando pela capa. A história parece ser divertida e também sou uma formiga para o lado de doce, então fico animada por saber que essa é a especialidade da mocinha. Já senti que esse jurado é conquistador, mas vai atrapalhar na competição, não é? Estou sentindo, se os outros perceberem vai ser um motivo para afastamento, tomara que não.

    ResponderExcluir
  4. Já estava bastante interessada em ler esse livro só pela sinopse, curto muito um Chick lit e história que envolve culinária, agora depois de ver essa resenha fiquei ainda mais ansiosa em conferi essa história que parece mesmo ser ótima.

    ResponderExcluir
  5. Amo assistir programas de competição na TV como Master Chef , cozinha sob pressão entre outros, agora o q amo mais q isso é ler chick lit , jamais pensei que poderia juntar juntas as duas coisas, criar um romance em meio a uma competição ainda mais com esse cenário,acho que vou amar a leitura e ficar com muita água na boca no final kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  6. Amo comédias românticas e confesso que essa capa é super "awnnntttt" hahaha.
    Nunca li nada da autora e pretende conhecê-la.... mas não sei...sua resenha me deu a impressão de que é um livro meio bobinha sabe? E não um daqueles chiklists de rir e chorar com a protagonista. Mas vamos lá conhecer a autora o quanto antes e tirar minhas próprias conclusões. ;)

    ResponderExcluir
  7. Realmente é um livro bem original, não lembro de ter visto alguma comédia romântica que envolva um reality show de culinária. Misturou duas coisas que adoro, culinária e comédias românticas. E o fato de ter uma personagem grávida realmente me animou, achei bem criativo,

    ResponderExcluir
  8. Oi Flávia! Desde que vi a capa deste livro pela primeira vez, não quis nem saber do que se tratava e já adicionei na minha listinha! Esse livro parece ser muito bom, porque além de envolver comida - também sou uma formiga ambulante quando se trata de doces - ainda tem essa comédia romântica que parece ser uma delícia.
    Adoraria ter a oportunidade de lê-lo.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  9. Gosto muito de assistir aos programas com competição culinária. Sempre aprendo alguma coisas. E gosto ainda mais de um bom chick lit. A leitura desse livro parece ser uma coisa muito gostosa e doce. Uma boa comédia romântica é um gênero de livro que sempre me cativa e me faz ler com prazer. Quero muito ler.

    ResponderExcluir
  10. Gostei da temática desse chick-lit. Adoro culinária, e, com certeza, esses realities de culinária estão bombando. Foi uma excelente ideia da autora.
    Chick-lit é bom para você rir porque geralmente a personagem principal é bem estabanada. Imagine uma estabanada na cozinha. rs.
    Mesmo que nunca tivesse lido uma resenha positiva quanto a esse livro, já iria querer ler exatamente por causa da capa. Achei super bonitinha.

    ResponderExcluir
  11. Não tinha ouvido falar desse livro ainda, conheci aqui no seu blog mesmo.
    ADOREI a sinopse, e sua resenha me deixou completamente com vontade de ler o livro.
    Amo comédias românticas e programas culinários. Ah, achei uma graça a capa do livro também.
    Espero poder apreciar em breve essa leitura.
    Beijokas,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  12. Hello!
    Quando vi o lançamento do livro Uma Pitada de Amor eu só pensei uma coisa: FOFO!
    A capa ja é um charme a parte e sinopse qdo eu li já gostei.
    Achei o livro tão atual ao trazer um reality show de culinária, pq aqui ta bombando esse tipo de entreterimento.
    Faz tempo que nao leio uma comédia romântica e essa me fez realmente conhecer Zoe e Gideon.
    Adoro chik-lit e esse vou ler com certeza.
    Beijos

    ♥ Blog Livros e Sushi ♥
    https://livrosesushi.wordpress.com/

    ResponderExcluir