23 de dezembro de 2013

Tamanho 44 Também Não é Gorda - Meg Cabot

Lido em: Dezembro de 2011
Título: Tamanho 44 Também Não é Gorda - Mistérios de Heather Wells - Livro 2
Autora: Meg Cabot
Editora: Galera Record
Gênero: Mistério/Chick Lit
Ano: 2009
Páginas: 415
Nota:
Sinopse: A ex-estrela pop Heather Wells está de volta, e como de costume vai se envolver em uma perigosa investigação. Ela é inspetora de um dormitório feminino da Universidade de Nova York, e está acostumada com festas e brincadeiras estranhas das estudantes.
Quando uma jovem aparece morta na cozinha do alojamento, Heather acha que pode ajudar, como já fez no passado. Mas quem está por trás desses assassinatos fará de tudo para se proteger e uma ex-celebridade gordinha não ficará no caminho do criminoso.
Resenha: Tamanho 44 Também Não é Gorda é o segundo volume da série Mistérios de Heather Wells, escrita por Meg Cabot, que dá continuidade ao Tamanho 42 Não é Gorda e à história de Heather Wells, a ex cantora de música pop, agora beirando os 29 anos, que após perder tudo, teve ajuda do seu ex futuro cunhado, Cooper, e foi trabalhar num alojamento estudantil, até que algumas estudantes começaram a aparecer mortas e ela resolveu dar uma de detetive para descobrir quem era o responsável pelos crimes pavorosos.
Heather não sente falta da vida de celebridade que tinha quando era adolescente e está super focada no trabalho, principalmente agora que descobriu que possui um incrível talento para a investigação, e, por "sorte", o alojamento onde trabalha parece atrair malucos interessados na criminalidade e assassinos, o que lhe dá muito o que fazer além de se preocupar com bagels, pizzas, cappuccinos e outras gostosuras, incluindo seus pensamentos que envolvem Cooper... Tom Snelling é seu novo chefe e Heather terá que se acostumar com ele, que chegou já num momento ruim, pois dessa vez a cabeça decepada de Lindsay Combs, uma líder de torcida super popular, foi encontrada dentro de uma panela na cozinha do alojamento, agora conhecido como "Dormitório da Morte", e o resto do corpo está desaparecido. E adivinhem quem irá entrar em cena para tentar descobrir quem é o assassino da vez?
Além da investigação, Heather se envolve em várias confusões, que vão desde sua recuperação em matemática onde ela precisa estudar para se formar (porque forjou o próprio currículo) até a abordagem sobre tráfico de drogas e rituais perversos entre membros das fraternidades do campus, que inclusive são filhos de pessoas influentes em Nova York.

A narrativa continua sendo em primeira pessoa e flui muito bem, e apesar de abordar alguns temas delicados e até pesados, é feita de forma como se não fosse algo a ser levado a sério, mas sim como algo cômico que faz parte de uma história divertida. Os capítulos se iniciam com trechos de músicas compostas por Heather durante a noite, algumas super malucas, outras bem "profundas", então dá pra perceber a diferença de pensamento entre as que ela cantava antigamente quando tinha o contrato com a gravadora que eram escritas por outras pessoas se comparado ao que ela escreve agora.

Meu pobre coração se despedaça
Como vidro quebrado
Respirar é difícil
Começo a tossir
Isto precisa acabar
Tem que chegar ao fim
Por acaso alguém sabe
Como desligar esta esteira?
"Na Academia"
Composta por Heather Wells
- pág. 75
A capa faz o mesmo estilo das capas de toda a série, são simples e de muito bom gosto. As páginas são brancas e a diagramação é simples. Encontrei alguns erros na revisão, mas nada que prejudicasse muito a leitura. E apesar do subtítulo, continuo considerando os títulos dos livros super nada a ver, pois passam outra ideia sobre a história.
Em Tamanho 44 Também Não é Gorda, Heather continua sendo uma heróina super inteligente, esperta e dedicada, sem deixar de lado seus devaneios por comida e sua paixonite pelo sedutor Cooper, que enfim agora sabe que a moça nutre sentimentos por ele. Porém acho que qualquer relacionamento, mesmo que demore volumes e mais volumes pra acontecer e engatar, tem que ter um interesse recíproco desde o início, e não vejo como Heather pode ter algo com Cooper mesmo que eles tivessem se aproximado mais dando a entender que ficariam juntos de uma vez por todas. E não, ainda não foi dessa vez e espero que não seja nunca... Pra ser sincera, torço pra que Heather encontre um outro tipo de cara, principalmente devido ao que acontece num diálogo entre os dois no final da história... Leiam pra tirar as próprias conclusões. Nem sempre o galã lindo, charmosão e irresistível obrigatoriamente tem que ser "O Cara".
Jordan, o ex noivo de Heather, é um personagem que por mais cafajeste que seja é um dos ingredientes para o sucesso da série. Neste volume o maluco está mais engraçado do que nunca, e apesar de estar de casamento marcado com a modelo com quem Heather o flagrou, parece estar sofrendo de algum tipo de crise existencial, então ele simplesmente não cansa de continuar insistindo em assediar a ex.
Já Gavin McGoren, é um personagem que apareceu no primeiro livro e era famoso por praticar surfe de elevador, e ele me agradou muito mais. Além de ter tido um espaço bem considerável na história, demonstrou ser um cara muito legal, ainda mais por demonstrar interesse em Heather. Sou "do contra" e torci pelo rapazinho ter uma chance com ela em vez de Cooper, assumo... Até que Tad Tocco surge na história e já me deixou com um ponto de interrogação pairando sobre minha cabeça pensando qual o motivo desse professor assistente ter aparecido assim, de mansinho...
Uma presença inesperada também aparece nesse volume: o pai de Heather, Alan, que estava preso desde o livro anterior por ter sigo pego sonegando impostos. De início parece que o cara é um oportunista folgado que quer se aproveitar da filha lhe pedindo um teto, mas depois vemos que não é bem assim... O relacionamento dele com a filha é muito bacana e deu um up na história. E por falar em personagens inesperados, é muito legal acompanhar o relacionamento que Heather desenvolve com Regie, o traficante. O cara é um marginal mas Heather sendo tão boa pessoa consegue se aproximar e conseguimos tirar proveito das conversas deles...
Enfim... apesar de o mistério não ter sido muito trabalhado a ponto de se arrastar até o final sendo possível prever quem é o assassino antes mesmo da revelação, e o toque de romantismo não ter muito enfoque, gostei mais do segundo volume devido ao comportamento dos personagens e o desenvolvimento deles na história que fluiu muito melhor e foi bem mais interessante, atrativa e menos enrolada.

17 comentários

  1. Humm, muito interessante, gostei muito da resenha em si, mas também essa personagem me chamou muita atenção! Ansiosa..
    http://annagranado.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Flavia
    Eu li o primeiro e devo receber este o mês que vem.
    Adorei sua resenha
    Leio todos os posts, embora comente pouco.
    Aproveito para desejar um natal abençoado para vc e sua familia e um super 2014, repleto de livros otimos!!!!!!
    Bjks mil

    www.blogdaclauo.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Flávia
    Eu não li o primeiro e assim mesmo não tive interesse em ler este. Além de ser uma série mais voltada para as mulheres, ela não me chamou muita atenção. A resenha está ótima como sempre.

    Beijos
    meupequenomundodeblablabla.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca li essa trilogia da Meg (é trilogia, certo?) Quando eu fui no evento de chick-lit aqui perto de casa as meninas disseram muitas coisas boas dos livros e me recomendaram, eu fiquei curiosa, mas sempre que vou comprar vejo outro livro mais barato e acabo comprando outro. Eu gosto da escrita da Meg, o primeiro livro dela que eu li foi Liberte meu coração e desde então sou apaixonada por Meg Cabot, rsrs.

    Beijokas Flávia. Feliz natal adiantado, hehe :P
    ------------
    Flá, eu mudei o link-me do meu blog, por favor, atualize.

    Beijokas da Mylloka :*
    Blog da Mylloka- http://myllokasecret.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Como disse na sua resenha anterior do livro da Meg, tenho TANTA vontade de ler os livros dela!!!
    Esse livro parece ser muito bom, e bem divertido de se ler !!!
    Ameeeei a resenha!
    Esse livro deve ser bem bonito por dentro (Diagramação etc)
    Adorei!
    Beijos *-*
    Feliz Nataaal !!

    ResponderExcluir
  6. Deus,to doida pra ler mas tenho uma fila enorme aqui antes,droga,parece ser muito bom.
    Já vi que vou torcer pelo Gavin.

    ResponderExcluir
  7. Sério que é um livro de mistério e assassinato? SÉRIO? Caramba, que título nada a ver! Agora me empolguei mais para ler, e olha que eu tinha passado por ele quando fui fazer as compras de fim de ano no Submarino(!), mas que absurdo! Agora quero ler.

    Beijos, Lu!
    http://gimmeflowers.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. To no primeiro ainda! Amei a resenha!
    Seguindo e Curtindo! Lindo Blog! Amei!
    PS:Parceria Blog Overdose Literária com Autor Marcos DeBrito!! Passa lá e comenta/Segue/Curti se gostar! Retribuo visitas!
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2013/12/parceria-blog-overdose-literaria-com.html
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Oi gatona!
    Flavia, não sabia que esse livro tinha um tema desses? essa capa me enganou! Caraca! E claro, to aqui "que diabos esse Cooper falou pra ela no final???"
    eu adoro investigações, com pitadas de humor então? Eu curtia muito a serie Mediadora dela quando era mais nova. Achei que esse livro teria um enredo bem diferente, vou caçar o primeiro!
    ótima resenha ♥
    Se gosta de contos eu postei uma proposta literária no blog, se quiser participar é mais que bem vinda!
    Bjus bjus!
    Pan
    Pan's Mind - Proposta Literária! - Aqui o roteiro é seu!

    ResponderExcluir
  10. Oi Flavinha!
    Muito tempo sem comentar aqui hein... Nossa, muito tempo mesmooooo!!!!
    Mas, TEMPO tem sido algo raro na minha vida ultimamente... Rs.
    Mesmo sem deixar comentário, passo por aqui sempre pra saber como andam as resenhas e antes de comprar um livro, sempre dou "um confere" por aqui... Rs.
    Adorei a cara nova do blog... FOfíssimo!

    Sua resenha ficou mara!
    Estou doida pra ler essa série mas ainda estou achanado os livros meio caros, por isso estou esperando o precinho melhorar!
    A capa realmente engana e o título também... Mas pelo que li em suas resenhas, acho que vou gostar bastante da série!

    Feliz Natal (atrasado)!!! Paz, amor, saúde e sucesso!
    Beijoooos

    ResponderExcluir
  11. Olá Flavinha!
    Não faz isso com o meu bolso!!! Como adoroooooooooooooo a temática do livro e adoro desvendar os mistérios, você irá me levar a falência!
    Adorei a resenha e quero saber tudo nos mínimos detalhes!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  12. Discordo em vários pontos, mas uma coisa é certa: os títulos são realmente muito enganadores! Acontece a mesma coisa com a trilogia Rainha da Fofoca, também da Meg Cabot: sugerem uma coisa completamente diferente para a história.

    Nesse livro, achei o mistério trash demais, mas a Heather e alguns outros personagens continuam hilários, então valeu a pena :') To com o terceiro aqui esperando e acabei de saber que terá um quarto! Achei que era uma trilogia :P

    ResponderExcluir
  13. Essa parte da investigação é a que mais me chama atenção para esse livro, pois amo isso. E parece que o livro está melhorando. Pelo menos com sua resenha deu para perceber isso.

    ResponderExcluir
  14. Oi Flávia.
    Ainda continuo achando o título dos livros nada a ver... Achei muito estranho... Mas a escrita da Meg é muito boa.
    Gostei bastante da resenha... Mas não me interessei muito pela história.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  15. Adorei seu blog , e já estou te seguindo
    dê uma passadinha no meu blog , está cheia de resenhas
    http://manual-do-leitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Adoreiiii a capa, e parece que a cada história os assassinatos ficam mais bizarros, e parece que a Heather torna tudo para um ponto de brincadeira. E adorei que tem mais opções para romance *--*

    ResponderExcluir
  17. Não sei porque nunca me deu aquela vontade de ler essa serie..ainda bem que já estou mudando de ideia..hahahhaha...louca pra saber mais sobre esses assassinatos e quem está por trás deles :)

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir