20 de abril de 2013

Polemica, eu? #3 - Mais resenha, menos quotes

Oie, gente!
O que trago aqui pode incomodar alguns, sorry, mas não pude deixar de falar sobre isso quando vi que o negócio está beirando o exagero e que muitas outras pessoas que acompanham blogs por aí também concordam comigo e não curtem o excesso de citações embutidas nas resenhas.

Antes de mais nada, vamos a definição da resenha crítica, segundo o Info Escola: "A resenha crítica é a apresentação do conteúdo de uma obra." cuja finalidade é "...apresentar um posicionamento técnico a partir de uma análise sobre a obra, expondo o  resumo do conteúdo e o nível de sua importância. Em suma, apresenta o conteúdo de uma obra com uma avaliação técnica e crítica."
Ou seja, deve ser feita uma síntese da premissa do livro, seguida de uma análise.
Só que o que vejo por aí, são um bando de pseudoresenhistas que não tem ideia do que fazem e sem o menor senso na hora de escrever o que dizem ser resenhas, pois fazem um resumo da história, seguida (ou seria interrompida?) por várias citações (frases retiradas do livro) pra no final acrescentarem "Gostei muito do livro pois a história é muito boa! Recomendo!" Oi?

Peguei a história do Patinho Feio, de Hans Christian Andersen (versão de portugal) e vou dar um exemplo pra vocês entenderem e perceberem como, além de errado, é completamente irritante:

"Resenha" de O Patinho Feio - Hans Christian Andersen

A história de "O Patinho Feio" começa quando mamãe pata aguarda ansiosa pelo nascimento de seus patinhos.
"Era aí que uma pata chocava os seus ovos no ninho. Porém, já estava a ficar bastante farta, porque os patinhos nunca mais apareciam; quanto a visitas, quase não as tinha; os outros patos preferiam nadar no fosso a ir ter com ela debaixo das grandes folhas para conversar."
Quando, enfim, os patos quebram os ovos, mamãe pata fica feliz por poder lhes apresentar o mundo, porém, ao perceber que ainda faltava um ovo, voltou para continuar esperando.
"- Pensam que o mundo é só isto, seus patetas? — perguntou a mãe. — Ora! O mundo estende-se muito para além do outro lado do jardim, mesmo até ao campo do vigário. Embora, verdade seja dita, eu nunca tenha lá estado. Já cá estão todos, não estão? — Levantou-se do ninho. — Não, tu ainda não. Ainda falta o ovo maior. Quanto tempo demorará ainda? Estou mesmo farta disto, se querem saber.
E lá tornou a deitar-se."
Mamãe pata ainda foi alertada por uma pata velha que passava por alí de que aquele ovo atrasado seria um ovo de peru e que ela deveria abandoná-lo, mas já que tinha esperado tanto tempo, esperar mais um pouco não faria diferença. Até que pouco tempo depois o ovo começa a quebrar surpreendendo mamãe pata.
Por fim, o grande ovo estalou.
"- Pip, pip! - disse o jovem, saindo cá para fora.
Mas que grande e que feio que ele era! A mãe olhou para ele.
- Que grande patinho! - pensou. - Será mesmo um peru? Bem, já vamos ver; há-de ir para a água, nem que eu tenha de o empurrar."
Chegando na água, todos os patos ficaram horrorizados por causa da feiura do patinho e passaram a ofendê-lo e até o atacaram!
"- Lá vamos ter de aturar estes, como se já não fôssemos bastantes! E, meu Deus!, que patinho tão esquisito aquele! Não o queremos com certeza por aqui.
E um pato esvoaçou em direcção ao patinho cinzento e deu-lhe uma bicada no pescoço."
Cansado de ser excluído, o patinho feio fugiu, o que ele não esperava seria passar por ainda mais dificuldades até que, finalmente, pudesse encontrar seu lugar no mundo.
O Patinho Feio é um clássico emocionante que todos deveriam ter a oportunidade de ler. Adorei!

The End.


Pra mim, quem faz uma "resenha" dessa forma, demonstra claramente que não sabe o que está fazendo, pois camuflou a falta de opinião resumindo a história e a repetindo com as citações só pra aumentar o texto. E fazendo isso, a impressão que dá é de que a história está sendo contada duas vezes! Ao ler a síntese e ser interrompido várias vezes pelas citações, o leitor acaba perdendo o foco, pois a citação que segue parece querer comprovar insistentemente a veracidade do resumo/opinião/impressão que o resenhista não tem.
Quem lê uma resenha não quer que o resenhista conte a história toda, mas sim que aponte os pontos importantes e dê sua opinião sobre o que achou para que a pessoa saiba o que esperar e decida se vai ou não investir naquela leitura. Acredito que usar quotes em resenhas, desde que sejam poucos, não é de todo errado. Eu mesma já usei em algumas resenhas que escrevi, pois às vezes alguns pontos são melhores ilustrados ou entendidos quando estão seguidos da tal citação. O problema é a pessoa recontar a história resumindo e citando as partes do livro dessa forma exagerada e desnecessária a qual exemplifiquei e depois finalizar a resenha com um "Muito bom, recomendo!" pobre e seco sem uma análise mais aprofundada sequer.
Tem quem ache que a resenha fica mais "bonita" com citações, mas discordo. A resenha pode ser apresentável e agradável aos olhos, claro, mas ser apresentável é muito diferente de ser enfeitada com mil quotes que atrapalham a leitura e até o entendimento daquela resenha em questão.
E vale lembrar uma informação muito importante que consta nos livros e que ninguém considera e ignora lindamente: o "Copyright"...

Enfim, aqui no blog mesmo existe um post super útil com várias dicas para uma resenha bacana e acho válido que seja lido para que dê uma luz aos que tem dificuldade em fazer uma resenha: Você sabe fazer uma resenha de qualidade?

Uma última observação: Minha intenção aqui não é ofender ninguém, nem direcionar a alguém em particular, somente expor minha opinião, mesmo que "polêmica", sobre essa forma que inventaram de apresentar uma resenha e que não considero ser certa. Sei que cada um resenha da forma que bem entender, mas isso não significa que essa forma seja a correta...

Bjodoce!

37 comentários

  1. Arrasou, como sempre Flavii! Comentamos estes dias sobre isso e concordo plenamente contigo.
    Além de chato, acaba ficando cansativo, a resenha perde o ''fio da meada''.
    Amei esta coluna. Beijo

    ResponderExcluir
  2. Concordo com você. Realmente, tenho visto muitas resenhas em que existem mais quotes do que a opinião de quem está escrevendo, e isso não é nem um pouco legal.
    Sim, eu coloco citações nas minhas resenhas para que quem está lendo tenha uma ideia sobre como é a narrativa do livro ou para demonstrar o que eu quis dizer com determinado argumento da resenha. Mas nada que tenha mais evidência do que a minha própria opinião.

    Parabéns pelo post!
    www.marianaesuaestante.com

    ResponderExcluir
  3. Eu acho importante citações dos livros em resenhas, mas não em excesso como vc apontou! Se torna cansativo, e uma resenha tem o cunho de mostrar a opinião do autor, então as citações acabam substituindo o texto e isso torna tudo chato demais =|
    Adorei o post!!

    http://autoracarolinaribeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu acho que em alguns casos as citações de livros são exageradas mesmo, mas, eu acho bem interessante colocar algumas pra aguçar nossa curiosidade para ler alguns livros.
    Mesmo assim adorei o post, eu acho que ele serviu pra ensinar algumas pessoas a fazerem um post decente.
    Bjo, visite meu blog.

    http://palavrastoxicas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu passei a usar os tais quotes agora, mas eles não estão prejudicando a qualidade das minhas resenhas, até porque só coloco um depois de cada parágrafo, e são frases bonitas (pessoalmente para mim), ditas pelos personagens.
    Mas já conversamos sobre isso no Facebook e sei onde você quer chegar!
    Acho os quotes bonitos quando são pequenininhos. Dão uma estética mais formatada ao texto.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Por isso que adoro vim aqui, sempre entro em conflito ou com sua opinião ou comigo mesma. Flávia, é o seguinte. Resenha crítica é uma das mais complicadas, pois você tem que fazer um "resumo geral", digamos assim, da história - no caso o livro - e intercalar ou colocar no fim do texto sua opinião. Claro, dentro da resenha crítica, há várias formas de fazê-la, então, normalmente cada um tem seu jeito e maneira. Mas realmente, colocar muita citação é demais, eu não coloco muito, na verdade, o blog deve ter umas 25 resenhas de livro e acho que apenas em 3 resenhas coloquei citações. Mas tem gente que gosta de colocar, então temos que respeitar assim como devemos respeitar sua opinião. Devo parabenizá-la pela coragem e acho que preciso de um pouco disso.
    Adorei, Flávia!

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Tava aguardando esse post, muié! uahuahua
    Adorei! É fato que os excessos de quotes em resenhas estão cada vez mais comum.
    E isso é literalmente um pé no saco!
    Eu acho que em algumas resenhas usar uma ou até duas citações é valido.
    Mas não excessivamente, fica feio.

    Beijooos!

    Meus livros, meu mundo.

    ResponderExcluir
  9. Oi Flavia!
    Eu também concordo que o excesso de citações deixa a resenha cansativa e muito desinteressante. Acho que quem procura uma resenha não deseja saber tanto assim da história antes de ler o livro. Eu nem acho que a resenha fique com uma estética boa com tantas citações; nas minhas resenhas opto por apenas uma para que o leitor tenha uma pequena ideia de como é a narrativa do autor.
    Adoro os posts dessa coluna, você sempre dá toques muito legais e úteis! ;)

    Beijos!

    Rafa {Fascinada por Histórias}

    ResponderExcluir
  10. Concordo completamente com você, Flávia! Eu adoro suas resenhas, justamente por expôr os pontos positivos e negativos do livro, além de sua opinião, que acho super importante. Adorei e "Polêmica" e acho que muitos blogueiros deveriam lê-lo. Adorei!XD

    Bjss!

    ResponderExcluir
  11. Eu costumo colocar quotes nas resenhas, sempre depois de apresentar um pouco o livro, mas nunca tinha parado para pensar se fica bom ou não Oo

    Sobre essa coisa de resumos, odeio ler uma resenha onde a pessoa vai contando a história toda como se fosse um resumo do livro, acho tão chato. Se eu quisesse um resumo, procurava um resumo oras! E no fim a pessoa não expoe sua opinião ¬¬

    Eu sempre tento colocar os pontos positivos e negativos, mas não sei se faço uma boa resenha. Vou ver suas dicas ^^

    ResponderExcluir
  12. Oi Flá! Concordo com você. Tem muita gente que exagera na quantidade de quotes que colocam nas resenhas. Quando coloco quotes nas minhas resenhas, sempre coloco até dois quotes pra não ficar exagerado. Enfim, acho que todo resenhista devia ler esse seu post!

    Um beijo, Karine Braschi.
    Geek de Batom.

    ResponderExcluir
  13. cara sobre aquela resenha que conversamos é tenso mesmo. eu já colocava quotes nas resenhas, mas sempre muito pouco pq fica mt chato vc ler uma resenha e em cada paragrafo ler m quote.
    por isso sempre coloco no final
    mas já fiz isso (senão me engano) de colocar um ou dois quotes no meio da resenha, mas me toquei que fica um troço muito feio mesmo

    ResponderExcluir
  14. Aquele dia já tínhamos conversado sobre essa coisa de quotes e sim to contigo, muito chato ler uma resenha assim.
    Tenho a impressão que a pessoa nem chegou a ler o livro.
    Lamentável.

    ResponderExcluir
  15. Bacana você escrever isso, pois é verdade. Eu uso a questão das frases e citações, mas não para deixar uma resenha grande ou fazer as vezes de minha opinião. Não sou contra também essa forma de escrita, claro, mas percebo o exagero e esse sim, é desnecessário quando se usa a ideia de resenha.

    E outra cousa que não gosto é quando o blogueiro coloca a sinopse ao invés de sua opinião. Se eu quiser ler a sinopse não preciso ir até uma resenha.

    Bem útil o seu post. =)

    Bjos.

    ResponderExcluir
  16. Ai eu não ligo pro excesso de quotes, o importante é o blogueiro mostrar um pouco sobre o livro.

    ResponderExcluir
  17. Oi Flávia!

    Eu concordo em parte com você. Eu adoro colocar citações dos livros nas minhas resenhas, mas sempre procuro colocar poucas, o suficiente para as pessoas terem uma ideia da escrita do autor ou mesmo para ilustrar algo que comentei. Às vezes, acredito que acabo exagerando, porque gostei muito do livro e quis colocar os trechos que mais gostei. Em compenação sempre fico me perguntando se passei do ponto. Como você mesma disse, muitas citações podem deixar a leitura cansativa e muitos blogueiros por aí acabam se aproveitando delas pra fazer uma resenha superficial ou mesmo vazia, sem opinião. E é nesse ponto que concordo com você, ninguem tem paciência de ler uma resenha onde a pessoa preferiu "encher linguiça" e no final não disse nada. Enfim, esse é um tema que gera muita discussão e opiniões diferentes, mas sempre vale à pena levantá-lo.
    Adorei o post polêmico. rsrs
    Beijos.

    ^-^
    http://vagandoentreestantes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Post incrível, Flavia! :D
    Tópico polêmico, porém necessário. As resenhas devem sempre ser bem escritas e estruturas, acho que acrescentar quotes é interessante - para o leitor da resenha ver um pouco do estilo do escritor -, mas não em excesso.

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Puxa vida... Concordo plenamente com tudo o que vc disse... Espero não estar fazendo isso nas minhas resenhas... Por isso eu gosto do seu blog! ;)

    Xerus, Bibi
    http://abrindooslivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  20. Esse assunto é polêmico mesmo Flávia-chan.
    Eu já vi tantas versões de como fazer uma resenha crítica que já se tornou entediante até.
    Creio que a estruturas das minhas resenhas é errada de acordo com a definição correta da resenha crítica, mas eu sempre tento mostrar a minha opinião sendo ela positiva ou negativa. Como blogueiros, nossas resenhas devem ser positivas no sentido de divulgar a obra, mas deve-se mostrar os erros e as sensações que o leitor pode sentir/ver durante a leitura.
    Fico muito feliz por vc tocar nessa "ferida" dos blogueiros. É muito triste vc ver alguém enrolando numa resenha contando praticamente todo o enredo e a pessoa dizer no final: gostei bastante da história.
    Espero que esses blogueiros evoluam através desse post e eu vou tentar evoluir também. Bjs Flavia-chan *-*

    http://peregrinodanoite.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Oi Flávia, essa questão do quote, também não gosto. Um pouco tudo bem...mas como vc colocou, é preciso lembrar do que está escrito no próprio livro: "Proibida a reprodução total OU parcial "
    Beijocas
    http://marlicarmenescritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Concordo com você por esse motivo sempre deixo os quotes fora da resenha e coloco no final do post e também coloco poucos quotes no máximo três ou quatro .

    http://enfimshakespeare.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Oie,
    concordo com você em partes, realmente tem ente que não dá sua opinião e coloca vários quotes acabando com o texto, mas tem gente que felizmente sabe usar o quote, para exemplificar uma opinião já descrita por exemplo.

    Acho que tudo tem que ser moderado.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  24. SUPER concordo com você, Flávia!
    Acho que dava pra incluir no teu post também as modinhas das resenha atuais: entupir de fotos. Além de fazer cinco parágrafos de três linhas, recontando toda a história, a pessoa coloca dez citações e umas cinco fotos gigantes.
    Acho que poucos blog começam com ótimas resenhas, eu sou um exemplo de que muitas vezes a gente começa mal: uma das minhas primeiras resenhas é cheia de spoiler, pequena e com um: A protagonista é chata, mas adorei o livro. O que acontece agora é que blogs de anos estão entrada na moda dos quotes e parando de ter o trabalho de dar realmente a sua opinião.

    Gislaine Alves || atualizado: Jeito Inédito

    ResponderExcluir
  25. Ei Flávia!
    Eu concordo com você! Realmente, quotes são o "Ó"! Rs.
    Quando eu leio uma resenha, quero saber detalhes do livro, mas nem tanto! E também quero saber a opinião de quem escreve! Muitas vezes ao comprar um livro, ou quanto estou prestes a comprá-lo, procuro ler algumas resenhas antes, pra saber o que o pessoal anda falando. Por mais que opinião seja algo variável de pessoa para pessoa, podemos sim ter uma ideia de quais as emoções causadas pelo livro quando sabemos o que os outros pensam!

    Abaixo ao excesso de quotes!
    kkkk

    Beijos

    ResponderExcluir
  26. Oi Flá,
    Exagero nunca é bom, não é verdade?!
    Mas vou te confessar que curto alguns quotes ou até mesmo postagem de quotes e explico o porquê.
    Acredito quando leio trechos do livro, entro em contato com a narrativa e posso decidir melhor e com menos chances de me enganar se vou gostar ou não de um livro. Isso aconteceu com Julieta Imortal que após ler um trecho, desisti de comprar.
    Concordo que seja chato quando feito de forma exagerada, mas gosto dos quotes.

    Beijos
    Chrys
    Todas as coisas do meu mundo

    ResponderExcluir
  27. Também sou contra os quotes excessivos... prefiro a resenha corrida, sem muita coisa pra interromper o raciocínio. Adorei o post!

    Maria Rita - http://elasleram.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Oiee
    Também vejo muita gente enchendo as resenhas de quotes, e nem sempre a resenha é uma resenha, é só um "adorei o livro, leia". Já coloquei alguns quotes em algumas resenhas, mas foram um ou dois, e olha lá ainda.
    MilkMilks
    DM
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  29. Opa, adoreeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeei seu post,haha! Realmente, existe resenhas que tem tanto quote que eu me perco lendo, em vez de ficar mais bonito a página, fica muita informação e sl, eu particularmente não gosto. Raramente uso "quote,citação ou trecho" de um livro. E tipo, quantas vezes eu vou ler uma resenha e bem no quote tem um MEGA spoiler? Momento que morrer chorando *snif*
    Adorei essa coluna.
    Um beijo.
    http://livrodagarota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Post ótimo o seu. E realmente, tem textos que se dizem resenhas, mas nunca o foram. Resta a nós procurarmos qualidade. Ei, adorei seu blog, virei mais vezes!
    Beijo!

    www.despindoestorias.com

    ResponderExcluir
  31. Tenho que concordar, eu vejo muita resenha que parece mais junções de quotes e na qual falta a opinião.

    ResponderExcluir
  32. Adorei o post... Realmente existem resenhas com tantos quotes que eu me sinto lendo o livro ao invés de uma crítica dele, haha.

    Adoro sua polêmicas tapas né carta Fla :)

    Beijos,
    www.segredosentreamigas.com

    ResponderExcluir
  33. Flavinha,

    Eu tb acho um sacooooo resenha com quotes! Para mim 1 no máximo 2 já basta, agora mais do que isso a resenha fica um saco e cansativa.

    Beijos

    ResponderExcluir
  34. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  35. Realmente resenhas com muitos quotes poluem o texto,mas quem tem cacife para falar como se escreve uma resenha?
    Como sempre ótimo texto blogueira!
    Beijokas...

    ResponderExcluir
  36. Oii Flavia!!

    Adoro sua coluna polemica rsrs

    Eu realmente odeio resenhas com muitos Quotes, esses dias abri varias que tinham uns 4, fechei na hora. Eu raramente leio os quotes, a não ser que tenha o numero da pagina, e eu veja que é do começo do livro, ou se ja li o livro. Acho que Quotes tem que ser curtos, poucos e do começo do livro, acho que muita gente faz isso por pura preguica, so pode rs.

    Entando que as vezes vc quer por Quote de tudooo, mas tem que ter bom senso tb neh.

    Bjoo

    ResponderExcluir
  37. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH
    Fico para morrer quando vou ler uma resenha e ela é cheia de quotes, dá vontade de dormir ~.~
    Eu nunca coloco quotes na resenha, quando acho alguns legais, faço um post especialmente para isso.
    beijos

    ResponderExcluir