3 de abril de 2013

Sob o Céu do Nunca - Veronica Rossi

Lido em: Março de 2013
Título: Sob o Céu do Nunca - Never Sky #1
Autora: Veronica Rossi
Editora: Prumo
Gênero: Distopia/YA
Ano: 2013
Páginas: 304
Nota:
Sinopse: Desde que fora forçada a viver entre os Selvagens, Ária sobreviveu a uma tempestade de Éter, quase teve o pescoço cortado por um canibal, e viu homens sendo trucidados. Mas o pior ainda estava por vir... Banida de seu lar, a cidade encapsulada de Quimera, Ária sabe que suas chances de sobrevivência no mundo além das paredes dos núcleos são ínfimas. Se os canibais não a matarem, as violentas tempestades elétricas certamente o farão. Até mesmo o ar que ela respira pode ser letal. Quando Ária se depara com Perry, o Forasteiro responsável por seu exílio, todos os seus medos são confirmados: ele é um bárbaro violento. É também sua única chance de continuar viva.
Perry é um exímio caçador, em um território impiedoso, e vê Ária como uma menina mimada e frágil – tudo o que se poderia esperar de uma Ocupante. Mas ele também precisa da ajuda dela, somente Ária tem a chave de sua redenção. Opostos em praticamente tudo, Ária e Perry precisam tolerar a existência um do outro para alcançar seus objetivos. A aliança pouco provável entre os dois acabará por forjar uma ligação que selará o destino de todos os que vivem sob o céu do nunca.

Resenha: Sob o Céu do Nunca é o primeiro volume da trilogia distópica Never Sky, da autora brasileira Veronica Rossi, lançado nos EUA e traduzido para mais de 20 países.
Estamos no futuro e o mundo que conhecemos não existe mais. Quimera é uma cidade sob uma cúpula que impede que seus habitantes tenham contato com o mundo exterior devido aos perigos das terríveis Tempestades de Éter, canibais e outras coisas horripilantes que existem lá fora... A única forma de "viajar" em Quimera, é virtualmente, através do Olho Mágico, onde plataformas multidimensionais são projetadas, chamadas de Reinos e os Ocupantes podem ir e ser quem quiserem nesses locais. Ária é uma das Ocupantes de Quimera e nunca se imaginou fora dalí, porém, quando Lumina, mãe dela, desaparece e a última mensagem deixada não consegue ser acessada, Ária se junta a Soren, filho do Cônsul, a fim de procurar por respostas e é levada pro mundo exterior. Mas o inesperado acontece: Soren além de colocar a vida de todos em risco, ainda tenta matar Aria, que foi salva por um Forasteiro misterioso que havia invadido a cúpula em busca de remédios para Talon, seu sobrinho enfermo, causando uma grande confusão. Ao tentar voltar para Quimera, Ária é banida e acusada de ter feito parte da confusão com o Forasteiro e descobre que teria que se virar para sobreviver do lado de fora. Ela, então, se une ao Forasteiro, chamado Peregrine, que agora está desesperado em busca de Talon, que foi sequestrado após a confusão. Peregrine prometeu ao irmão, Vale, que resgataria Talon custe o que custar. Eles partem atrás de seus entes queridos para resgatá-los e ao mesmo tempo tentarem sobreviver sob as constantes Tempestades de Éter e escaparem de outros habitantes perigosos.
Em Never Sky, os capítulos são alternados entre Aria e Peregrine, ou Perry como é chamado pelos outros, o que pra mim foi muito bacana, pois a visão dos acontecimentos não fica focada em somente um dos personagens, o que traz outros pontos de vista ao leitor.
A ideia de um mundo praticamente inabitável devido ao clima, pós apocalíptico, onde os habitantes do lado de fora se tornaram selvagens e tentam sobreviver como podem, mesmo que para isso tenham que matar outras pessoas e comê-las (o_O), e os que vivem sob a cúpula acreditando estarem em segurança, talvez fiquem em dúvida com relação ao sistema que até então parecia perfeito é incrível!
Os personagens são únicos e cativantes e alguns ainda tem habilidades que são um tipo de poder. Ária é bonita, forte, corajosa e não se deixa abater. Perry (suspiros), além de ser um caçador e guerreiro, ainda é Olfativo (ele consegue sentir os cheiros a distâncias imensas e consegue distinguir emoções alheias através dos cheiros que a pessoa em questão exala)  e também Vidente (consegue enxergar no escuro).
O relacionamento dos dois é bem complicado, pois Perry, apesar de sempre fazer de tudo para protegê-la, considera Aria como um estorvo e só topa seguir junto com ela pra salvar o sobrinho, mas a medida que convivem e passam por muitos perigos juntos, ele começa a ceder e a demonstrar que é um verdadeiro companheiro, e o interesse entre os dois, gradualmente e de forma bem convincente, passa a ser recíproco e mui intenso.
O trabalho de diagramação da editora foi ótimo. As páginas são amareladas, a fonte tem um tamanho agradável, não percebi erros na revisão e a capa metalizada ajudou no visual do éter.
Sob o Céu do Nunca é uma história bem original, encantadora e fantástica, que me conquistou desde o início e a medida que evoluía me prendia de um jeito que não conseguia desgrudar mais. Estou super ansiosa pela continuação e é leitura obrigatória para os fãs de distopias! Às vezes nas horas mais sombrias encontramos o que menos esperamos...

54 comentários

  1. Só leio opiniões boas sobre esse livro, cada vez estou com mais e mais vontade de lê-lo!

    ResponderExcluir
  2. Flavia, eu vi esse livro na livraria esta semana, peguei, namorei e não levei! Já estou arrependida! Vou voltar lá para buscar! hehe.
    Adoro o tema, gostei da sinopse e a sua resenha me deu muita vontade de lê-lo. :) Ainda mais sendo de uma autora brasileira, fiquei super empolgada.
    Estou super curiosa para conhecer esses personagens com poderes e esse mundo diferente.

    Beijos.


    http://navirj.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Não tinha lido uma resenha sobre ele, gostei da forma como você colocou!
    Os nacionais estão cada vez melhores!
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias
    Livroterapias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a autora é brasileira, mas o livro não é nacional, não.. :p
      foi lançados nos eua até!

      Excluir
  4. A cada nova resenha, mais elogios. Pelo jeito Never Sky conquistou o público, uma pena que a autora, precisou lançá-lo lá nos EUA para depois chegar até nós. Um talento brasileiro, mas que não teve oportunidades aqui... (Triste). Mas voltando ao livro e a resenha, gosto muito de distopias, e com certeza Never Sky fará parte de minha lista de leitura. XD

    Bjss!

    ResponderExcluir
  5. vishi esse livro ta podendo hein. caramba cada resenha que eu leio dele é positiva, até eu to querendo ler ele. haushsu ok não queria ler pq sei lá, não fui com a capa (haha) mas agora estou bem curiosa.

    ResponderExcluir
  6. Eu nunca fui fã de distopias, mas tenho lido algumas porque ultimamente grande parte dos lançamentos seguem esse tema. Tenho visto outras resenhas de pessoas que, assim como você, gostaram bastante de Never Sky. Bacana ver uma autora brasileira se destacando assim.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Eu não curto muito distopias, apesar de ter curtido algumas. Esse livro não me faz querer lê-lo, pra ser sincero. Não curti a sinopse e nem você elogiando muito a história em si, não conseguiu me convencer.
    Não sei o motivo, mas não sinto vontade de lê-lo.
    Enfim, gostei muito de saber sua opinião. É sempre bom quando um livro nos surpreende, né? Hehe
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Fla! Eu sou fã de distopias e já comprei o meu, fazia um tempão que esperava este lançamento. Pelo que vi na sua resenha a história é bem resolvida e muito atrativa, que bom, acho que minhas expectativas serão superadas.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  9. Gostei da resenha Flávia!
    Não tinha visto nenhuma e essa me despertou interesse. Gostei da coisa do "canibalismo" e da cidade estar dentro de uma cupula e fora ter uns perigos, lembra Sob a Redoma. A capa é linda mesmo, peguei na Saraiva e fiquei pasmo, o brilho é algo maravilhoso.
    Agora eu quero ler, mas estou pobre, então vou esperar ...
    Beijoca

    ResponderExcluir
  10. Oi Flavia!
    Não li a resenha porque estou lendo e adorando esse livro.
    Beijão

    ResponderExcluir
  11. Flavia,

    O Segundo livro da serie e' melhor ainda! "6" estrelas!!!

    Flavio

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia o livro, mas adorei a sinopse ;) Ah, tô seguindo o blog.

    Um beijo, Karine Braschi.
    Geek de Batom.

    ResponderExcluir
  13. Pera aí!!! Parou tudo! O LIVRO É BRASILEIRO??? DIGO, DE UMA AUTORA BRASILEIRÍSSIMA??? -Mort!!!
    Não fazia ideia!!!
    Pfvr, quero ler essa distopia já AMANHÃ!
    Abrindo o Submarino!
    Que o cartão tenha saldo... rs
    Beijos,
    Vinícius - Livros & Rabiscos

    ResponderExcluir
  14. Esse livro me chamou a atenção pela capa na livraria!! Mas acabei desistindo porque não sabia muito bem da história e tinha outros na frente! Continuo não sabendo se ele vai me agradar totalmente, mas vendo resenhas positivas, fico mais animada!

    beijos
    Kel
    porumaboaleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Não conhecia
    Mas já me interessei
    Gosto bastante desse tipo de livro

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi Flávia, eu vi esse livro numa caixinha de corrreio acho que na semana passada e fiquei apaixonada pela capa dele. Muito linda.
    Agora li a primeira resenha dele e fiquei mais apaixonada ainda.
    Eu particularmente, curto distopias, mas a história me chamou muito a atenção tmbm.
    Só fiquei com uma dúvida, tem cenas de gente comendo gente no livro? Nossa que forte né? Só lendo vc comentando já fiquei enojada imagina ler isso sendo descrito...
    Bem, gostei da sua resenha e com certeza me ajudou a colocar Never Sky na minha listinha de desejos.
    Bjokas querida.

    www.lerepensar.com

    ResponderExcluir
  17. Oi, estava pesquisando, mas não encontrei...ela é brasileira que viveu anos no Brasil ou só de nacionalidade? Bks
    http://marlicarmenescritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Flavinha, não conhecia esse livro ainda, mas parece muito bom.
    E pela sua resenha percebe-se que você gostou de verdade da historia.
    Vou adiciona-lo a minha listinha de futuras leituras.
    Me interessou demais!

    Beijokass

    Meus livros, meu mundo.

    ResponderExcluir
  19. Nossa, deve ser uma história e tanto. Tempestades elétricas? Ui...

    Bye da Pah
    Livros Estrelas

    ResponderExcluir
  20. Ah eu adoro histórias originais *-*
    Eu vi pouquíssimas resenhas desse livro, e nenhuma me despertou tanto interesse quanto a sua. Amei a capa, tenho certeza que deve ser mais linda ao vivo.
    beijos

    ResponderExcluir
  21. Me parece meio louco esse livro, mas interessante, original, por assim dizer. Tenho vontade de ler. Não tinha visto uma resenha tão positiva até então, me deixou animada (:

    ResponderExcluir
  22. Não tem NADA a ver com o seriado Merlin, mas me lembrou só porque Arthur e Merlin se odiaram no primeiro episódio, mas eles teriam de conviver juntos, mesmo que Arthur não saiba, ele depende de Merlin e, só por isso, quero muuuuuito esse livro, haha. (confesso que o coração ao lado da classificação já me deixou animada para participar da promoção... E se eu não ganhar, comprarei o livro) xx

    ResponderExcluir
  23. Só vejo o pessoal falando bem desse livro, e estou cada vez mais curiosa pra ler...a capa também me chamou a atenção - foi o que me fez ler as primeiras resenhas, na verdade -, e parece que está cativando todo mundo. Bem, vamos ver como essa mocinha reage em meio ao caos, ansiosa pra poder ler!

    http://thetheatredesvampires.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Esta é a 2º resenha que leio deste livro e confesso que quero muuiiiittttoooo ler!!! rsrsrsrsr
    A primeira coisa que me conquistou foi a capa, a segunda, bem, eu amo distopias, então é com certeza um leitura que vou amar!!!

    Parabéns pela resenha, só me deixou mais curiosa ainda quanto ao livro!!!

    bjo^^

    ResponderExcluir
  25. Fui ver ele na livraria e estava esgotado! Fiquei apaixonada pelo livro! Parabéns pelo blog! Ótima resenha! Bjs

    ResponderExcluir
  26. É incrível como o número de distopias anda crescendo, eu fiquei com muita vontade de ler esse, principalmente depois de tantos elogios.

    ResponderExcluir
  27. Quero muito ler esse livro.. Adoro distopias!
    Gostei da resenha.

    ResponderExcluir
  28. Gostei de saber sobre esse livro, não conhecia ele.
    Parabéns pela resenha ficou ótima!
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

    ResponderExcluir
  29. Menina, adorei a capinha desse livro e ele parece ser mto bom e gostoso de ler tb.
    Adorei

    bjos

    ResponderExcluir
  30. SEGUIDOR: WILLIAN

    Resenha bem elaborada, abordando pontos fortes do livro, despertando o interesse dos leitores, vale a pena conferir

    ResponderExcluir
  31. Recebi o marcador desse livro antes dele lançar, quando os livros da Rose (que ganhei aqui :) ) chegaram. Assim que vi ele decidi ler rs, simplesmente pela capa,e pq achei que era uma distopia, quando vi que era uma distopia adicionei nos desejados.
    ia comprar logo que saiu mas achei meio carinho entao ainda nao comprei =/

    Eu amo distopias e eh otimo saber que a autora eu nacional, eu nao sabia disso!!
    Tb adoro visoes alternadas hsuahsuas, acho que adoro tudo nesse livro =P

    Bjooo

    ResponderExcluir
  32. Estou super curioso para ler esse livro já faz um bom tempo, desde quando foi lançado no EUA, como você disse é um livro indispensável para fãs de distopias então preciso ler haha


    Beijos.
    Guilherme - Um Compulsivo Leitor

    ResponderExcluir
  33. Antes de tudo tenho que dizer a surpresa que fiquei quando descobri que a autora era brasileira..eu fiquei tipo assim OMG OMG OMG, super feliz por ver uma autora brasileira sendo reconhecida..
    Quanto ao livro..No início não me empolguei muito com distopias..Li Delírio e acho que esse foi meu erro comecei com um livro bem fraco do gênero..depois peguei Jogos Vorazes que melhorou e muito meu conceito..
    Já tinha lido sobre Never Sky em blogs internacionais e sempre tive curiosidade de ler fiquei super feliz quando lançaram no Brasil e mesmo algumas críticas não sendo boas a seu respeito está na minha lista de aquisições..
    Sua resenha positiva me deixou com mais vontade ainda de ler.

    ResponderExcluir
  34. Conheço never sky desde quando n havia sido lançado no Brasil e estou tão curioso quanto na época...

    A resenha ficou ótima, sem dar spoilers... =P

    ResponderExcluir
  35. Adorei a resenha, tenho muita votande de ler esse livro

    ResponderExcluir
  36. Eu não sabia muito sobre essa distopia até ler essa resenha e estou encantada com a história de Ária, quero ler muito em breve, me fez lembrar de um história parecida assim no contesto que li ano passado e gostei muito.

    ResponderExcluir
  37. Já tinha visto esse livro antes numa livraria,mais ele não me encantou muito,agora entendendo melhor a história com sua resenha (Que tá ótima!)fiquei louca pra ler o livro.

    ResponderExcluir
  38. Falou em distopia, falou comigo. Sou fã do gênero, e gosto tento ler todas que aparecem. Achei essa trama bem interessante. Me parece ter uma narrativa bem rápida e tensa, cheia de momentos que temos que prender a respiração para não perder nada. Enfim, quero muito ler.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  39. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  40. Estou muito curiosa para ler esse livro.
    A história é bem interessante, pessoas "vivendo" em uma terra envolta por uma cúpula, enquanto outras do lado de fora se "matando" para sobreviver aos perigos.
    Achei a capa linda.
    Adorei a resenha.
    Bjus!

    ResponderExcluir
  41. Eu já havia me encantado com a capa do livro e essa é a primeira resenha que leio sobre ele, e gostei do conceito da historia, é bem o perfil que gosto, fantasia e ação juntos, com personagens interessantes e uma leitura que te faz querer sempre mais.

    ResponderExcluir
  42. Aaah eu quero muito ler. Ele está sendo muito comentado la fora e é de uma brasileira (que mora nos EUA)!! Eu amo distopias , principalmente , boas distopias. Está com certeza na minha lisa de leituras.

    ResponderExcluir
  43. Que bacana!! Não conhecia o livro, mas me interessei bastante pela trilogia. Tomara q eu ganhe o sorteio! rsrs
    Beijos e parabéns pela resenha

    ResponderExcluir
  44. Bastou olhar pra essa capa para me enfeitiçar pelo livro. Pela sinopse eu achei ele bem original, como você mesma ressaltou em sua resenha. Mas a primeira resenha que li sobre ele me deixou bem desanimada com o livro, pois não falaram bem dele. Pelo contrário!

    ResponderExcluir
  45. Já tinha visto esse livro antes em uma livraria...e eu não fazia idéia sobre essa distopia até ler sua resenha e estou com muta vontade de saber melhor a história de Ária. Quero ganhar!!!

    ResponderExcluir
  46. TOTALMENTE ALUCINADO PARA LER(mas na verdd estou mais ansioso para qdo meus livros forem resenhas em blogs )
    Vou tentar ler assim q possível

    ResponderExcluir
  47. Muito afim de ler, só a sinopse e a capa já haviam me encantado, mas ai foi só ler sua resenha e me apaixonar de vez, fiquei muito curiosa a respeito dessa distopia que acontece num cenário tão diferente do que eu costumo a ler.

    ResponderExcluir
  48. Que capa ENCANTADORA! O título, tudinho! Perfeito! A história parece tão... ah meu Deus, eu preciso ganhar! Vi aqui a capa, história, a sua opinião.. me apaixonei!

    ResponderExcluir
  49. Adorei a ideia de ter duas cidades e seus moradores vivendo em situações contrastantes, uma segura e dentro da cúpula e outra selvagem, fora da cúpula.
    Os personagens também são bem interessantes! Gostei dos poderes do Perry, são perfeitos para a sua sobrevivência.
    Fiquei com muita vontade de ler o livro! Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  50. Adorei a sua resenha...estou doida para ler esse livro :)

    ResponderExcluir