11 de outubro de 2017

Fera - Brie Spangler

Título: Fera
Autora: Brie Spangler
Editora: Seguinte
Gênero: Romance/Young Adult
Ano: 2017
Páginas: 384
Nota:
Sinopse: Dylan não é como a maior parte dos garotos de quinze anos. Ele é corpulento, tem quase dois metros de altura e tantos pelos no corpo que acabou ganhando o apelido de Fera na escola. Quando ele conhece Jamie, em uma sessão de terapia em grupo para adolescentes, se apaixona quase instantaneamente. Ela é linda, engraçada, inteligente e, ao contrário de todas as pessoas de sua idade, parece não se importar nem um pouco com a aparência dele. O que Dylan não sabe de início, porém, é que Jamie também não é como a maioria das garotas de quinze anos - ela é transgênera, ou seja, se identifica com o gênero feminino, mas foi designada com o sexo masculino ao nascer. Agora Dylan vai ter que decidir entre esconder seus sentimentos por medo do que os outros podem pensar ou enfrentar seus preconceitos e seguir seu coração.

Resenha: Dylan só tem quinze anos mas é o garoto mais alto, corpulento e peludo da escola. Sua aparência "monstruosa" lhe rendeu o apelido de Fera, por onde passa ele atrai olhares assustados, e ele se sente muito sozinho por sempre ser excluído do convívio social do colégio. Seu único amigo é JP, que diferente dele é popular e rico, e sempre conta com a ajudinha de Dylan para resolver alguns assuntos particulares.
Com problemas de baixa estima e aceitação, Dylan é convencido por sua mãe a participar de sessões de terapia em grupo, e lá ele acaba conhecendo a Jamie, por quem ele logo se apaixona. Porém, ao descobrir que ela é uma mulher trans (nasceu no sexo masculino mas se identifica como feminino), as coisas começam a ficar bem confusas, pois Dylan passa a ter dúvidas sobre os próprios sentimentos além de precisar lidar com o preconceito social de quem não entende ou não aceita as diferenças dos outros. Ele vai esconder seus sentimentos ou vai seguir seu coração?

Mesmo que a história seja simples, o fato de existir um romance entre um garoto e uma garota trans é o bastante para desconstruir alguns preconceitos que muitas pessoa ainda têm. A autora fala sobre o assunto com muita naturalidade e é muito importante que exista esse tipo de representatividade na literatura jovem para ajudar a esclarecer que o gênero é uma condição natural e de característica congênita, e não uma opção.
Dylan é um garoto com muitos problemas pessoais, que sente ódio do mundo e não sabe controlar muito bem a raiva que sente e guarda dentro de si, mas que amadurece bastante após se aproximar de Jamie. Ele não é o personagem mais amável que já encontrei, mas consegui compreender seus motivos, mesmo que tenha sentido vontade de quebrar a cara dele quando ele se comporta feito um imbecil. Através da Jamie temos uma boa noção das dificuldades e dos dilemas que os adolescentes trans enfrentam no dia-a-dia, além de acompanharmos as consequências que partem do preconceito, e isso pode ser bastante incômodo para alguns. E acho que justamente por trazer algumas cenas cruéis, o livro é essencial pra quem busca por leituras desse gênero e com personagens com essas características.

Fera é um livro super especial que mostra a importância de se ter apoio naqueles momentos tristes e difíceis, e dos vários tipos de relacionamentos com aqueles que sempre queremos bem, seja a família, os amigos ou aqueles por quem desenvolvemos o sentimento mais bonito do mundo: o amor.
É um romance entre dois adolescentes que tem as suas aparências julgadas, mas que com o passar do tempo consegue mostrar que barreiras podem ser quebradas e preconceitos superados, basta seguir o coração.

Nenhum comentário

Postar um comentário