25 de junho de 2012

O Poder dos Seis - Pittacus Lore

Lido em: Maio de 2012
Título: O Poder dos Seis - Os Legados de Lorien - Livro 2
Autor: Pittacus Lore (James Frey e Jobie Hughes)
Editora: Intrínseca
Gênero: Aventura/Ação/Juvenil/Ficção Científica
Ano: 2011
Páginas: 319
Nota
Sinopse: O planeta Lorien foi devastado pelos mogadorianos, e seus habitantes, dizimados. Exceto nove crianças e seus guardiões, que se exilaram na Terra. Eles são como os super-heróis que idolatramos nos filmes e nos quadrinhos – porém, são reais. O Número Um foi morto na Malásia. O Número Dois, na Inglaterra. E o Número Três, no Quênia. Tentaram pegar o Número Quatro, John Smith, em Ohio, e falharam. Em O poder dos seis, John e a Número Seis se recuperam da grande batalha contra os mogadorianos, de quem ainda fogem para salvar a própria vida. Enquanto isso, a Número Sete está escondida em um convento na Espanha, acompanhando pela Internet notícias sobre John. Ela se pergunta onde estão Cinco e Seis, imaginando se um deles é a garota de cabelo preto e olhos cinzentos de seus sonhos, cujos poderes vão além de tudo o que ela já imaginou, aquela que tem a força necessária para reunir os seis sobreviventes.

Resenha: O Poder dos Seis, é o segundo volume da série Os Legados de Lorien. Essa resenha possui spoilers do primeiro livro, Eu Sou o Número Quatro. Caso ainda não tenha lido, recomendo a leitura pois é um livro muito bom! Para dar uma espiada na resenha do primeiro livro, clique AQUI.

Em "O Poder dos Seis", Número Seis, Sam, John e seu chimæra, Bernie Kosar, fogem de Paradise após destruírem a escola toda pra poderem escapar dos outros mogadorianos que estão na captura deles e porque a polícia encontrou os vários documentos falsos que ele e Henri, que morreu durante a batalha na escola, forjavam. Como se isso não fosse o bastante, John ainda passa a ser procurado como um terrorista por causa da destruição e de sequestrar Sam. Sam não avisou pra ninguém que deu no pé com os Gardes, tudo isso pra descobrir o que raios aconteceu com seu pai! Menino desajuizado!
John vai embora com a mão no coração por estar deixando Sarah, seu "grande e único amor", mas no momento, fugir é a única coisa que ele poderia fazer pra se salvar e mantê-la em segurança também.

Esse volume dessa vez foi dividido entre a história de John e Marina, que é a Número Sete, e os capítulos se intercalam. Isso foi fantástico e até o texto pra cada um, com as letras diferentes, foi um diferencial muito bacana!
Marina e sua Cêpan, Adelina, vivem em um tipo de convento/orfanato na Espanha, e o desespero de Marina para descobrir se outros Gardes estão vivos e a ansiedade dela pra encontrá-los, faz com que ela sempre fique pesquisando e procurando por pistas de John na internet as escondidas pois ela acredita que devido as notícias que aparecem na televisão, só pode se tratar de um outro sobrevivente. Porém, ela é recriminada por Adelina, que já não deseja fazer parte da guerra por ter perdido as esperanças, tenta proibir Marina de fazer parte dessa vida pois agora estão na Terra e a única coisa que importa pra ela agora é Deus. A mulher agora é uma cristã devota e quer simplesmente enterrar o passado como se nunca tivesse acontecido! Mas Marina tem seus ideais e corre atrás do que quer e do que acredita! Marina é simplesmente demais!
Enquanto descobre seus legados sozinha, já que não pode contar com a ajuda de Adelina, Marina acaba fazendo amizade com Ella, uma menininha de uns 11 anos que desperta sua afeição. Marina acaba jurando protegê-la de qualquer mal. No final do livro, Ella revela um grande segredo!
Marina também pode contar com a ajuda de Héctor, que é conhecido como o bebum da cidade, mas que tem um ótimo coração.

A narrativa de Marina é muito calma, talvez por se tratar da introdução de sua história, enquanto a de John é ação pura por conta da fuga. Mal dá pra respirar. Parece que estamos lendo um roteiro de um filme de ação!

Um tipo de triangulo amoroso ainda começa a surgir em meio a toda essa confusão. Não sou muito fã de histórias que envolvem esse assunto, mas a forma como vai acontecendo e se desenrolando me agradou muito!

No decorrer da história, ficamos sabendo um pouco mais da história de Seis, o que é muito bacana, pois isso só me fez ficar mais fã da menina. Sam também é demais, continua melhor do que no primeiro livro!

Como tinha dito na resenha anterior, Sarah não me convenceu como namorada perfeita e eu tinha tomado antipatia dessa odiosa, e nesse livro, minhas suspeitas contra essa menina se confirmaram... Sái fora, Sarah, sua bruxa!
Entendi que aquele amor eterno que John acreditava sentir por Sarah, não passou de uma paixonite adolescente. Afinal, desde quando adolescentes sabem tudo sobre amor ou o que querem da vida nesse sentido? E John, por mais poderoso que seja, ainda é um adolescente e nada mais normal do que vivenciar essas emoções e conflitos.

Enfim, esse livro conseguiu me conquistar ainda mais do que o primeiro. Fiquei agoniada e suplicando pela continuação. Posso dizer que a aparição do Número Nove quase me fez morrer? Gente... Por menor que tenha sido sua participação, ele consegue ser mais foda que todos os personagens juntos! Preciso continuar lendo e saber da história desse menino logo meudeusdocéu!!!

Recomendo totalmente a leitura dos dois volumes e agora estou aqui, ansiosa e desesperada pela continuação que deve ser lançada esse ano, eu espero: A Ascensão dos Nove!
Já está nos meus favoritos, claro!

17 comentários

  1. Gostei do fato do livro ser divido em capítulos intercalados entre os personagens e com letras diferentes, assim torna a leitura mais prática, mas nao curti a capa. Achei ela mto sem gracinha comparada à do livro anterior ;s
    Adorei sua resenha, como sempre, mas só vou ler este livro se um dia ler Eu sou o número quatro hahaha
    beijos
    http://nolimitedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Camila, acho que as capas tem a ver com os legados dos meninos... A capa do primeiro livro dá ideia de fogo, e o Número Quatro é resistente ao fogo... essa capa do segundo livro já deve ter alguma ligação com a Número Sete, já que ela tem o poder de conseguir ficar debaixo da água sem respirar. Mas sei lá... só estou supondo mesmo rsrsrs.

    Bjokas e obrigada pela visita!

    ResponderExcluir
  3. Ai estou louca para ler esse livro, eu assisti ao filme e adorei uahsua
    Apenas não gostei muito da capa :/
    um beeeijo.
    http://livrodagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Esse livrop, eu quero muito, apesar de ainda não ter lido o eu sou o numeo quatro. Claro que assisti o filme, mas preferia ter lido o livro.

    @hyuugamarcos

    http://mundodosmngas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Tô louco pra ler esse livro, li tantas resenhas positivas sobre ele que minha vontade só faz aumentar. Ainda não li porque deu preferência a outros livros, mas vai ser minha próxima leitura :D

    Abraços!

    P.S.: Por que você não gosta da Sarah? :\ kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  6. Ok, eu não li, haha.
    Ainda vou ler Eu sou o número quatro e não quero nenhum spoiler, haha.
    Só digo uma coisa. Estou ansiosa!!

    Beijos - Barbara Sá.
    http://secretsentreamigas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Flávia!
    Bom, fiquei um pouco perdida na resenha pois não conheço a série, mas o livro parece ser ótimo!

    Beijokas
    Amanda
    leiturahot.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Pelo que li a série vai ficando cada vez melhor! Adorooo. Sua resenha ficou muito boa.Parabéns.
    Beijocas!
    http://palomaviricio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Estou curiosíssima para ler Eu sou o número 4. Quantas vezes entrei na Saraiva e fiquei lá, babando nele e sem dinheiro para adquirir. Vamos ver se nessa Bienal eu consigo arrematar os dois volumes de uma vez, não é mesmo? :)
    __________________________________________________

    Já conferiu as promoções que estão rolando no blog O Leitor?
    Ainda não?
    Não sabe o que está perdendo.
    Dia 12 de julho é o último dia para participar da Promoção Dia dos Namorados Literário, onde são sorteados 5 livros e um kit de marcadores e serão seis sortudos. Você pode ser um deles.
    Além disso, o Concurso Cultural do mês é sobre a obra "A última entrevista do casal John Lennon e Yoko Ono". Participe também!

    Para saber mais, basta clicar na aba promoções.
    Obrigada pela atenção,

    Pamela
    resenhista do blog O Leitor
    http://oleitor2.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Oooi Flávia *-*
    É sério que nunca se animasse para assistir Pretty Little Liars?
    Dou uma dia: assiste ao primeiro -se quiser o segundo também - e depois me diz o resultado esta bem?
    Um beijo.
    http://livrodagarota.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Flavinha!
    Já queria o livro, agora então nem se fala.
    Adoro estas aventuras, adoro sagas.
    Nem sei quantas já tenho, agora já sei que começarei mais uma.

    Bjos.
    Cida
    http://www.moonlightbooks.net

    ResponderExcluir
  12. Vi o filme e amei. Os livros ainda não li mas assim que eu tiver oportunidade vou ler com certeza.

    ResponderExcluir
  13. [aaa] Bem o que posso dizer... sou apaixonada demaaais por este livro, eu gostei mais dele do que o primeiro. Héctor era um Humano incrível, conhecer a Marina também foi ótimo, achei ela bem melhor que o número Seis u_u E como você disse, por menor que foi a participação do Nove, eu achei ele incrível, tipo... o mais fodástico de todos ali, e pela descrição do Quatro dele ser todo musculoso, fiquei um pouco curiosa -q
    Parabéens pela resenha! beeijos! ;*

    ResponderExcluir
  14. Adorei a resenha tirou muitos dúvidas, triste pela SARAH, curioso pelo segredo de Ella e pela reunião dos outros números!!!! Bjssss

    ResponderExcluir
  15. Tenho o terceiro livro, mas ainda não li o primeiro e nem este ^^
    Toda vez que leio uma resenha sobre este livro dá muita vontade de ler e pelo jeito eu iria adora-lo, mas to sem grana T.T

    ResponderExcluir
  16. AAAAH, que boa resenha. Estou empolgado para ler os meus \o/ Como voce disse, eu com certeza irei gostar. Quando ler vou dar minha opinião pra você Flavia \o/
    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Eu já li sobre os outros livros aqui, gostei muito. Esse parece ser bom também, essa é uma série que com certeza eu lerei. Minha colega tava lendo o "Eu sou o numero quatro", quando ela terminou achou que tinha continuação, ai na biblioteca falaram que não tinha, eu disse pra ela que tinha.... O povo burro não sabe a informação, e passa errado... Afz...
    Sobre o livro, eu gosto desse tipo de história, toda vez que ouço falar só lembro do anime "Mirai Niki" que eles são numeros até o 12, e um tem que matar o outro .-.

    ResponderExcluir