29 de junho de 2012

Garoto Encontra Garota - Meg Cabot

Lido em: Abril de 2011
Título: Garoto Encontra Garota - Garoto - Livro 2
Autor: Meg Cabot
Editora: Galera Record
Gênero: Juvenil/Chick Lit/Romance
Ano: 2006
Páginas: 400
Nota
Sinopse: Neste novo sucesso de Meg Cabot, Kate Mackenzie é assistente da TPM (Tirana, Perversa e Maldosa) Amy Jenkis, diabólica diretora de RH da empresa onde trabalha. TPM ordena que Kate demita a funcionária mais popular da empresa, o que a leva a ser processada pela demissão injusta. Mas, ao contrário do que todos imaginavam - que Kate ia se dar mal -, ela encontra o amor de sua vida no tribunal.

Resenha: Garoto Encontra Garota é o segundo volume da série Garoto de Meg Cabot, porém, esse livro apesar de ser no mesmo estilo onde a narrativa se dá pela leituras dos emails (e agora com anotações no diário, bilhetinhos, conversas pelo messenger e receitas de sobremesas que dá vontade de testar) que os personagens usam pra se comunicar, não é a continuação da história dos personagens do primeiro livro, então, podem ler tranquilos que spoiler não tem. O livro é totalmente independente do primeiro. Alguns dos personagens até que aparecem às vezes, só pra dar aquele gostinho de saber o que aconteceu com eles alguns anos depois (lembrei dos livros da família Walsh, da Marian Keyes, pois como as personagens são irmãs, uma ou outra acaba aparecendo na história e assim ficamos sabendo o que foi feito de suas vidas), mas a história agora é centrada em Kate Mackenzie, que foi morar na casa, ou melhor, no sofá da amiga Jen após o término de um namoro de "míseros" 10 anos com Dale, pois o cara não queria um compromisso "mais sério"! Canalha! Como Kate não tem um salário bom o bastante pra pagar aluguel, fica dependendo da amiga, e o que ela mais quer é ter seu próprio canto.

Kate trabalha no RH do New York Journal (a mesma empresa do primeiro livro) como representante dos funcionários, sob a supervisão de TPM (Tirana, Perversa e Maldosa), vulga Amy Jenkins, que agora é a diretora do RH do jornal e continua mais intragável do que nunca!

Um belo dia, Sra. Ida Lopez, a doceira mais querida da empresa, se nega a servir seus deliciosos doces para um cara considerado "importante", ele reclama e por ordem de Amy, Kate fica responsável por demitir a velha! Só que o que ninguém imaginava, era que a Sra. Lopez entraria na justiça para processar a empresa e Kate dá o azar de ter que dar satisfações da demissão injusta dela, já que foi ela quem a demitiu. E é aí que ela conhece Mitch Hertozog, o advogado contratado pela empresa, super irônico, lindo de morrer, atlético e é daquele tipo que demonstra não estar nem aí pra nada. Stuart, seu irmão mais velho e noivo de Amy, está seriamente ligado ao caso da demissão injusta e, mesmo sendo o advogado e consultor jurídico da empresa, não poderia representá-la, então manda Mitch fazer esse trabalho por ele. O que Stuart não esperava, era que Mitch além de ficar apaixonado por Kate, ainda começa a defender a Sra. Lopez, pois o cara além de não estar nem aí pra nada, acha que a demissão foi mesmo injusta! rsrsrsrs

Achei muito legal os personagens terem ligações com os personagens do primeiro livro. Mitch (e Stuart) é irmão de Stacy, cunhada de John Trent. Como Jen e o marido estão tentando ter um bebê, Kate fica louca pra sair da casa deles e em uma parte da história acaba indo se "hospedar" na casa de Dolly Vargas (a colunista de moda super "loosho").

Cardápio
Enfim, o livro é muito bacana, a leitura flui muito fácil (li o livro em um dia só e quando acabou me perguntei: mas jááá?) e é cheio de situações super engraçadas, embaraçosas, algumas hilárias de tão absurdas e ridículas (principalmente as situações em que Kate está bêbada), há uma trama diabólica no ar e tudo mais, mas achei que tudo aconteceu muito rápido e a nova forma de narrativa incluindo bilhetinhos e anotações feitas nos cardápios dos restaurantes deixaram as coisas um pouco avacalhadas. O romance aconteceu muito de repente e Mitch, com a vida que leva e os princípios que tem, não combina nem um pouco com essa carreira que seguiu.

E o nome do livro, mais uma vez não corresponde com a história, por mais que Mitch, às vezes, seja um pouco moleque e irresponsável. Mas recomendo a leitura! Adorei o livro e está nos meus favoritos!
Só falta eu ler o terceiro livro da série agora, "Todo Garoto Tem", e estou ansiosa!

9 comentários

  1. nossa muito legal
    mais um livro que entra para a minha gigante lista de livros do skoob que irei ler

    dá uma visitinha no Cine Books
    está com layout novo
    na minha nada humilde opinião está bem bacana

    cine-books-ac.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Ahhh... eu sou tão suspeita pra falar da Meg cabot, não tem como não gostar de qualquer livro que ela escreva, sempre são ótimos e este não me pareceu diferente.

    Beijoos
    Meus livros, meu mundo.

    ResponderExcluir
  3. Ai eu gosto tanto desse livro! Aliás, tem como não gostar da Tia Meg?! ^^ Você falou que só falta ler Todo Garoto Tem, eu acabei de postar uma resenha sobre ele no meu blog! Depois passa lá para ver! (:

    http://chicklitobsession.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Dessa trilogia, eu li apenas o primeiro, "O Garoto da Casa ao Lado", e amei. Adoro narrativa através de e-mails, e a estória é hilária. Eu ainda tenho muita vontade de ler os outros dois, ainda mais depois de ler sua resenha, fiquei com mais vontade ainda, mas geralmente os livros estão meio carinhos ;/ Aí não sei o que farei, haha. Eu acho super lindinha essa capa, mas também gosto da capa antiga, acho fofa. Enfim, adorei tua resenha.

    Beijos,
    Samantha
    Books and Other Things - http://livroseetecetera.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá ,encontrei o seu blog por acaso e gostei muito! Seu blog é muito lindo,parabéns pela resenha,o livro parece ser bem legal.
    Estou seguindo ^^

    Se quiser da uma passadinha no meu,fique a vontade :)

    strawberrydelivrosefilmes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Pq o nome dessa série é garoto já que o enredo não tem nada de adolescentes????
    Adorei sua resenha, dá pra ter uma idéia geral do que esperar.

    ResponderExcluir
  7. Oi Flávia!

    Eu estou lendo o 3º livro, comecei pelo final, e estou gostando muito.
    Parece que estou assistindo uma comédia romântica e das boas.

    Parabéns pela resenha.

    Bjos!!

    Cida

    http://www.moonlightbooks.net/

    ResponderExcluir
  8. Confesso que quando comprei nem sabia o estilo inusitado do livro, e olha que eu sou fã da Meg!!! Adorei era bem diferente, mas mesmo assim muito legal!!! Já li o "Todo garote tem" e eu recomendo pra qualquer pessoa!!! achei ele até melhor que este ^^

    Valeu pela resenha ^~

    ResponderExcluir
  9. Você é super fã dessa autora não é? vejo muitas resenhas dos livros dela aqui no seu blog.

    ResponderExcluir