19 de agosto de 2014

A Caminho da Sepultura - Jeaniene Frost

Lido em: Julho de 2014
Título: A Caminho da Sepultura - Night Huntress - Livro 1
Autora: Jeaniene Frost
Editora: Novo Século
Gênero: Sobrenatural/Conteúdo Adulto
Ano: 2011
Páginas: 344
Nota:
Sinopse: A meia-vampira Catherine Crawfield está indo atrás dos mortos-vivos como uma vingança, esperando que um destes sem batimentos cadiacos seja seu pai- o responsável por arruinar a vida de sua mãe. Então ela é capturada por Bones, um caçador de vampiros, e é forçada a uma profana parceria. Em troca de encontrar seu pai, Cat concorda treinar com o sexy caçador da noite até que seus reflexos de batalha estejam tão afiados quanto as suas presas. Ela está espantada que ela não terminou como o seu jantar- há realmente bons vampiros? Rapidamente Bones a terá convencida de que ser meio-morto não tem que ser de todo ruim. Mas antes que ela possa aproveitar seu novo status de caçadora chutadora de traseiros de demônios, Cat e Bones são perseguidos por um grupo de assassinos. Agora, Cat terá que escolher um lado... e Bones está se tornando tão tentador quanto qualquer homem com um batimento cardiaco.

Resenha: A Caminho da Sepultura é o primeiro livro da série Night Huntress escrita pela autora Jeaniene Frost e publicado no Brasil pela Editora Novo Século.
Como o livro está bem resumido na sinopse, não falarei muito sobre a premissa da historia e sim a minha opinião.
Para quem não sabe, eu sou fascinada por leituras fantásticas, especialmente os de vampiros, então quando vejo um livro que aborda estes seres, lá estou.
O livro foi uma leitura que tentei adiar ao máximo, mas minha fascinação e os comentários positivos de colegas à parte fizeram com que antecipasse a leitura dele.
A narrativa começa ao sermos apresentados a Catherine e ao motivo que a levou a matar vampiros. Esta sua implicância com a raça – até por que ela é meio vampira – deu-se ao seu pai: um vampiro que estuprou sua mãe, fazendo-a engravidar dela.
O livro começa a ficar interessante quando Bones, um vampiro de mais de 200 anos, aparece. Ele é irritante, um mocinho – nada bom -, que trabalha para uma agência que procura os bandidos, como um tipo de caçador de recompensas, e em uma de suas noites, quando estava a procura de algum ser sobrenatural, ele conhece Cat, mesmo que a apresentação entre ambos não tivesse sido muito agradável.
Confesso que no inicio senti empolgação e a historia vai direto ao ponto, o que me deixou alucinada para continuar a ler sem intervalos.  Os personagens são bem sarcásticos, irônicos, um tanto mal humorados – motivos explicados na leitura -, e tais características deixam os personagens com um charme extra além de arrancar algumas risadas dos leitores.

Ação do livro é a parte boa de toda leitura. A autora não economizou nas palavras na hora de descrever a ação, e fica difícil não se envolver. A sensação é de uma angustia e frenesi sem intervalo para a recuperação.
A explicação da autora sobre o motivo dos vampiros poderem procriar é genial e bastante convincente, até porque sabemos que vampiros são mortos e algo deve ser feito para que continuem a perpetuar a espécie.
Porém, após tantas indicações e comentários positivos, a leitura não superou minhas expectativas como esperei. Pra mim, os personagens não foram tão bem construídos e vários acontecimentos ficaram no ar. Talvez seja por este ser o primeiro volume da série e a história ser uma introdução do que está por vir, e talvez cada livro traga alguma explicação do que ficou em aberto. Mas, para uma leitora como eu, acho extremamente importante que essas explicações e detalhes dos personagens sejam trabalhado e revelados no primeiro livro, de forma que eu possa estar a par de quem são, o motivo de serem assim, etc... Senti um vazio devido a falta de uma explicação melhor sobre eles.

Achei a trama um pouco enrolada e acredito que possa ter sido de forma proposital, como se a autora quisesse deixar aquele gostinho de quero mais, mas ainda assim não foi algo que me agradou.
Há quem diga que o livro é erótico, mas discordo. Pra mim é uma leitura com bastante sensualidade até mesmo pelas cenas que não são nada pesadas.
Apesar de não ter me agradado por completo, posso afirmar que me diverti com a leitura. Quero ler a continuação pra poder conferir se as pontas soltas serão amarradas e, quem sabe, tornar esta série fixa para minha lista de leituras.
Para quem curte histórias sobrenaturais com a presença de vampiros é um bom passatempo.

12 comentários

  1. Olá, curto histórias sobrenaturais na medida do possível. Já fantasia é algo que eu sempre estou dando um jeitinho de ler. Confesso que a capa ou a premissa me chamaram a atenção, aí com sua nota e resenha meu interesse quase inexistente pela obra se tornou definitivamente nulo. Detesto quando essas narrativas enrolam o leitor. Então, dispenso a leitura.

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Oi Aninha! Eu sou tão suspeita em falar de Night Huntress, eu amo essa série demais, e fico triste que você não tenha apreciado tanto. Eu já li cinco livros da série, e a cada livro foi melhorando muito. Por favor, leia a continuação. Sério. Bones e Cat são demais. A tradução da Novo Século é horrível, inglês é bem melhor.

    Beijos,
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir
  4. Ola Ana lindona também adoro histórias com vampiros, estou com esse livro no Kobo mas ainda não consegui ler. Só pelo fato da ação em si já me faz ler . Uma pena que não atendeu suas expectativas . Vou ler para poder comentar com mais conhecimento de causa vampiresca rss. beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Ana! Pena que não curtiu tanto! Eu sou muito, mais muito apaixonada por essa série! Essa autora é umas das que escrevem sobrenaturais que mais gosto!
    Espero que continue com a série, e que se vicie ainda dela!
    Beijinhos
    Paulinha Juliana

    ResponderExcluir
  6. Oi, Ana! Vc sabe que eu não gosto muito de sobrenatural, ainda mais de vampiro. E esse ainda tem o agravante de ter alguns pontos fracos relevantes, então não seria uma possível leitura pra mim.
    Beijinhos!
    Giulia - prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  7. Tenho horror dessa capa, rs, acho assustadora, e não curto histórias de vampiros, então realmente não pretendo ler. Sua resenha só confirmou minha opinião de que não ia curtir o livro. Achei horrível isso do pai da Catherine ser um vampiro e ter estuprado a mãe dela.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  8. Oi, Ana
    Achei a capa estranha 'p' mas falando da narrativa. No momento eu estou um pouco relapso na literatura sobrenatural e principalmente vampiros (porém estou lendo um livro de vampiro no momento '-') rs
    Achei a narrativa interessante. Sobre a ação ser tão bem construída e a sensualidade do livro não caminhar pelo lado erótico. Não leria no momento, sabe Ana, mas quem sabe em outra época?
    Eu adorei sua resenha e confesso que não sabia que você era colunista no blog da Flá :)

    Abraço
    Adriano
    GeraçãoLeitura.com

    ResponderExcluir
  9. Está ai o problema com as altas expectativas. Eu sempre tento evitá-la porque isso acaba estragando livros que nós poderíamos ter adorado, caso ela não existisse.
    Enfim. Já conhecia a série - de vista - e nunca me interessei por ela. Adoro sobrenatural, em especial os vampiros, mas não me atraiu essa história. É bom saber que as cenas de ação são bem desenvolvidas, ainda sim..
    Mas vamos fazer assim, vou esperar sua próxima resenha da série antes de ter uma decisão definitiva.

    Beeijinho. Dreeh
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  10. Gosto de livros sobre seres sobrenaturais, mas ultimamente estou evitado qualquer coisa sobre vampiros, não tive experiências boas com eles, então quero dar um tempo, sabe? E esse livro não conseguiu me chamar a atenção, quem sabe mais para a frente eu venha me interessar por ele, mas por enquanto eu dispenso a leitura.

    Beijos
    Larissa - Srta. Bookaholic

    ResponderExcluir
  11. Olá Ana!
    Eu adoro livro com vampiros. E já tinha ouvido falar desse livro. É uma pena que ele não superou as suas expectativas. Mas pretendo ler ele pra tirar minhas próprias conclusões.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá Ana, tudo bem?

    Eu nem ando me aventurando mais por livros que tragam a temática vampiresca. Tive um monte de decepções, então vou apenas manter as séries que já acompanhava e que gosto bastante.

    Beijos

    ResponderExcluir