15 de abril de 2015

Novidades de Abril - Leya

Leya
O Meu Irmão - Afonso Reis Cabral
Com a morte dos pais, é preciso decidir com quem fica Miguel, o filho de 40 anos que nasceu com síndrome de Down. É então que o irmão – um professor universitário divorciado e solitário – surpreende a família, assumindo essa grande responsabilidade. É apenas um ano mais velho que Miguel, e a recordação do afeto e da cumplicidade entre os dois durante a infância leva-o a acreditar que a nova situação acabará por resgatá-lo da aridez em que se transformou a sua vida e redimi-lo da culpa por tantos anos de afastamento. Porém, a chegada de Miguel traz problemas inesperados – e o maior de todos chama-se Luciana. Numa casa de família, situada numa aldeia isolada do interior de Portugal, o leitor assistirá à rememoração da vida em comum desses dois irmãos, incluindo o estranho episódio que ameaçou de forma dramática o seu relacionamento. O meu irmão, vencedor do Prêmio LeYa 2014 por unanimidade, é um romance notável e de grande maturidade literária que, tratando o tema sensível da deficiência, nunca cede ao sentimentalismo, oferecendo-nos um retrato social objetivo e muitas vezes até impiedoso.

Coleção Sete Pecados - Luxúria - Mauricio Horta
"Quem nunca pecou que atire a primeira pedra”, já disse Jesus lá na Bíblia. E até quem não conseguisse atirar, por ter se atrasado  ao apedrejamento, mesmo assim pecaria por ter cedido à Preguiça. Evitar os sete pecados capitais não é uma tarefa das mais fáceis. É por isso que a nossa trajetória está repleta deles. Saber como moldaram a história do mundo, como foram criados e modificados ao longo do tempo é entender onde estamos e aonde queremos chegar. Dos liberais templos pagãos da Grécia aos falsos pudores medievais. Dos encantos dos portugueses pelas índias às revoluções sexuais dos tempos modernos, deixemos os pudores de lado para mergulhar com gosto na Luxúria, que talvez seja o mais tentador de todos os pecados.


Coleção Sete Pecados - Inveja - Mauricio Horta
"Quem nunca pecou que atire a primeira pedra”, já disse Jesus lá na Bíblia. E até quem não conseguisse atirar, por ter se atrasado ao apedrejamento, mesmo assim pecaria por ter cedido à Preguiça. Ela está por trás do Holocausto e da morte de Sócrates, da criação da Capela Sistina, das teorias de Freud e da obra dos Beatles. Saiba como a Inveja transformou a humanidade. Evitar os sete pecados capitais não é uma tarefa das mais fáceis. Ainda mais a Inveja. Esse pecado foi responsável por uma série de tragédias: do assassinato de Sócrates na Grécia Antiga à ascensão dos nazistas na Alemanha. Neste livro, você vai ver que não existe só podridão no reino da  Inveja.  Sim,  porque  ela  serviu  de combustível  para  realizações  ímpares,  como  o  melhor  da pintura  renascentista  às  fenomenais  músicas de John Lennon e  Paul McCartney.  E,  de quebra, ajudou a formar o caráter brasileiro. Pois é. Se o pecado mora ao lado, às vezes pode ser bom que seja o da Inveja.

Além da muralha – explorando o universo de As crônicas de gelo e fogo, de George R. R. Martin - James Lowder (org)
Era inevitável que uma obra com a força das As crônicas de gelo e fogo acabasse ultrapassando as fronteiras dos Sete Reinos de Westeros. Em Além da Muralha, uma coletânea de ensaios avança sobre novos territórios, desvendando temas como as disputas pelo poder, o papel das mulheres na trama e a natureza dos seus deuses e seres fantásticos. E para quem tem sede de ir mais longe, pode mergulhar na complexidade dos heróis e vilões, bem como nas questões morais que envolvem seus atos e decisões, além de descobrir os desafios que existem na adaptação da série para a linguagem das HQs. Mais do que um livro de ensaios sobre o universo de George R. R. Martin, Além da Muralha é uma aventura fascinante, capaz de revelar detalhes que podem passar desapercebidos até mesmo pelos maiores fãs da série.


As regras do casamento feliz - Harriet Lerner
Se dois grandes amigos adaptam-se um ao outro e estabelecem um convívio tranquilo, por que não conseguiríamos fazer o mesmo com os nossos companheiros? Esta é uma das grandes premissas  para este livro. Afinal, muito se fala sobre casamentos por aí. Mas este não é um livro qualquer, é uma obra concebida de forma única, clara e didática para as demandas do nosso mundo. Harriet Lerner reuniu sua experiência de mais de vinte anos de consultório e agora compartilha com seus leitores mais de 100 regras que abordam os pontos principais de todos os relacionamentos de longa duração. As regras do casamento feliz oferece novas soluções para velhos (ele não se comunica, ela não quer sexo) e novos dilemas (ele é viciado em tecnologia). Se um dos parceiros seguir dez regras que o outro escolher, as mudanças e os resultados serão visíveis. Basta o desejo genuíno de construir um  relacionamento melhor e a persistência para não perder o foco.

A prática infinita – Uma jornada através da alma - Mark Nepo
Destaque no programa do ícone da televisão americana Oprah Winfrey, a obra de Mark Nepo tem inspirado milhões de pessoas a redefinirem-se em face aos desafios da vida. Em A Prática Infinita, o autor nos conduz por algumas das questões mais profundas e antigas da alma, tais como: O que significa habitar o mundo? Como é que ficaremos à salvo em meio às tempestades da vida? Qual é o segredo para despertarmos para a vida? Mark afirma que a jornada da alma não apenas é inevitável, como é essencial para a nossa sobrevivência. A jornada humana se dá por meio da vida que nos faz crescer, e não importa aonde vamos, não podemos fugir desta verdade fundamental: o que está no caminho é o caminho. Como Mark escreve: “A questão da experiência não é escapar da vida, mas vivê-la.”


O misterioso significado do dinheiro - Nathalie Trutmann
De maneira leve e divertida, Nathalie Trutmann explica como o seu contexto familiar e as suas escolhas de vida  moldaram  a sua relação com o complexo  mundo  financeiro.  Sem pretensão de  apresentar fórmulas precisas, a autora introduz alguns conceitos sobre o tema e expõe sua verdade com coragem, fazendo o leitor refletir sobre as suas próprias decisões e sobre um dos maiores tabus do mundo: o dinheiro. 









Mujica – A revolução tranquila - Mauricio Rabuffetti
Mujica - A revolução tranquila é um retrato moderno e humano do presidente uruguaio, que parte de sua fama mundial para explorar a extraordinária vida de um personagem que gera polêmica em seu país ao mesmo tempo em que é aclamado pelo mundo.O livro de Mauricio Rabuffetti é um retrato profundo, dinâmico e revelador sobre um líder político quetem marcado o seu tempo histórico e tornou-se uma figura analisada em âmbito mundial. As chaves para a sua popularidade, as razões para algumas de suas decisões mais comentadas e explicações para seus  fracassos aparecem  em uma  narrativa  vertiginosa  que descreve  em  detalhes  esse líder intransigente que cultua um estilo de vida simples.O livro aborda questões, tais como: Como esse líder foi forjado? Por que esse homem desperta tantas paixões? O que o fez encarar a morte e trilhar um caminho de espinhos e armas em direção à paz? Como a lei de liberação da maconha foi concebida? Qual foi seu real envolvimento no processo de paz na Colômbia e no relaxamento do embargo sobre Cuba? E, mais importante: Qual será o legado do presidente mais popular do planeta?

Quinta Essência
A melhor coisa que nunca aconteceu na minha vida - Laura Tait e Jimmy Rice
O primeiro amor. Uma segunda chance. Todo mundo faz planos para o futuro. Mas será que a vida sempre leva aos caminhos desejados? Viajar pelo mundo, ter o emprego dos sonhos, um grande amor do passado. Cada um imagina que sua vida acontecerá  de  uma  maneira  diferente.  Perto  de completar trinta anos, Holly e Alex, que não se veem há onze anos, voltam a se encontrar por acaso. Como o reencontro vai afetar a vida desses velhos amigos de infância? Na adolescência a amizade escondia uma grande paixão não revelada. E que, mesmo com o passar dos anos, continuou na memória como lembrança ou arrependimento do que poderia ter sido. O que aconteceria se o destino reservasse a possibilidade de viver uma segunda chance, tanto na vida quanto no amor? A melhor coisa que nunca aconteceu na minha vida tem esse gostinho de primeiro amor. Com um enredo leve, romântico e  engraçado, este casal de protagonistas te conquistará logo nas primeiras páginas.

Casa da Palavra
Mãe - Sibelle Pedral e Ana Astiz
Cada página de Mãe funciona como uma folha em branco a ser preenchida. Seguindo a história das autoras, a mãe vai sendo conduzida pelas próprias memórias desde o descobrimento  de sua  gravidez  até a  fase madura  do filho. E mais do que relembrar, é o cantinho especial para  registrar suas lembranças, contar seus segredos e trazer  à tona novamente o sentimento único que só uma mãe é capaz de sentir  –  e que agora  pode ser compartilhado com toda a família. Ao contrário do Destrua este diário, é um livro para ser construído, e guardado com carinho para ser passado de geração em geração. 






Mãe relax – Pequeno guia da maternidade (im)perfeita - Mariana Zanotto
Durante anos, Mariana Zanotto relatou em um blog de sucesso, o Pequeno guia prático para mães sem prática todas as suas impressões, dúvidas, certezas, experiências  e  inexperiências – além de  uma porção de histórias hilárias – sobre gestação, parto, nascimento e crescimento de seu casal de filhos.Agora, o blog toma a forma de livro trazendo um pouco de sua crença sobre como tornar a vida de mãe algo mais prazeroso, libertador e reconfortante do que os estereótipos de perfeição que encontramos por aí. Em formato gift, ilustrado e com uma fita colorida fechando a capa, é um presente perfeito de Dia das Mães, tanto para os filhos, como para as mães presentearem a si mesmas.

O sal é um dom – receitas de Mãe Canô - Mabel Velloso
“Fomos, somos abençoados, nós, filhos de Mãe Canô e Pai Zeca, acolhido nessa mesa, nesse beijo, nesses sabores. Nossa Senhora da Purificação abençoando a alegria no sereno do Recôncavo baiano. Todo dia boa comida! Aprendemos aí, todos os gostos, paladares, prazeres para toda vida.” - Maria Bethânia O saboroso livro de Mabel Velloso (...) nos dá não apenas uma “crônica culinária” nostálgica de uma família estruturada nos padrões brasileiros do Recôncavo baiano. Nessas receitas de Mãe Canô, encontramos uma das vertentes da tradição culinária da Bahia  (...), as estranhas misturas de azeites e  pimentas, cristalizadas  num fazer secular, a comida do cotidiano do Recôncavo baiano, marcada pela tradição do índio, do português e do africano. Aí estão as sopas e os ensopados; as frigideiras e os bifes; as moquecas, o sarapatel e a maniçoba. E, ainda, a numerosa doçaria recriada nos bolos e nas cocadas. “O sal é um dom”, diz com sabedoria Dona Canô. O “tempero divino”, como o chamavam os antigos gregos, tem que ser um “dom”. Na medida certa. O sal é um dom.

Uma Mãe - Alejandro Palomas
Em Uma mãe, o espanhol Alejandro Palomas constrói a comovente narrativa de uma noite singular na vida de Amália – mulher corajosa e repleta de paixão pela vida, que enfrenta o sofrimento com humor e ternura. Em meio à expectativa de um reencontro familiar, ela se equilibra entre o desejo de ser livre para decidir os próprios caminhos e a dedicação aos parentes, que dependem dela, e de sua peculiar energia, para enfrentar suas próprias existências conturbadas. Enquanto veem emergir os reflexos de um passado mal resolvido, eles lutam para encontrar paz – dentro de casa e de seus espíritos. Mais que o retrato de uma mulher corajosa, este livro é um vislumbre do que a condição humana é capaz de revelar quando nos aprofundamos em sua melhor versão.


Um comentário