24 de abril de 2015

Novidades de Abril - Bertrand

Pequenos Deuses - Discworld #13 - Terry Pratchett
"Só porque você consegue explicar não significa que não seja um milagre."
Religião é um assunto controverso em Discworld. Todo mundo tem sua própria opinião e até seus próprios deuses, que podem ser de todas as formas e tamanhos. Nesse ambiente tão competitivo, as divindades precisam marcar presença. E a melhor maneira de fazer isso certamente não é assumindo a forma de uma tartaruga. Nessas situações, você precisa, e rápido, de um assistente. De preferência alguém que não faça muitas perguntas...






A Vida Misteriosa de Jack - Kelly Barnhill
Às vezes, a invisibilidade tem o seu lado positivo. Quando sua mãe o leva a Hazelwood, Iowa, para passar um tempo na casa dos seus estranhos tios, Jack não espera nada além de um verão entediante. Nem passa pela sua cabeça que os habitantes de Hazelwood o aguardam há muito, muito tempo. Logo que chega à cidade, três coisas inacreditáveis acontecem. Primeiro, ele faz amigos – amigos de verdade, não imaginários. Segundo, ele apanha do maior valentão da área – os valentões da sua rua sempre o ignoraram completamente. Terceiro, o homem mais rico da cidade começa a tramar o seu fim – um fim doloroso, aliás. Dependerá somente de Jack descobrir por que, de uma hora para a outra, todos passaram a dar tanta atenção a ele. Logo a ele, que sempre foi tão invisível.
A Vida Misteriosa de Jack é uma encantadora história sobre magia e amizade. 

Sal - Sal Profundo #1 - Maurice Gee
Quando Tarl é capturado e escravizado para trabalhar no Sal Profundo, seu filho Hari promete resgatá-lo. Corajoso e inteligente, este cruza o caminho da bela Pérola e de sua talentosa criada, Folha de Chá. Hari e Pérola logo percebem que, juntos, devem descobrir os segredos do Sal Profundo. E esta longa jornada por terras ermas se torna muito mais do que uma missão para salvar Tarl — afinal, o mundo está à beira de um terror sem precedentes. 








A Acústica Perfeita - Daria Bignardi
Ainda muito jovens, Arno e Sara se conhecem e rapidamente se apaixonam. Até que, numa tarde de verão, ela o deixa de forma inesperada. Dezesseis anos depois, no entanto, eles se reencontram e decidem se casar: são um casal alegre, se amam, parecem felizes. Arno se dedica por inteiro ao relacionamento e não entende as tristezas e as mentiras que começam a surgir no caminho deles.
Certa manhã, porém, um evento inimaginável o obriga a se questionar sobre a pessoa com quem viveu por treze anos, a mulher que sempre amou. Temeroso, começa a seguir pistas de mágoas da juventude e paixões sufocadas e, com crescente pesar, encontra o fio da meada de histórias insuspeitáveis.
Daria Bignardi dá voz a um extraordinário protagonista masculino, cujas palavras compõem, pouco a pouco, o retrato de uma mulher inquieta e vibrante. Um percurso em busca das verdades encobertas no íntimo de todo relacionamento, rumo ao coração sombrio que cada um de nós esconde até das pessoas amadas.

Capesius, o Farmacêutico de Auschwitz - Dieter Schlesak
Quando vivia em Schässburg, na Transilvânia, Victor Capesius era farmacêutico e representante comercial dos produtos Bayer. Durante a guerra, foi recrutado para ocupar o prestigiado cargo de Oficial da SS como farmacêutico-chefe de Auschwitz do outono de 1943 até a evacuação do campo de concentração. Entre as suas atribuições constavam distribuir o gás utilizado nas câmaras de extermínio e selecionar os que iriam para a morte.
Certo dia, após a chegada de um trem de sua terra natal, Capesius identificou vários homens e mulheres, antigos vizinhos e conhecidos, que desembarcavam no principal campo de concentração do nazismo; pessoas que sequer imaginavam o massacre final que as aguardava. A sangue-frio, enviou muitos deles para as câmaras de gás e se apossou de seus objetos de valor.
Por meio da investigação das relações entre os vários personagens que estiveram em Auschwitz – tanto as vítimas quanto agentes que trabalharam em prol do Holocausto –, Dieter Schlesak nos apresenta uma complexa colagem de narrativas, documentos e imagens do horror nazista. Capesius, o Farmacêutico de Auschwitz é uma obra comovente, inquietante, dada a intensidade de sua pujança linguística, carregada de autenticidade.

Just me! - Roberto Cavalli
Crítico e conciliador, impulsivo e ponderado, tímido e irreverente, fiel e passional, severo e doce: esses são apenas alguns aspectos da eclética personalidade do grande estilista Roberto Cavalli, que nesta autobiografia se revela em toda a sua autenticidade. Cavalli se define como “artista da moda” e nos confidencia nestas páginas os aspectos mais íntimos de sua vida, como a tragédia que lhe marcou a infância, o sentimento de culpa pelos fracassos escolares, a insegurança pelos problemas com a fala e os primeiros sucessos profissionais. Conta também sobre os primeiros e delicadíssimos flertes, as mulheres que amou, as viagens, os amigos que o acompanharam em todos estes anos, sua paixão pelos animais, os filhos, e os muitos altos e baixos da vida, que o levaram a ser hoje um homem realizado. E a Moda que desenhou e que viveu: Milão, Nova York, Paris, Palazzo Pitti; os figurinos para os red carpets; as modelos e a amizade com os grandes astros e estrelas de Hollywood e do mundo da música. 

A Mão Que Me Acariciou Primeiro - Maggie O'Farrell
Neste fascinante romance, Maggie O’Farrell nos apresenta a incrível história de duas mulheres separadas no tempo, mas com o mesmo destino marcado pela arte, pela maternidade e por inúmeros segredos. A mão que me acariciou primeiro é uma assombrosa investigação sobre como conduzimos nossas vidas, quem somos de verdade e como podemos estar profundamente conectados pelos mais prosaicos acontecimentos.

4 comentários

  1. Terry Pratchett, basta esse nome para meu coração vibrar, cantar e dançar a dança das paixõeeeeeeeeeeesssssssssssss \o/ Discworld é um mundo onde os deuses chegam quebrando tudo na casa dos ateus e jogam cobras e lagartos com as escadas oleadas! Amoooooooooooo \o/

    Pandora
    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  2. A musica perfeita parece ser maravilhoso, já estou aqui imaginando várias musicas na trilha sonora que escolheria para acompanhar o livro.
    Sexo, Fraldas e Rock'n Roll

    ResponderExcluir
  3. "Pequenos Deuses" é um livro que certamente entrará para minha lista de leitura.Quanto aos demais, "A Vida Misteriosa de Jack" e "Sal" parecem muito interessantes.

    Sonhos, Imaginação & Fantasia

    ResponderExcluir
  4. Capas e conteúdos interessantes, eis o que agrada um leitor!

    http://exploradoradelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir