16 de setembro de 2012

O Pau - Fernanda Young

Lido em: Abril de 2009
Título: O Pau
Autor: Fernanda Young
Editora: Rocco
Gênero: Literatura Nacional/Romance
Ano: 2009
Páginas: 182
Nota:
Sinopse: Este livro conta a história de Adriana, uma designer de joias de sucesso, linda, bem-nascida e beirando os quarenta anos que resolve dar vazão a seu espírito de vingança ao descobrir que fora traída pelo namorado, 14 anos mais jovem. E, agora, 'aquilo' que todo homem mais preza - com verdadeira devoção - em sua anatomia será a vítima desse passo em falso.

Resenha: Adriana é uma mulher bem sucedida na vida que está chegando na casa dos quarenta. Apesar de ter variações contantes de humor e já ter passado uns maus bocados em relacionamentos amorosos passados, se sente muito feliz e realizada pois arranjou um namorado, que apesar de tapado e totalmente o oposto dela na questão intelectual, é super gostoso e bem mais jovem do que ela, motivo de muito orgulho e tudo mais... Só que quando Adriana finalmente se vê apaixonada pelo rapaz, acaba descobrindo, ao fuçar no celular dele, que o infeliz anda tendo um caso com uma mocinha de 21 anos e o pior, que os dois ainda se referem a ela como "velhota"!!!

Como Adriana "investiu" nesse cara, bancando viagens, cursos e etc com a intenção de colocá-lo pra frente, ela simplesmente não aceita a traição e decide se vingar...

Mas a vingança não é nada parecida com a que estamos "acostumadas". Adriana tenta atingir o namorado canalha no ponto que rege a vida dele (e de todos os homens da face da Terra, convenhamos): no próprio pau!

Ela então "sequestra" o rapaz, amarrando o pobre coitado e tudo, e começa a tentar fazer uma lavagem cerebral nele a fim de que seu pau nunca mais fique duro na vida...

Enfim... Pra quem conhece Fernanda Young, deve ter noção do que é esse livro. Pra quem não conhece, basta se lembrar da série "Os Normais", que passava da Globo e que foi escrita por ela. Fernanda tem uma boa exposição na mídia, e por ser escrachada, muitos consideram que ela mistura um pouco do que é e pensa nos livros que escreve, e posso dizer que concordo.

A história, pelo menos pra mim, foi simplesmente genial. Quantas mulheres que existem por aí, que sofrem tanto por amor, que tentam ajudar seus companheiros fazendo inúmeros esforços, às vezes até gastando dinheiro com o safado achando que estão fazendo o bem, tudo em nome do amor, pra no final das contas serem simplesmente traídas e trocadas por vagabundas? E a culpa disso tudo é da cabeça de baixo, que simplesmente controla a cabeça de cima! rsrsrsrs

E Adriana é uma personagem super intelectual, culta e inteligente, o que prova que esse tipo de situação pode acontecer com qualquer uma. Mas apesar de Adriana ser inteligente, percebi que ela, talvez por todas as decepções amorosas que teve, é uma pessoa muito carente e necessitada de atenção, o que contribuiu ainda mais para que ela levasse em frente essa vingança contra o "império peniano". E essa vingança mostrou um lado meio que psicótico e desequilibrado dela. Mas penso: quem não perde o equilíbrio quando se confia em alguém e descobre que foi apunhalada pelas costas?

O livro é cheio de sarcasmos e expressões escrachadas e bem diretas, tornando-o bem ácido. A leitura é fácil e maravilhosamente bem escrita. A capa não poderia ser mais sugestiva, né? E por ser um livro bem fininho, é lido super rápido.

Eu, por admirar muito a autora, não esperava outro tipo de livro e gostei muito! Talvez os homens fiquem horrorizados com esse livro, talvez mulheres que nunca tiveram uma decepção desse tipo, também. Mas na forma geral, é um pensamento feminista, que mesmo engraçado, não deixa de ter um fundo verdadeiro, afinal, o que é um homem sem o seu pau?

29 comentários

  1. HAHA Omg, adorei a resenha. Não conhecia a autora e também não havia lido nada sobre o livro. Apesar de não ter passado por uma situação como esta, penso que deve ser muito difícil mesmo e que vários pensamentos loucos passam na cabeça das traídas.
    Acredito que este tipo de atitude é muito infantil e se eu fui traída, até hoje não sei, e prefiro nem saber porque se relacionar com pessoas imaturas é uma vergonha.
    Enfim não sei se seria esse livro, hehe, quem sabe talvez porque ele é fininho.
    Beijos.
    Alana - Acompanhada pelos Livros

    ResponderExcluir
  2. Esse livro é bastante comentado haha, fiquei com vontade ler.
    Adorei a resenha ^^

    ResponderExcluir
  3. kkkk aforei a frase final!
    Realmente eles não são nada sem a parte de baixo, e deve ser uma leitura bem legal mesmo, apesar do titulo ficar meio escrachado na estante de casa. não é?
    Não queria que olhassem para minha estante de livros e perguntasse sobre esse livro!kkk
    Mas ia amar le-lo, acharia engraçado!
    Sobre ser traída, eu simplesmente ignoraria e terminaria, sem dar explicações!
    Sou mais do tipo calada e fria!
    boa resenha e confesso que o titulo que me chamou aqui! kkk
    www.leituradeouro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Olá!!

    Eu simplesmente adoro Os Normais, mas não consegui terminar de ler esse livro. Achei muita enrolação já em poucas páginas... muita repetição do que ela vai/quer fazer. @.@
    Confesso que fiquei surpresa com as 4 estrelas que você deu ao livro. Acho que vou tentar, novamente, lê-lo até o fim. :~

    Beijos,

    Samantha Monteiro
    Word In My Bag
    http://wordinmybag.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Nossa, Flávia...
    Que livro... Sugestivo! Atiçou minha curiosidade!
    Hahaha

    ResponderExcluir
  6. Impossível não ficar encucada com esta capa suuuér sugestiva, já tinha visto este livro nas livrarias mas tinha ficado com medo de ler pelo fato de a autor ser meio polêmica e tal, mas agora bem que deu vontade, hehe.

    Vanessa - Blog do Balaio

    ResponderExcluir
  7. Eu acho que iria rir mt lendo esse livro, assim comori com esse seu último comentário Flá "O que é um homem sem o seu pau?" HUSAHUSHU. Mas cara, traída, mensagens no cel e "velhota" é dms p uma mulher suportar não? haha.
    Adorei Flá!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  8. Nunca tinha ouvido falar deste livro. Só pelo titulo, já tinha pensado em malicia. Não sei se gosto muito de livro com Vinganças.

    David - Leitor Compulsivo

    ResponderExcluir
  9. Olá Flavia passei para conhecer seu blog ele é muito maneiro com excelente conteúdo gostaria de parabenizar pelo seu trabalho e desejar muito sucesso em sua caminhada e objetivo no seu Hiper blog e que DEUS ilumine seus caminhos e de seus familiares
    Um grande abraço e tudo de bom

    ResponderExcluir
  10. Eu disse no msn que não gosto da Fernanda Youg e repito aqui: não vou muito com a cara dela.
    O título do livro remete a malícia demais na minha opinião e a capa é estranha. Não sou muito de vinganças então sem chances de eu ler este livro :S

    Gislaine,
    atualizado, comenta?
    Jeito Inédito

    ResponderExcluir
  11. Eu não conhecia esse livro, mas nunca fui fã da Young. Pra mim ela é tão estranha! :/ Gostava de "Os Normais" mas nada de fanatismo. Por mais que seja bem original (e engraçado, pelo menos parece pela sinopse) não é um livro que eu leria.

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  12. Oi Flávia!
    Achei que o livro parece bem divertido, apesar de não ser fã de Fernanda.
    Tem uma série ou um filme baseado neste livro, ou é impressão minha?

    Bjos!

    Cida

    ResponderExcluir
  13. adorei,muito boa a resenha,amei,beijos

    ResponderExcluir
  14. Nunca li nada da Fernanda Young, mas adoro ela! hehe

    Fiquei curiosa pelo livro e já vou adicionar na minha lista do Skoob!

    Obrigada pela dica e pela ótima resenha!

    Beijos e boa semana :D

    Michas

    http://michasborges.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Não conhecia esse livro e a capa realmente é perfeita
    Sua resenha ficou muito boa!

    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  16. realmente um homem se o seu pau num é nada uahhsuhu
    lol achei uma temática bem diferente
    eu gostei viu ^^
    ótima resenha
    ah eu deixei o meu endereço na outra postagem '-' eu nao consigo te mandar o e-mail, não vai de jeito nenhum viu

    ResponderExcluir
  17. Gente, que loucura! Quando vi o nome e a capa pensei: Será que é isso mesmo que estou pensando? E era! Rs...

    A história parece ser algo bem próximo da realidade, mas acho que não leria não. Rs...

    Mas adorei a sua resenha como sempre! Adooooro! Sempre me divirto. Um super beijo!

    www.perdidasnabiblioteca.com

    ResponderExcluir
  18. kkkk... Essa capa é muito conveniente, genial eu diria. Fernanda Yong é uma autora e tanto e aposto que deve ser super divertida essa leitura...
    Quem sabe uma hora dessas eu leia :)

    Bjinhos Flá

    ResponderExcluir
  19. Oi Flávia!
    O que posso dizer dessa resenha?Craaammba,ainda é pouco.Não conhecia o livro e achei muito original e certamente uma vingança feminista,espero que a mulherada não comece a ter ideias,kkkkk. Agora, indo ao ponto, a história pode e acontece com qualquer uma e se o home não tem uma cabeça,a de cima é claro,boa,acaba sim cometendo o erro da traição.

    Infelizmente o blog ainda não retornou,estamos aguardando a solução do problema,assim como muitos blogueiros.

    Bjos Fabi
    www.roubandolivros.com

    ResponderExcluir
  20. Uooooooooou, kk, eu já levei um susto com o título, aí li a sinopse e fiquei meio abismada, mas pesei que talvez eu tivesse entendido direito aí li sua resenha e me toquei que é realmente o que eu tinha entendido. Não sei, fiquei sem palavras. Já li livros com essa linguagem e tudo mais, mas nunca um me apareceu já com essas indiretas no títulos, achei a proposta bem interessante e diferente, super original!
    Mesmo assim acho que eu não leria o livro a menos que alguém me desse ele porque noossa achei o título meio... é... vulgar (?)
    Mas assim ó, apoio totalmente a causa da Adriana! kk
    Ótima resenha.
    Dá uma passadinha lá no blog?
    Beijos.
    Caroline.
    http://comaliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. aaaaaaaah, como eu me arrependo de não ter comprado esse livro na feirinha por 10 reais que tinha aqui na minha cidade. hahaha

    Essa é a primeira resenha que li sobre esse livro, e se eu tivesse lido antes, eu teria comprado poxa rs
    adorei!

    Beijos, Thami.

    www.souseuastral.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  22. Oláaaa... Agora que me dei conta vc tbm falou da Fernanda.... Li o post e fiquei doidinha pra ler hehehehe *.*

    Supeeeer bjo

    http://estoulendoo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Que nome de livro é esse? Rs
    Me chamou atenção e tive que ler a resenha, que me surpreendeu muito. Fiquei super interessada em ler o livro que parece ser bem divertido! Só não é do tipo que da pra ler na rua sem uma capinha básica né rsrs

    Bjoo

    ResponderExcluir
  24. Tenho certeza que esse livro foi feito para rir do início ao fim rsrs. Não gostava muito dos Normais por causa do apelo, mas tinha umas sacadas muito engraçadas, pelo jeito esse é o estilo do livro. Não sei se vou ler um dia, mas nunca se sabe ^^
    Beijokas!
    :*

    ResponderExcluir
  25. Que livro eh Flavia? Tinha chado o nome ridiculo, mas depois q vi o enredo da historia, vi q faz todo o sentido. O que são os homens além da cabeça d baixo? São pouco os q sentem algo de verdade por uma mulher e para piorar eles já estão casados. Adorei a vingança dela, mas não creio q ela consiga fazer ele brochar (desculpe o termo) para sempre. Quando um homem é safafo, ninguem consegue fazer dormir o seu "amigo" de baixo. Bjs!!!

    Http://peregrinodanoite.blogspot.com

    ResponderExcluir
  26. Oi Flávia!
    Amei sua resenha! Eu já tinha visto o livro, mas não imaginava que se tratasse de um romance agora fiquei muito curiosa e com vontade de ler; já vou incluir na minha lista de leituras.
    Beijos,

    Rafa {Fascinada por Histórias}

    ResponderExcluir
  27. Nossa, o livro me deu medo, até mesmo porque sou homem '-' arrepios aqui '-'

    ResponderExcluir
  28. Flavia, que resenha diferente '-'
    Eu nunca soube porque era O Pau o nome do livro, mas agora entendi KKKKKKKKKKKKK
    A fernanda young é uma figura, e eu me divertia muito com Os Normais. Eu bem sei o que você sente em relação ao livro ><
    A capa é diferente, e quando eu via em miniatura, achava outra coisa ahahaha ~indiscreto~
    Beijos

    ResponderExcluir