Resumo do Mês - Maio

1 de junho de 2021


Comecei maio naquele gás, mas desacelerei no meio do caminho e acabei não sendo produtiva como eu gostaria. Até a Marina deu as caras por aqui esse mês depois de um tempão. Com esse lance de eu estar estudando (e ela trabalhando), acaba que o tempo que me sobra no meio dessa loucura que é aqui em casa, fica bem escasso, mas ainda assim dei conta de fazer bastante coisa se comparar com os meses anteriores, e cá estou eu com a rotina desesperada de um mãe de cabelo em pé. Senta que lá vem história.

Eu nem acredito que a saga da escola da Vitória chegou ao fim. Desde que a gente mudou de casa, em agosto do ano passado, ela continuou na mesma escola com o ensino a distância, e a forma como as atividades estavam sendo passadas, apesar de práticas por serem online, não eram muito eficientes e não me agradava muito. Então, depois que consegui a vaga pro Theo, em abril, eu comecei a via sacra de tentar a vaga pra Vitória na mesma escola, porque isso já ia facilitar muito a nossa vida. E depois de 2 meses de puro suplício, preenchendo formulários sem ter respostas, mandando emails pra todos os responsáveis possíveis na regional de educação e nem sei mais quem, até que enfim uma boa alma resolveu tudo e a autorização pra matrícula foi liberada. Tudo bem que as aulas continuam remotas, mas eu já queria resolver isso o quanto antes, até mesmo porque a escola aqui perto parece ser bem mais organizada e preocupada com o ensino, a forma de passar as atividades é diferente e mais eficiente ao meu ver, e acredito que vai ajudar mais no aprendizado dos dois.

Outro motivo de eu estar na correria, fora o serviço de casa que não tem fim, é porque esse ano o Theo entrou no 1º ano, aquela fase de alfabetização e tudo, mas com a falta da aula presencial, quem anda ensinando o menino a ler e a escrever sou eu, então tenho que dedicar um tempo considerável pra isso, pra tentar evitar que ele fique tão atrasado e mais prejudicado do que já está. E a mãe dar aula em casa enquanto tem mais filhos pra dar conta e outras mil coisas pra fazer é difícil viu... Mas desde quando ele entrou na escola de novo e começou a fazer as atividades, conversei com a professora e descobri que ele tá bem adiantado, porque os exercícios que eu passava por minha conta antes dele receber a apostila da escola, eram mais avançados, então pra ele fazer e acompanhar as atividades daqui em diante vai ser mais fácil, porque ele já sabe.

E ainda sobre a escola, também consegui uma vaga no ensino infantil pro Ian. É muuito difícil conseguir vaga numa escolinha infantil municipal e boa, ainda mais fora do período de inscrição, mas mandei email pra escola falando que tinha interesse na vaga e com menos de uma semana me responderam. Já resolvi tudo cancelando a vaga dele na escolinha lá perto de onde eu morava antes (e não ficou nem um mês direito porque começou essa pandemia tenebrosa) e já encaixaram ele nessa outra. Mesmo com a pandemia, as escolinhas infantis estão voltando a funcionar, mas como é preciso um cuidado mais do que redobrado, o número de alunos está bem reduzido e as aulas super espaçadas, então ele vai pra escola uma única vez por semana e amanhã vai ser o primeiro dia. Vamos ver o que vai dar. Espero que ele se comporte.
0 Comentários pelo Blogger
Comentários pelo Facebook

Nenhum comentário

Postar um comentário