6 de fevereiro de 2019

A Mecânica do Coração - Mathias Malzieu

Título: A Mecânica do Coração
Autor: Mathias Malzieu
Editora: Galera Record
Gênero: Fantasia
Ano: 2011
Páginas: 192
Nota:
Sinopse: O pequeno Jack nasce na noite mais fria do mundo e seu frágil coração está irremediavelmente congelado. Salvo pelas mãos de uma experiente parteira, ele é submetido a uma operação de emergência. Seu órgão é substituído por um relógio de madeira, um pequeno cuco que o ajudará a manter o ritmo das batidas e a bombear o sangue normalmente. A delicada prótese garantirá que Jack leve uma vida igual à de todos os outros garotos. Ou quase igual. Jack sabe que não pode se expor às sensações comuns, como a raiva e o desespero, a frustração e o amor. O menor sinal deste último sentimento pode fazer com que o pleno funcionamento de Jack entre em colapso.

Resenha: Jack nasceu na noite mais fria do mundo, e isso acabou fazendo com que seu pequeno coração se congelasse. A parteira, doutora Madeleine, como já havia feito com outros, logo arranja uma solução para consertá-lo e salvar sua vida: um relógio, cheio de engrenagens, fora implantado em seu peito para garantir a sobrevivência do pequeno. Embora o relógio mantenha Jack vivo, seu funcionamento é extremamente limitado, e Jack ficaria condicionado a evitar emoções mais fortes para sempre.
Quando Jack completa dez anos de idade, ele vai à cidade pela primeira vez e acaba se apaixonando por Acacia, uma garotinha desastrada que canta e encanta, mas não demora a sumir da vista de Jack. Agora, entre levar uma vida longa e monótona a uma vida curta e cheia de emoções, Jack parte numa jornada em busca daquela que arrebatou seu coração.
"... Todo o prazer e alegria que o amor pode proporcionar são cobrados mais dia menos dia em sofrimento. E quanto mais intensamente amamos, mais a dor futura será multiplicada. Você conhecerá a saudade, depois os tormentos do ciúme, da incompreensão, a sensação de rejeição e injustiça. Sentirá frio nos ossos, e seu sangue fabricará cubos de gelo que você sentirá correr sob sua pele. A mecânica do seu coração explodirá. Eu mesma enxertei esse relógio em você, conheço perfeitamente os limites de seu funcionamento. Talvez ele resista à intensidade do prazer, e um tantinho mais. Mas não é suficientemente sólido para resistir à mágoa do amor."
- Pág. 32
Talvez pelo fato do autor ser um músico, e mais ainda por ser francês, é bem perceptível um certo floreio na narrativa que a deixa bastante poética e romântica, e mesmo que traga um tom melodramático, gótico e obscuro dentro da história, que vai desde a satisfação plena e a felicidade até a completa destruição emocional, ela é cheia de metáforas e ensinamentos que, embora cada leitor possa absorver de forma distinta, se pode levar para a vida.

A forma como os sentimentos são descritos evidenciam o quanto o protagonista é ingênuo, e embarcar junto com ele nessa jornada em busca do amor vai render várias surpresas, que nem sempre serão tão bonitas quanto ele imaginou. Se no início Jack é apresentado como alguém extremamente frágil e indefeso, no decorrer da trama fica bem evidente que seu crescimento pessoal e amadurecimento vão lhe dar forças para que ele aprenda a lidar com os sofrimentos e as decepções que a vida, inevitavelmente, traz.

Talvez o único porém da história é que o protagonista é retratado de uma forma que nem sempre condiz com sua idade, logo isso acaba causando um pouco de confusão sobre sua inocência e pureza. Outro ponto é que o floreio da narrativa pode não agradar aqueles leitores que não estão habituados ou não gostam de uma leitura lírica, e levando isso em consideração, alguns trechos descrevendo sentimentos e situações podem soar forçados e até cafonas. Eu, particularmente não gosto muito desse estilo, mas relevei pois a história é, de fato, muito bonita e curiosa, mesmo com todas as suas bizarrices.

No mais, eu gostei muito da forma como Jack foi construído e desenvolvido, pois ele é a imagem perfeita do jovem apaixonado, que não carrega maldade no relógio que está no lugar de seu coração, e sente que, por ser diferente, não pertence a lugar algum, logo, além de embarcar numa jornada cruzando a Europa em busca do amor, ele também começa a descobrir mais sobre si mesmo.
A maneira como ele se encanta e se apaixona por Acacia desde criança, tudo o que ele faz pra poder tê-la ao seu lado, e até onde ele vai por ela é uma jornada incrível, mas há também a questão da amizade verdadeira que começa e se fortalece de uma forma que fica bem clara a mensagem de que, embora a vida tenha seus percalços, os amigos leais sempre estarão ali, ajudando quando necessário, estando ao seu lado nas horas mais sombrias, e sempre dando aquele impulso para seguir em frente.

A Mecânica do Coração é um livro curtinho, mas passa uma mensagem muito bonita sobre as várias facetas do amor, e ainda serve para reforçar a ideia de que o que não é compreendido não deve ser rejeitado, e Jack é um excelente exemplo sobre isso.

0 Comentários pelo Blogger
Comentários pelo Facebook

Nenhum comentário

Postar um comentário