Caixa de Correio #108 - Fevereiro

28 de fevereiro de 2021

Fevereiro foi um mês que passou tão rápido que nem vi. Depois de anos vivendo pra cuidar dos outros e esquecendo de mim, resolvi que se eu não me olhar no espelho e gostar do que vejo, estou lascada. Sendo assim, resgatei do fundo do baú aquele projeto que inventei fazer pouco depois da Vitória ter nascido, o Desengorda e Desembaranga, que já devo ter comentado em alguma ocasião, mas que abandonei lá em 2014 e nunca mais dei ideia.

No final desse mês de Fevereiro, apesar de eu ter comprado dois pops e pagado o restante de uma encomenda de outros dois que fiz em Dezembro, os benditos ainda não chegaram aqui em casa, então, não teve popinhos fofos na caixinha. Acabou que o dimdim que eu gastaria (sem poder) aumentando minha coleção, eu decidi investir nuns produtos cabelísticos pra começar a fazer um cronograma capilar e cuidar dessa piruca esganiçada que ainda chamo de cabelo. Tem umas duas semanas que comecei a cuidar do abençoado e já percebi uma melhora considerável. Embora eu ainda não tenha tido coragem o suficiente pra começar a desengordar (fiz dois dias de exercícios em casa e não aguentei mais, quase morri), pelo menos comecei a dar um trato no meu cabelo que além de parecer ter 10 míseros fios, ainda parecia uma espiga assustada, e isso já ajudou a dar um pequeno up na minha autoestima que tava lá no fundo do próprio poço.

Continuo estudando meu tarô, tanto que comprei mais três decks importados e maravilindos pra me ajudar com meus estudos (eu adoro e acho super útil fazer comparações das ilustrações e elementos de uma mesma carta), continuo lendo sobre esoterismo, mitologia, magia e bruxaria natural, e confesso que isso anda me fazendo um bem danado. A paz interior que estou alcançando e a conexão com a natureza que eu tinha perdido há anos e agora tô recuperando, é algo que não tem preço.

Enfim, espiem a caixinha desse mês:
Livros:
  • O Impulso - Ashley Audrain
  • Eu Fico em Silêncio - David Ouimet
  • O Livro dos Feitiços - Nicola de Pulford
  • ABC da Magia - Tânia Gori
  • Aradia - O Evangelho das Bruxas - Charles G. Leland
  • Naturalmente Bruxa - Gabi Violeta
  • Receitas Práticas de Magia - Regina Drummond
  • A Cozinha Mágica de Márcia Frazão - Márcia Frazão
  • Beneath the Moon - Yoshi Yoshitani

Decks:

  • Nicoletta Ceccoli Tarot
  • Tarot of the Divine
  • The Druid Craft Tarot Deck

Uma pequena grande observação sobre a saga que foi pra eu conseguir o livro Naturalmente Bruxa: Quando eu estava atrás do livro da Gabi Violeta, o bendito tinha se esgotado em tudo quanto é livraria e loja online desse Brasil. Quando ele, enfim, apareceu no site do Submarino, eu comprei antes que esgotasse de novo e nem acreditei que depois de meses de procura, enfim eu tinha achado. Só que, depois da compra, começou a minha dor de cabeça, porque a loja emitiu a nota fiscal mas não fez o envio. O tempo foi passando, o prazo pra receber foi expirando, e nada. Não deram satisfação, não cancelaram o pedido, e ainda encerraram meu pedido de ajuda onde eu perguntei se tinha acontecido algum problema sem nem me responder, e lá fui eu reclamar no Reclame Aqui dessa falta de responsabilidade e compromisso. O Submarino acabou cancelando o pedido porque a loja parceira não deu satisfações, e fiquei sem o livro. Uns dias depois, o livro voltou a ficar disponível no Submarino, com uma loja parceira diferente, então assim que recebi a notificação de disponibilidade e tive certeza que não se tratava da mesma porcaria de loja, eu fui lá comprar de novo. E adivinha? Pra minha surpresa, aconteceu a mesma coisa: A loja emitiu a nota mas não fazia o envio nunca mais.
Como vi que o livro apareceu no site da Estante Virtual, comprei lá antes de resolver o problema com o Submarino, mas me mandaram um código de rastreio de uma transportadora que não funcionava nem a porrete. Esperei vários dias, ia tentando acompanhar achando que o rastreio ia funcionar, mas em vão, e quando vi que o erro continuava, mandei mensagem pra loja lá na Estante pedindo socorro. E enquanto esperava resposta dela, mandei mensagem pra outra loja lá no Submarino pra saber o que tinha acontecido, e me mandaram uma resposta automática sobre o livro não ter sido localizado no fluxo de envios (ou coisa parecida com isso), e que era pra eu esperar a verificação do ocorrido, e caso não tivesse resposta em até dois dias, que era pra eu entrar em contato de novo. Quando penso que ia resolver essa peleja, a mensagem que mandei lá na Estante Virtual foi respondida com o MESMO texto que me mandaram como resposta no Submarino, com as mesmissississimas palavras. Na mesma hora já me deu aquele PLIM, e logo imaginei que se trata da mesma porcaria de empresa, que usa nomes diferentes pra vender coisas que eles não tem em sites diferentes, sabe-se lá porque motivo, tanto que os preços também eram iguais. Quanto coincidência, né?
No final das contas, depois de duas reclamações no Reclame Aqui, e uma na Estante Virtual, os pedidos foram cancelados, e quando achei que tudo estava perdido e que eu nunca mais ia achar esse livro, ele surgiu no Mercado Livre, e pasmem, sendo vendido por uma livraria que fica num shopping a 5 minutos da minha casa. Só pode ser brincadeira, né? Mas pelo menos dessa vez deu certo, até que enfim.
O mais engraçado (pra não falar do desgosto) é que o livro parece ter ganhado uma edição nova e tá super fácil de ser encontrado agora, e tô me sentindo uma palhaça por ter passado por esse suplício "a toa".

Enfim, se puderem, fujam e evitem comprar das lojas LT2ShopFusion2 (que anunciam no marketplace do Submarino, Americanas, Shoptime, Magazine Luiza e Amazon) e WTR Livros (na Estante Virtual). É tudo farinha do mesmo saco. Inclusive lembrei que já tive um pedido feito em novembro do ano passado, de um deck de tarô, que foi cancelado lá na Amazon por essa LT2Shop, onde alegaram falta de estoque, mas tenho 99% de certeza que não quiseram enviar porque o preço estava cadastrado pela metade, e, no dia seguinte ao cancelamento, ele já voltou pro valor normal e seguiu lindo e disponível, como se nada tivesse acontecido. Resumindo: É cilada, Bino. Depois dessa experiência horrorosa, não recomendo ninguém comprar nada dessas lojas. Bora evitar a fadiga e o estresse.

Por enquanto é só.
0 Comentários pelo Blogger
Comentários pelo Facebook

Nenhum comentário

Postar um comentário