31 de julho de 2014

Caixa de Correio #29 - Julho

Oie, pipous!!
Essa caixa não se compara a última que foi bem gorda, mas até que chegou coisas muito, muito bacanas pra mim durante o mês. Já até li alguns que queria muito! ♥
Espiem!

30 de julho de 2014

Novidades de Julho - LeYtoras

Provocante - As Flores Mais Raras #2 - Madeline Hunter
Verity Thompson desapareceu no dia do seu casamento. Seu paradeiro ficou em segredo por anos, um longo período no qual seu marido, o conde de Hawkeswell, viveu na penúria e na incerteza. Verity deixou para trás uma fortuna imensa, porém, inacessível à família, pois sua morte não havia sido oficialmente declarada. Nem poderia, já que ela estava bem viva. Ao ser obrigada a se casar, ela foge de Londres e refugia-se no campo. Abandonou sua fortuna em troca da liberdade. Mas o destino tem os seus próprios desígnios e a jovem se vê obrigada a regressar à cidade e a um casamento sem amor. Seu arrogante marido, porém, está disposto a chegar a um acordo: se Verity lhe der três beijos por dia, ele não a obrigará a cumprir os deveres conjugais. Mas, claro, há beijos e beijos… e Verity vai perceber até que ponto foi realmente um erro se entregar nas mãos de um hábil mestre.

Prazeres da Noite - Dream Guardians #1 - Sylvia Day
No limiar entre o sono e a consciência, uma batalha se trava entre o sonho e o pior pesadelo. Capitão Aidan Cross é uma lenda, tão hábil em criar sonhos eróticos quanto em matar seus inimigos. As mulheres o veem como parte de suas fantasias... Exceto Lyssa Bates. Esquisita, enigmática e desejável, Lyssa desdenha deste sedutor imoral, porque ela o vê como ele realmente é. E, enquanto ele tenta desvendar seus segredos, o impensável acontece: Aidan se apaixona.
Lyssa tem tido os sonhos mais incríveis com esse homem de olhos azuis que promete prazeres intensos e profunda intimidade. Até que ele aparece em sua porta. Mas na sua rendição, há também um grande perigo...
Aidan está em uma missão e a paixão que os consome poderá ter consequências terríveis. Amar a mulher que veio para destruir o seu mundo não é só apenas impossível... é proibido.

Superar é Viver - Pedro Pimenta
Quem vê este aquariano batalhador e decidido não imagina o quanto sua vida mudou nos últimos quatro anos. Em 11 de setembro de 2009, Pedro foi internado com menos de 1% de chance de sobrevivência e o diagnóstico de uma doença fatal que se espalhou rápido por sua corrente sanguínea. Seis meses e dois comas mais tarde, ele sai vivo dessa experiência, mas com os quatro membros amputados acima dos cotovelos e dos joelhos. Pedro estava destinado à cadeira de rodas. Mas ele desafiou o destino e venceu! Em Superar é viver, Pedro conta como num curto espaço de tempo, e ainda tão jovem, teve percepção e maturidade para enfrentar um problema de saúde tão grave sem desanimar. Em 6 de dezembro de 2010, ele doou sua cadeira de rodas e nunca mais sentou em uma. Era o início de sua independência e realização.

Level 2 - The Memory Chronicles #1 - Lenore Appelhans
Desde sua morte prematura, Felicia Ward está presa no Level 2, uma espécie de limbo localizado entre a Terra e o Céu. Junto com seus companheiros, a garota passa horas intermináveis plugada em uma espécie de câmara, revivendo lembranças de seu tempo na Terra e lamentando o que perdeu: família, amigos e Neil, o garoto que amava. Até que uma menina é encontrada morta em uma câmara vizinha e somente Felicia lembra de sua existência.
Ao mesmo tempo, Julian, um cara perigosamente encantador que ela conheceu em vida, aparece para oferecer uma saída. É quando Felicia descobre a verdade: juntando-se à rebelião para derrubar os Morati, anjos guardiões do Level 2, ela poderá estar com Neil novamente. Suspensa entre o Céu e a Terra, Felicia se encontra no centro de uma luta secular entre o bem e o mal.
As lembranças de sua vida voltam para assombrá-la e, com os Morati a caçá-la, a garota vai descobrir que não é apenas a sua própria redenção que está em jogo... Mas a salvação de toda a humanidade.

Diário da Cozinheira - Carla Pernambuco
Quer você queira ou não, toda viagem é um passeio gastronômico. Você pode evitar todos os museus e se recusar a visitar as atrações turísticas, mas necessariamente vai fazer três refeições por dia fora de casa. Sorte de quem não desperdiça suas viagens entre pizzarias e fast-foods. Porque é na comida que um lugar se revela por inteiro. A chave para entender uma cultura é fazer uma incursão à sua mesa. Em suas viagens, Carla Pernambuco não se limita a experimentar a comida: ela aprende e faz as receitas antes de embarcar de volta para casa. Todos aqueles ingredientes fotogênicos e temperos perfumados que visitamos nos mercados (na esperança de um reencontro mais tarde, no almoço ou no jantar) acabam em sua panela. Se toda viagem é uma viagem gastronômica, então esse "Diário da Cozinheira" é o mais saboroso guia de viagem que você pode encontrar. Prepare-se para dar uma bela volta ao mundo. Boa viagem. E bom apetite!

29 de julho de 2014

A Desconstrução de Mara Dyer - Michelle Hodkin

Título: A Desconstrução de Mara Dyer - Mara Dyer #1
Autora: Michelle Hodkin
Editora: Galera Record
Gênero: YA/Sobrenatural
Ano: 2013
Páginas: 378
Nota
Sinopse: Um grupo de amigos... Uma tábua ouija... Um presságio de morte. Mara Dyer não estava interessada em mensagens do além. Mas para não estragar a diversão da melhor amiga justo em seu aniversário ela decide embarcar na brincadeira. Apenas para receber um recado de sangue. Parecia uma simples piada de mau gosto... até que todos os presentes com exceção de Mara morrem no desabamento de um velho sanatório abandonado. O que o grupo estaria fazendo em um prédio condenado? A resposta parece estar perdida na mente pertubada de Mara. Mas depois de sobreviver à traumática experiência é natural que a menina se proteja com uma amnésia seletiva. Afinal, ela perdeu a melhor amiga, o namorado e a irmã do rapaz. Para ajudá-la a superar o trauma a família decide mudar para uma nova cidade, um novo começo. Todos estão empenhados em esquecer. E Mara só quer lembrar. Ainda mais com as alucinações - ou seriam premonições? - Os corpos e o véu entre realidade, pesadelo e sanidade se esgarçando dia a dia. Ela precisa entender o que houve para ter uma chance de impedir a loucura de tomá-la....

Resenha: A Desconstrução de Mara Dyer é o primeiro volume da trilogia Mara Dyer, escrito pela autora estreante Michelle Hodkin e lançado no Brasil pela Galera Record.
Tudo começa quando Mara, Claire e Rachel resolvem brincar com um Tabuleiro Ouija, o famoso brinquedo em que é possível se comunicar com espíritos que respondem perguntas simples e diretas ao formarem palavras através de letras indicadas por uma seta. Até que Rachel resolve perguntar como irão morrer e o tabuleiro responde com "M-A-R-A"...
Seis meses depois, Mara acorda num hospital e descobre que foi a única sobrevivente de um desabamento de um prédio condenado que acabou matando seu namorado, Jude, e suas amigas, Claire e Rachel. Mara não sabe o que aconteceu e nem como conseguiu escapar, pra ela, ter saído ilesa, pelo menos fisicamente, é um grande mistério. Ela foi diagnosticada como tendo estresse pós traumático e o ideal seria que se tratasse.
No rescaldo daquela tragédia, Mara e a família fazem as malas e se mudam para Miami a fim de tentarem deixar o fatídico episódio para trás ao mesmo tempo em que o pai da garota, que é um advogado, pudesse assumir um grande caso criminal. Porém, Mara, por mais que queira se lembrar do que realmente aconteceu naquela madrugada, percebe que se distanciar do ocorrido não irá livrá-la dos acontecimentos estranhos, sombrios e obscuros que passam a cercá-la e que tudo vai muito além do que simplesmente estar no lugar errado e na hora errada... Até que na nova escola, Mara se depara com Noah. A atração é inevitável e a aproximação dos dois pode ajudá-la a entender tudo o que está acontecendo podendo, assim, tentar impedir que seja tomada pela loucura.

A Desconstrução de Mara Dyer é o tipo de livro que você ama ou odeia. É praticamente impossível ficar no meio termo. Narrado em primeira pessoa pelo ponto de vista de Mara, o leitor se encontra limitado à visão da garota que beira a total insanidade, e a confusão em que a protagonista se encontra pode acabar atingindo quem lê, afinal, a história é um misto de thriller psicológico, suspense, terror, tendências paranormais e muito mistério. E talvez com a intenção de não ficar tudo muito pesado, ainda existe a parte romântica adolescente, a escola e a dinâmica familiar, tanto de Mara quanto de Noah. E uma coisa que me deixou bastante curiosa é que não existem descrições físicas de Mara, só sabemos que ela é pálida e alta.

O lance com Noah de início soou bastante clichê e nada original, afinal, quem nunca leu uma história da qual a protagonista recém chegada a uma nova escola é fisgada por um cara foda, gato, misterioso e que sempre chama atenção por onde passa? Mas pra mim, mesmo que seja possível perceber algumas influências de outros livros, a forma como é narrada, juntamente com os elementos inseridos, foi o que fez toda a diferença, pois é imprevisível saber o que vai acontecer quando acompanhamos os pensamentos de Mara acerca da situação em que ela se encontra, sobre o que sente por Noah, sobre as coisas que vê (que são bastante assustadoras, dignas de um filme de terror) e sobre seu "dom". As reviravoltas e o modo como me prendi às cenas, principalmente as mais tensas ou aos flashbacks e os sonhos de Mara que vem e vão, causaram sensações únicas em mim.
O relacionamento de Mara com a família também é algo muito bem construído. Ela se dá bem com os irmãos, seu irmão mais velho, Daniel, faz o que pode por ela, e seus pais também só querem seu bem. Ainda é possível curtir a amizade dela com Jamie, o amigo negro, bissexual e judeu, que ela faz na escola.

Eu simplesmente amei a escrita da autora, a forma que ela mescla lucidez com loucura a ponto de fazer com que o leitor se pergunte se tudo aquilo que está sendo contado por Mara corresponde com a realidade ou não, e até mesmo nas menções a Harry Potter ou Senhor dos Anéis que são feitas esporadicamente ♥. Às vezes Mara parece misturar seus diálogos com seus pensamentos, que na maioria das vezes são divergentes como se ela pensasse uma coisa mas falasse outra por ter outras intenções.
A relação de Mara com Noah foi um ponto positivo pra mim, pois é algo bastante intenso, ao mesmo tempo que carregado de sarcasmo fazendo com que acabe sendo divertido.
Os capítulos são curtos, o que acredito ter contribuído para que quem lê fique ainda mais ansioso pela cena seguinte.
A capa nem preciso dizer que mesmo sendo perturbadora consegue ser maravilhosa.
O livro do geral tem muitas introduções do que está por vir, nada fica muito esclarecido e o final além de inesperado ainda deixa uma brecha enorme para a continuação, A Evolução de Mara Dyer.

Uma das melhores leituras do ano pra mim.

28 de julho de 2014

Desejos - Alexandra Bullen

Lido em: Julho de 2014
Título: Desejos - Desejo - Livro 1
Autora: Alexandra Bullen
Editora: Galera Record
Gênero: Infanto juvenil/Fantasia
Ano: 2014
Páginas: 381
Nota
Sinopse: Para Olivia Larsen, nada poderia mudar o fato de que sua irmã gêmea, Violet, se foi. Até que um misterioso vestido de festa é deixado à sua porta, e ele é capaz de lhe conceder um único desejo. A única coisa que Olivia quer é ter a irmã de volta. Agora, as garotas têm uma nova chance de viver tudo o que sempre sonharam. De quebra, descobrem que existem mais dois vestidos com o mesmo poder, ou seja, mais dois desejos novinhos em folha! Mas mágica não pode resolver tudo e Olivia precisa confrontar os fantasmas de seu passado para aprender a rir, amar e viver novamente.

Resenha: Desejos é o primeiro livro da duologia Desejo, escrita por Alexandra Bullen e publicado pelo selo Júnior, voltado ao público infanto juvenil, da Galera Record.
Olivia e seus pais se mudaram de Massachusetts para São Francisco depois que Violet, a irmã gêmea de Olivia, morreu acidentalmente. Todos estão inconformados com o ocorrido e parecem não conseguir levar a vida adiante. Até que certo dia, sua mãe anuncia que a família teria que ir a uma festa da empresa que trabalha e Olivia recorre ao guarda roupa de Violet para procurar algo decente. Olivia encontra um vestido maravilhoso que Violet nunca chegou a usar, mas como precisava de conserto, resolveu procurar algum lugar que reparasse o estrago que tinha ali. Até que Olivia se depara com o "Mariposa Missionária", um ateliê esquisito do qual Posey é a responsável. Mesmo não sendo bem recebida, Olivia deixa o vestido lá, mas ao receber de volta, não é o mesmo: ela se depara com um vestido mágico que é capaz de lhe conceder um desejo, e Olivia logo deseja ter a irmã de volta. Violet volta como um fantasma e acaba tentando ajudar Olivia a aproveitar sua vida, mas nem tudo são flores e nem sempre a solução para os problemas são encontradas na magia... A partir dali, vida e morte das irmãs nunca mais serão as mesmas.

Vou confessar que meu interesse por Desejos foi primeiramente devido a capa. Depois li a sinopse e pensei "uma história juvenil fofa para me fazer relembrar do tempo que passava assistindo aos filmes da sessão da tarde". Mas, as aparências enganam. Logo nas primeiras páginas já fiquei entediada pois a leitura não me prendeu. Não conseguia achar graça numa história que, a princípio deu a impressão que seria divertida, mas que só trouxe uma protagonista boba, chata, insossa, com um comportamento irritante e digna de pena. Violet é mais divertida, e mesmo que seja mandona, tenta deixar Olivia pra cima com várias dicas pra lhe ajudar a ser mais popular na escola, como se quisesse que Olivia fosse igual a ela não só na aparência, mas também na personalidade, mas Olivia continua naquele marasmo. Violet, talvez por ter sido a irmã extrovertida em vida, quer ajudar Olivia, que sempre foi mais tímida, a seguir em frente, a crescer, a ser feliz, mas Olivia não se desenvolve e acredito que, no fundo, o que Violet, por ter tido a vida interrompida tão jovem, queria era continuar podendo viver através da irmã que está mais pra lá do que pra cá. Olivia vai contando sobre sua rotina depois da tragédia e sempre se coloca como a vítima infeliz e chorona que simplesmente não tem iniciativa para se entrosar com os outros a menos que Violet dê um empurrãozinho. É muito mimimi pra uma personagem só. Até quando as coisas dão certo, lá está Olivia se lamentando pelos cantos...
Quando a família se muda e Olivia começa a estudar na escola Golden Gate, ela conhece Miles. Os dois se dão bem e tudo, mas Soren é quem ganha o coração de Olivia e tudo indica que o sentimento é recíproco.
Soren não me convenceu como sendo o mocinho. Ele é popular mas não encontrei nada que explicasse o que ele tem de tão especial assim para que alguém se interessasse por ele. Ser skatista e ter olhos verdes não é motivo... Talvez ter namorada seja um... Calla, a garota mais popular da escola acaba se tornando amiga de Olivia, e ela é namorada de quem? Soren, claro! Clichê? Sim ou claro?
Nenhum dos demais personagens ao meu ver tiveram um destaque muito satisfatório, não foram bem construídos e fiquei com a impressão de que estavam ali apenas para preencher o espaço. Se tivessem sido um pouco mais aprofundados talvez trariam graça à trama, mas não foi o que aconteceu.
A ideia dos vestidos e da magia que os cercava também não foi algo convincente e grande parte da história se resumiu a Olivia tentando agradar Calla enquanto mantém em segredo sua paixão por Soren até que as coisas saem dos eixos. Senti falta de explicações sobre como o tal vestido se tornou mágico e um maior aprofundamento na questão dessa magia no decorrer do livro, que passou a focar no romance deixando a verdadeira mágica para escanteio. Nem a interação entre as irmãs foi tão especial como esperei. O que percebe-se claramente é que mesmo sendo gêmeas, uma não tem nada a ver com a outra.
Por essas e outras, acredito que somente quem vá aproveitar e curtir a história sejam garotas na pré adolescências, afinal, é uma fase um tanto confusa, chata e complicada e nem sempre existem motivos plausíveis para determinadas atitudes.

A capa é bonita e faz com que o leitor imagine que irá se deparar com um conto de fadas e não nego que seja, mesmo que só até certo ponto. A revisão pecou em alguns pontos e encontrei alguns erros que me incomodaram um pouco. Também acho que houve bastante enrolação para que o livro tivesse tantas páginas levando em consideração que o enredo é muito simples.
A história só começou a ficar interessante no final, em que a ideia de que não podemos mudar o passado, que atitudes devem ser avaliadas e afins começa a ser levantada, mas ainda assim o livro não me ganhou. Não é aquele tipo de livro que lemos de uma vez felizes da vida, muito pelo contrário, pois por diversas vezes senti vontade de abandonar a leitura por achar tudo muito enfadonho. Haja paciência.

Para quem curte histórias mais superficiais e rasas, voltadas para o público infanto juvenil pode até aproveitar bastante, eu mesma sou fã de histórias voltadas para esse público, desde que bem construídas, empolgantes, divertidas e que prendam a atenção. Fiquei um pouco cabisbaixa por acreditar que poderia encontrar algo divertido assim e que realmente valesse a pena de se ler, mas infelizmente, não foi o caso de Desejos. Não pra mim... :/



27 de julho de 2014

Se Alguma Vez... - Meg Rosoff

Lido em: Julho de 2014
Título: Se Alguma Vez...
Autora: Meg Rosoff
Editora: Galera Record
Gênero: Ficção
Ano: 2014
Páginas: 256
Nota
Sinopse: Um encontro com a morte transforma a vida de David Case. Convencido de que o destino não lhe reserva nada de bom, David decide se reinventar e tornar-se, assim, irreconhecível para o destino e salvar-se de seu sofrimento certo. Ele passa a ser Justin Case, com uma aparência totalmente nova e uma paixão crescente pela sedutora Agnes Bee. Com seu galgo cinzento imaginário a reboque, Justin luta para manter sua nova imagem e, acima de tudo, sobreviver em um mundo onde as reviravoltas do destino o aguardam em cada esquina.

Resenha: Se Alguma Vez..., escrito por Meg Rosoff (mesma autora de "Minha Vida Agora") e lançado pela Galera Record, conta a história de David Case, um garoto de 15 anos bastante ansioso e acomodado. David começa a acreditar que a morte está lhe rondando após ter visto seu irmãozinho de 1 ano, Charlie, quase cair da janela quando achou que podia voar. Então, David começa a acreditar que aquilo é um sinal. Ele resolve "enganar" o destino com propósito de que ele jamais lhe alcançasse para lhe fazer mal e tenta ser outra pessoa, a começar por um novo nome que ele mesmo se dá, "Justin Case" (um trocadilho para a expressão "just in case"). Já que a ideia é fugir do destino, ele também acha que seria importante mudar o estilo de se vestir, talvez para dar a impressão de que ficaria irreconhecível e quando vai até o brechó conhece Agnes, uma moça de 19 anos que quer fotografar o garoto, e ele obviamente, se apaixona por ela...
Com todas essas mudanças, Justin é taxado de louco na escola e as pessoas começam a se afastar dele, mas ele não se deixa abater e parece não se importar. Agora com "Garoto", um galgo cinza em seu encalço, Justin não se sente sozinho, mesmo que o cachorro seja imaginário... Peter é um dos garotos da escola que acaba se identificando com Justin e se aproxima dele, e os dois acabam se tornando amigos.

Se Alguma Vez... é um livro que traz questões típicas de adolescentes, como a sexualidade e relacionamentos, tudo através de diversos pontos de vista, e senti que foi muito difícil "sentir" os personagens e saber realmente o que eles querem e pensam e se tudo aquilo é uma preocupação digna de atenção, e chegam a serem tão confusos a ponto de a leitura não fluir muito bem. Por diversos momentos me perguntei onde essa história iria parar, pois tudo estava sem rumo. Muita coisa acontecia, mas ao mesmo tempo nada saia do lugar, como se não tivesse enredo. A única coisa da qual eu tinha certeza era que Justin só podia ser louco e paranoico, ainda que o final do livro tenha me feito pensar a respeito...

Eu gostei da capa do livro, que ilustra alguns itens importantes na história como a janela pela qual Charlie tenta atravessar voando, a máquina fotográfica de Agnes e o galgo cinza, "Garoto". Não encontrei erros de revisão, a diagramação é simples, os capítulos são bem curtos (alguns são só um parágrafo).

Narrado em terceira pessoa de forma bem poética, a história é quase desprovida de diálogos e para alguns pode ser um tanto estranha. Não acho que leitores mais jovens vão entender muito bem, e acho que algumas pessoas mais velhas também não! Pra ser sincera, esse foi um dos livros mais estranhos que já li, não me senti conectada nele, a história não me prendeu (só quando foi chegando ao final) e nem tenho certeza se a mensagem contida aqui realmente é a mesma que captei, e isso tudo devido ao jeito como foi contada, simplesmente implausível.
Todos os personagens parecem querer passar alguma mensagem profunda e inteligente, mas tudo parece estar escondido em suas atitudes e pensamentos muito, mas muito complexos e malucos, e nem Charlie, o bebê, fica fora disso.
O único personagem que parecia normal era Peter, e a antipatia que tomei de Agnes foi algo fora do comum: em primeiro lugar, ela apareceu e começou a tirar fotos de Justin, mas ela nem ao menos o conhecia. Seria no mínimo suspeito alguém aparecer do nada e tirar fotos de outra pessoa.  Em segundo lugar, quis estapear Justin, que acaba se envolvendo intimamente com Agnes e após isso não pára de pensar em sexo de um jeito que chega a irritar... Mas em momento algum esse "relacionamento" foi crível para mim. Como pode uma garota de 19 anos, aparentemente independente, se envolver com um moleque de 15 que não esconde que foi "amaldiçoado" pelo destino e que está tentando fugir dele? E o pior, ela ainda parece entender e acreditar em tudo o que ele dia. Ok, ela é excêntrica, mas não deixa de ser uma estranha. Talvez o envolvimento tenha sido posto ali para que Justin aprendesse uma de várias lições, mas ainda me incomodei com a situação.
E a família de Justin que simplesmente não se manifestou quando o garoto resolveu fazer todas essas mudanças, até mesmo quando ele saiu de casa? Que família é essa que não se importa com o que o filho faz ou deixa de fazer e trata tudo com naturalidade quando o pobre coitado claramente precisava de ajuda?
E outra... eu ri quando imaginei Justin andando pela rua enquanto outras pessoas passavam e observavam ele jogando a bolinha ou fazendo carinho no ar, ou melhor, em "Garoto"...

A impressão que tive de Justin tentando enganar o destino é que o único "enganado" foi ele mesmo, afinal, existem coisas das quais não podemos fugir, existem outras que não podemos mudar, e por mais que fiquemos assustados ou ansiosos, a única certeza que temos na vida é a morte, o resto é simplesmente imprevisível. Não dá pra tratar o destino como uma pessoa que quer nos matar e de quem devemos fugir se acreditarmos que ele não nos reserva somente a felicidade. Isso é loucura pura! Não dá pra vivermos pensando que devemos fazer de tudo para evitar o que é simplesmente inevitável, e isso com relação a qualquer coisa...

Se Alguma Vez... é uma história complexa e que levanta questões a se refletir, mas não acredito que todos vão curtir devido a forma como é narrada... Esteja com a mente aberta e preparada caso queira conferir esta leitura...

25 de julho de 2014

Concurso Cultural "Compartilhando Histórias" - Novo Conceito


Para comemorar o Dia do Autor Nacional, o selo Novas Páginas e o autor do sucesso "A Máquina de Contar Histórias", Maurício Gomyde, prepararam uma surpresa para os leitores.
Compartilhe com a gente uma foto de um grande momento da sua vida, conte um pouco sobre ela e concorra a 02 Kindles®. Chegou a hora de você ter a sua própria máquina de contar histórias!

Leia o regulamento e saiba como participar:
1. Pode participar da promoção qualquer perfil do Facebook, desde que residente e domiciliado no Brasil.
2. Para participar, é obrigatório seguir os seguintes requisitos:
2.1. Curtir a fan page Novas Páginas no Facebook;
2.2. Seguir o autor Maurício Gomyde no Instagram;
2.3. Enviar uma foto de um momento importante da sua vida, junto com um texto de até 350 caracteres para falar sobre este momento para o e-mail: promocao@grupoeditorialnovoconceito.com.br. Envie junto seu nome e links de suas redes sociais.
2.4. As fotos serão colocadas em um álbum criado para a ação, com moldura promocional da promoção. É válida apenas uma imagem por participante.
2.4.1. Imagens repetidas, com conteúdo ofensivo e/ou imoral serão imediatamente desclassificadas.
3. Caso a pessoa sorteada não tenha realizado alguma das ações especificadas no item 2, ela será automaticamente desclassificada e um novo sorteio será realizado.
4. Serão 2 (dois) ganhadores, cada um receberá um Kindle®.
5. Os prêmios serão enviados em no máximo 30 dias, com data de entrega variável de acordo com os Correios.
6. Os ganhadores deverão entrar em contato com a Novo Conceito pelo e-mail promocao@grupoeditorialnovoconceito.com.br e informar nome completo, endereço, telefone e RG ou CPF.
7. Os participantes concordam com a utilização de suas mensagens e nomes, para divulgação dos resultados da promoção, sem qualquer ônus adicional para a Novo Conceito.
8. Os participantes declaram concordar com todas as condições deste Regulamento.
9. A Novo Conceito não se responsabiliza por nenhuma falha técnica, problemas de acesso a Internet, serviços prestados pelo Facebook ou qualquer caso fortuito ou de força maior que possam impedir a participação do usuário.
10. O concurso cultural será encerrado no dia 04 de agosto. As imagens e histórias serão avaliadas pelo autor Maurício Gomyde e as duas melhores, na opinião do mesmo, receberão os Kindles®, no endereço indicado, dentro do Brasil. O resultado será divulgado no dia 08 de agosto de 2014.
11. Esta promoção é responsabilidade total da Novo Conceito e não possui nenhuma vinculação com o Facebook.

Participem!

Promoção - 1 ano de Toca dos Livros



Oi gente!

Hoje trazemos uma promoção super especial. O blog Toca dos Livros está completando 1 aninho, e juntamente com os blogs O Cantinho Literário, Escondido nos Livros, Eu li e, você?, Saleta de Leitura, Catavento de Ideias, Entre Séries e Livros, S2 Ler, Tesouro Literário, Olímpico Literário, Amor Literário, Milkshake de Palavras, Gaveta Abandonada, Cia do Leitor, Leitores Possessivos, Livros e Chocolate, Louca Escrivaninha, Viajando na Estante, Um Sonho Literário, Minha Vida Literária e a loja Leiturateca, está fazendo uma mega promoção em que 23 livros serão sorteados!

Para participar basta seguir as regras obrigatórias e preencher o formulário.
  • Ter endereço de entrega em território nacional.
  • Comentar na postagem promocional no blog para validar sua participação deixando e-mail válido para contato. 
  • O ganhador será informado por e-mail e terá um prazo de 3 dias corridos para responder com seus dados, caso contrário, será feito um novo sorteio. 
  • Não nos responsabilizamos por danos ou extravios durante o transporte/entrega. 
  • O prazo de envio dos livros é de 45 dias após o envio dos dados do vencedor. 
  • Cada blog será responsável pelo envio do seu livro. 
  • Caso o livro volte por algum erro nos dados passados ou impossibilidade no ato da entrega, não será feito novo envio e o ganhador perderá o direito ao prêmio.





Boa sorte!

24 de julho de 2014

Novidades de Julho - Grupo Pensamento

A Fragrância da Flor do Café - Ana Veloso
Brasil, ano de 1884. No Vale do Paraíba, os latifundiários e suas famílias levam uma vida luxuosa e despojada de preocupações graças ao trabalho escravo nas plantações de café. Vitória, ou Vita, como é conhecida por todos, é filha de um dos mais ricos "barões do café". Sua vida muda completamente ao conhecer León Castro, jornalista e abolicionista que luta com fervor contra a escravidão e, portanto contra os interesses da família de Vita. Apesar das divergências, eles se apaixonam. Em meio à transformação do luxuriante Vale do Paraíba e o ar pitoresco da cidade do Rio de Janeiro, A Fragrância da Flor do Café conta a saga de uma família de fazendeiros e a história de um grande amor marcado por desencontros.



O Gênio da Zara - Covadonga O´Shea
Inditex, o grupo por trás da Zara, é hoje uma grande potência no mundo da moda. Em praticamente todas as cidades do globo existe uma ou mais lojas do grupo. No entanto, pouco se sabe sobre este sucesso incrível. Este livro oferece uma luz, ao contar a história de Amancio Ortega, o gênio por trás do grupo. Além de ser um dos homens mais ricos do mundo, ele é o cérebro por trás de uma revolução moderna na indústria têxtil. Através de um acesso sem precedentes a Ortega e seus colaboradores mais próximos, a autora oferece uma biografia fascinante e única do homem responsável por um dos sucessos empresarias mais extraordinários deste século.




Sublime Vazio - Osho
Usando onze histórias como ponto de partida e mergulhando fundo no mundo místico do Budismo Zen, Osho tece suas palavras de lucidez quase mágica em diversos temas contemporâneos. Tudo o que o leitor precisa saber para ter uma vida mais plena - desde o verdadeiro significado da felicidade até a compreensão do processo da morte - está contido nestas páginas de imensa sabedoria espiritual. Começar a ler este livro é dar início a uma jornada por um mundo iluminado. Num dos contos narrados por Osho, flores derramam- se sobre um discípulo de Buda quando ele passa pela experiência do sublime vazio. Mas o vazio normalmente não é a ausência de alguma coisa? Através de seus comentários sobre esse conto aparentemente estranho, Osho esclarece a grande diferença entre o vazio negativo e o sublime vazio.

O Mahabharata - William Buck
O Mahabharata, o mais extenso poema épico da História, escrito em sânscrito cerca de 2.500 anos atrás, conta a história de uma guerra de poder travada na Índia entre dois clãs, os Pandava e os Kaurava, que culmina numa aterradora batalha apocalíptica. A mais famosa passagem desta obra é o famoso Bhagavad Gita, lido como uma obra religiosa à parte. O texto apresentado nesta edição não é uma simples tradução. William Buck leu todos os onze volumes e mais de cinco mil páginas da tradução inglesa integral do Mahabharata. Antes de terminar a leitura, já tinha decidido se dedicar à árdua tarefa de condensá-lo, tornando-o acessível e atraente ao leitor contemporâneo. Ele conseguiu captar a combinação de espírito religioso e guerreiro que permeia todo o épico no original.


Como Conquistar a Confiança de um Escorpiano - Mary English
Profundo, reservado e controlador. Isso descreve os nativos de Escorpião da sua vida? Quer saber por que a confiança é a coisa mais importante para os escorpianos? Descobrir como ganhar sua confiança e por que isso é importante? As informações privilegiadas contidas neste livro lhe proporcionarão estratégias práticas para montar um mapa astral. Com ele, você saberá que tipo de escorpiano há em sua vida e como conquistar a confiança de que esses nativos precisam para sobreviver.







Como Amar um Libriano - Mary English
Você já se apaixonou por um nativo desse signo? Quer saber por que o amor é tão importante para ele? Entender por que detestam discussões, mesmo quando dão início a elas? As informações privilegiadas contidas neste livro orientarão você a montar um mapa astral, oferecendo estratégias para que você descubra como amar e conhecer melhor os librianos. Valendo-se de sua vasta experiência com clientes e usando exemplos da vida real, Mary English oferece uma análise bem-humorada do signo de Libra.







Como Apreciar um Ariano - Mary English
Você já se viu diante da energia ativa e dinâmica dos arianos? Sabe por que é tão importante valorizá-los? Gostaria de saber como fazer amizade com um ariano, ou namorá-lo? As informações privilegiadas deste livro vão orientar você a fazer um mapa astral, para que aprenda a identificar os três componentes mais importantes de um mapa: o Ascendente, a Lua e a casa em que está o signo solar. Com vasta experiência na área, a autora vai lhe ajudar a descobrir tudo sobre um ariano.







Como Agradar um Taurino - Mary English
Constante, sensual e paciente ... é assim que você descreve o taurino da sua vida? Você sabe o quanto é importante, para ele, estar satisfeito? Gostaria de saber como tornar a vida de um taurino maravilhosa? As informações deste livro vão ensiná-lo a usar a Astrologia para tornar sua vida mais fácil. Você vai saber que tipo de taurino faz parte da sua vida e como lhe inspirar o sentimento de satisfação de que ele tanto precisa para sobreviver.

23 de julho de 2014

Novidades de Julho - Novo Século

Entre o Amor e o Silêncio - Babi A. Sette
Francesca Wiggs sofreu uma grande decepção amorosa e, desde então, está decidida a não se relacionar mais. Além de se dedicar a escrever o seu livro, ela resolve preencher os dias com um trabalho voluntário – a leitura para pacientes em coma proporcionaria para ela a distância para problemas com o coração. No entanto, um grande imprevisto ocorre quando ela passa a se sentir atraída pelo paciente. Mitchell, descrito como um poderoso magnata, seria a antítese de tudo o que ela busca em um homem... se não estivesse em coma. Precisar de alguém inconsciente seria um absurdo, não seria? Amar uma pessoa que nunca responde parece loucura! Francesca já havia entendido e sentia-se quase segura diante disso. Mas, e se Mitchell acordasse? A aproximação desses personagens tão diferentes revela um romance encantador e divertido, repleto de reviravoltas. Entre a vida e a morte, a ilusão e a realidade, o amor pode ser realmente o milagre que faz tudo mudar?

O Pássaro - Samanta Holtz (2ª edição)
Uma história romântica e surpreendente que irá prender sua atenção desde a primeira página. Você está preparado? Caroline Mondevieu é filha de um poderoso barão e tem tudo o que uma dama da época poderia querer: status, riqueza e um ótimo partido para se casar. Seus sonhos, no entanto, vão muito além de vestidos caros ou um bom marido; ela quer ser dona do próprio destino. Tudo parece perdido quando ela encontra Bernardo, um charmoso e irritante domador de cavalos. Eles não conseguem se entender até perceberem que, para alcançar o sonho em comum da liberdade, deverão passar por cima das diferenças e se unirem em um arriscado plano que promete transformar suas vidas para sempre. Grandes emoções os aguardam nessa jornada: perseguição, mistérios, ciganos e o despertar de um sentimento que insiste em se manter escondido. Mas o que parece tão simples envolverá mais magia e coincidências que eles podem imaginar, além da descoberta de segredos, até então, muito bem guardados.

Quando as Sereias Choram - Mirella Ferraz
Uma lenda esquecida será recontada. A história de uma sereia e de uma santa real, adorada e renegada ao mesmo tempo. Santa Murgen, a “nascida do mar”, a santa retratada como uma sereia, que incrivelmente mudou o mundo e até a maior religião existente. Eternizada nos Anais Irlandeses, ela conseguiu romper com tabus e estremecer o patriarcado. Uma figura pagã inserida misteriosamente no seio de igrejas cristãs. Amores, paixões, guerras e morte. O mundo viking visto através dos olhos aterrorizados dos cristãos, dos olhos azuis e sedentos por sangue de um guerreiro, mas principalmente, através dos olhos acinzentados de Liban, a menina que nasceu no mar e que carrega além de uma mágica ligação com o oceano e com um golfinho, questionamentos selvagens acerca do mundo que a rodeia. Os mares escondem histórias misteriosas. E é uma, dentre tantas, que será contada agora. Porém, não se melindrem, será uma em especial.

Outono de Sonhos - Adriana Brazil (2ª edição)
Outono de Sonhos é o primeiro volume da série “Foi Assim que te Amei”. Neste romance, Helen é uma jovem cheia de sonhos e objetivos a conquistar, filha única de uma família estruturada e feliz. No início da trama ela se vê envolta à expectativa do primeiro dia de aula na faculdade de Letras da UFSC – Universidade Federal de Santa Catarina. O talento para escrever rende a Helen o convite para dar continuidade a um projeto parado na faculdade: terminar um conto de amor entre um príncipe e uma plebeia, iniciado pelo escritor e estudante de teatro, Andrew Gamberini, que sofreu um acidente há um ano e abandonou a faculdade. Na medida em que entra em contato com a trama, Helen descobre-se apaixonada pelo seu autor e viverá intensamente um romance pelas quatro estações do ano. Outono dos Sonhos é uma obra apaixonante, levando o leitor a mergulhar em uma surpreendente e emocionante história de amor.

Primavera de Cores - Adriana Brazil
A Primavera chega a Florianópolis e com ela vários acontecimentos que irão marcar para sempre a estação das flores. Um clima de mistério envolve Helen e seu futuro. Um sonho tenebroso encontra seu repouso da noite e trará muito mais que um descortinar de acontecimentos vindouros, mas a revelação do seu próprio destino. Enquanto Helen firma sua esperança nas promessas de um sonho, ela passa a ser perseguida por dramas que acometerão não apenas sua trajetória, como também a das pessoas mais importantes de sua vida. A estação será marcada por suspense, romance e emoção. Uma tocante história com uma lição inesquecível sobre o perdão, a liberdade, o valor das amizades e o poder do amor.



Inverno de Cinzas - Adriana Brazil (2ª edição)
Em Inverno de Cinzas, Helen depara-se com o momento mais crítico da sua vida. Nada diferente do forte inverno que está sobre o país naquele ano. Tristeza, solidão, ressentimentos, lágrimas e dor, sopram as folhas deixadas pelo outono de sonhos que Helen viveu, trazendo o frio da estação ao seu interior. O cinza que cobre seus dias a leva para uma profunda depressão. Ela encontra nos amigos, na família e na fé a força para continuar. Ela desabafa seus sentimentos na sua agenda, colocando suas emoções sufocadas pela saudade, como um inverno sem cores, onde tudo ao seu redor está completamente frio, cinza e sem vida. Uma comovente história e uma lição de esperança para todos aqueles que estão passando pelo inverno.

22 de julho de 2014

Paradise - Ellen Sussman

Lido em: Junho de 2014
Título: Paradise
Autora: Ellen Sussman
Editora: Casa da Palavra
Gênero: Ficção/Romance
Ano: 2014
Páginas: 256
Nota
Sinopse: A história começa com uma viagem ao paraíso. Ao ser enviada para trabalhar como guia turística em Bali, uma ilha da Indonésia, Jamie só pensa em passar os dias mais felizes de sua vida ao lado do namorado, aproveitando as praias virgens e explorando as florestas. No entanto, após três dias de sua chegada, ela e seu parceiro se tornaram vítimas de um atentado terrorista na boate local. Seu namorado perde a vida, e Jamie, a esperança de felicidade.
Depois de um ano, ainda transtornada pelas lembranças, Jamie decide retornar a Bali para tentar fechar esse ciclo em sua vida. Mais que tudo, ela espera encontrar Gabe, o homem que a salvou do ataque. Nesta viagem ao passado, Jamie conhece Nyoman, seu simpático anfitrião, que a hospeda no acolhedor e relaxante Paradise, um bangalô incrustado numa paisagem estonteante. Mesmo preparada para se arriscar nos grandes perigos da natureza selvagem de Bali, ela ainda precisa estar pronta para o maior desafio de todos: dar uma nova chance ao amor. 

Resenha: Paradise, escrito pela autora Ellen Sussman e publicado pela Casa da Palavra no Brasil é um livro que se passa num paraíso, onde todos deveriam estar felizes e aproveitando a vida ao máximo, porém, um fato trágico faz com que tudo seja diferente...
Jamie Hyde é uma mulher amistosa e aventureira, trabalha com turismo, e quando tem a oportunidade de viajar para a Indonésia a trabalho não pensa duas vezes. Miguel, seu namorado, a acompanha na viagem mas quando tudo parecia não poder ficar melhor, o inesperado acontece. Uma bomba explode numa boate matando centenas de pessoas, e entre elas, estava Miguel. Jamie entra em desespero, ela precisa encontrar o namorado, mas no meio dos escombros e da confusão pós explosão, acaba sendo salva por Gabe.
Gabe Winters é um homem que por ter perdido o filho e se separado da esposa, não via mais sentido na vida, até que resolveu mudar tudo e se mudou para Bali para tentar recomeçar. No dia do atentado, Gabe estava próximo a boate, e quando ouviu o barulho estrondoso da explosão, não hesitou em correr para socorrer as vítimas, e quando viu Jamie pedindo socorro, ele logo foi ajudá-la, e assim se conheceram, enquanto suas vidas, e a de várias outras pessoas, viravam de cabeça para baixo.
Um ano após a tragédia, Jamie ainda é atormentada pelo ocorrido, mas uma cerimônia para prestar as homenagens às vítimas foi organizada em Bali, e ela foi convidada a voltar ao local, e isso faz com que Jamie fique com medo, apreensiva e um misto de sentimentos e lembranças toma conta de seus pensamentos, e ainda assim, ela se arrisca e vai. O cenário completamente paradisíaco de Bali entra em contraste com os conflitos dos quais ela está passando e ideia de reencontrar Gabe pode ser o desafio que lhe faltava para superar seus maiores problemas.
No decorrer da história ainda nos deparamos com outros personagens, como Nyoman, o dono do bangalô onde Jamie se hospeda, e até o garoto órfão Bambang, que tiveram uma história tão triste quanto a de Jamie e Gabe, e que ainda passam por dificuldades, dando uma profundidade bem maior a trama.

Paradise é um livro dividido em 3 partes que não possuem capítulos e isso é algo que fez com que eu demorasse a ler mais do que o de costume pois a sensação é de que não tem "pausas", principalmente porque a primeira parte é narrada através das lembranças de Jaime, que por serem flashes sempre muito confusos, só faz com que o leitor imagine muito sofrimento, dificuldades, angústia e pode ser possível não se prender ao começo da história justamente devido a toda confusão e a falta de maiores detalhes para que tudo fique claro e compreensível. Mas isso tem um propósito...
Na segunda parte, o leitor irá se deparar com a versão de Gabe na história, e essa narrativa é mais detalhada no que diz respeito ao atentado e aos acontecimentos durante e após a tragédia. E a terceira parte traz um desfecho que além de bem emocionante, ainda deixa tudo esclarecido sobre todas as pontas que ficaram soltas e que me deixaram morrendo de curiosidade.
Eu gostei bastante da forma como a autora desenvolveu a história, dividindo as partes para que o leitor possa acompanhar os fatos vivenciados por cada personagem de acordo com suas visões, pois assim sabemos o que passaram, o que sentiram, e o que aconteceu até que eles se encontrassem.
A tragédia que aconteceu nas boates em Bali é um fato verídico que ocorreu em 2002. Mais de 400 pessoas ficaram feridas e mais de 200 pessoas morreram, e isso só faz com que os traumas, as dores e a imensa tristeza devido as perdas dos personagens se tornassem algo mais profundo e crível para quem lê. O romance, pra mim, foi um ponto positivo pois emociona, mas melhor do que isso foi ler a respeito de Bali, os costumes, um pouco da cultura e principalmente como as pessoas lidaram com todas aquelas perdas onde supostamente deveria ser um "paraíso". E a sensibilidade que a autora usa para escrever e evidenciar emoções só faz com que a história seja tão emocionante e tocante como esperava, afinal, quando o amor é verdadeiro, ultrapassa barreiras e supera tudo, sempre. O passado fica pra trás e o que importa é o momento presente...

Para quem curte histórias que trazem reflexões sobre a vida, Paradise é uma boa pedida, pois além de prender o leitor, faz com que diversas sensações e questionamentos sejam despertados, talvez por jamais consideramos que situações trágicas vão nos atingir...
Paradise, de fato, é o tipo de livro pra se abraçar ao final da leitura, que nos faz enxergar que há coisas na vida que temos que enfrentar por piores que sejam, mas que ainda assim, devemos seguir adiante.