31 de outubro de 2012

Mangá Alcateia Prateada - Eddie Van Feu

Lido em: Outubro de 2012
Título: Mangá Alcateia Prateada vol.2
Autor: Eddie Van Feu
Ilustrações: Axia Stowe e Carolina Mylius
Editora: Linhas Tortas
Gênero: Mangá/Drama/Fantasia
Ano: 2003
Páginas: 128
Compre o livro clicando AQUI
Nota
Sinopse: Este é o segundo álbum de Alcateia, que retoma a história a partir da amizade de Phillipe, um jovem mestiço, e Prateada, uma loba branca que se torna sua amiga mais leal. Vivendo entre o preconceito e as dificuldades de ter sangue humano numa comunidade de seres encantados, ele encontra fôlego na esperança da Transformação e na amizade da loba que salvou da morte. Mas tudo parece se perder quando a tão esperada Mudança parece não mais chegar pra ele. 

Resenha: Até que a jornada de Phillipe virasse um livro, a história começou em quadrinhos. Tudo começa em Alcateia - O Château das Vertentes, onde foi possível conhecermos como foi o início de todo o drama de Phillipe, que por ser filho de uma humana com um homem-lobo, era tratado com preconceito e crueldade por ser mestiço. Este segundo volume especial, unificou os quatro primeiros volumes em quadrinhos dando continuação à história (resenha AQUI). A história do mangá também é contada no livro Alcatéia Prateada (resenha AQUI). Abaixo, os volumes que se uniram para formar este:

Depois de se decepcionar com Celine, sua amiga de infância por quem era apaixonado, Phillipe continua esperando a transformação acreditando que com isso será tratado como um igual entre os outros membros do clã, e como essa transformação não vem logo, o trio de covardes Ravin, Carlo e Jaque continuam em seu encalço, o machucando e humilhando sempre que têm oportunidade, se aproveitando de que ele não pode revidar já que é mestiço.

Depois de um terrível episódio em que Phillipe teve o pé amarrado e foi arrastado por um longo caminho de terra e cheio de pedras de forma brutal por Ravin, ele desfalece. Diante da preocupação de terem o matado, Jaque pede para que Ravin pare com a "brincadeira" e os garotos vão embora deixando Phillipe jogado no chão e muito ferido, todo ensanguentado, estropiado e a beira da morte. Prateada corre em busca de socorro, indo em direção ao único que poderia ajudá-lo: O Capitão Diderot.

Ele resgata Phillipe e com a ajuda de sua esposa Emilie, cuida de seus ferimentos e lhe dá abrigo e comida até que se recupere. Mas angustiado com todo esse inferno que é sua vida, ele passa a questionar Diderot sobre sua transformação que nunca vem, e após saber que ele é o único no Château que ainda não se transformou, acaba desacreditando que viverá em paz, perde as esperanças. Ele se revolta e culpa a mãe por ter o levado para aquele lugar onde ele agora acredita nunca ter feito parte. Porém, ele precisa pedir autorização para Lamayer, o líder e pai de Celine, para ir embora, mas ele recusa o pedido de Phillipe alegando que ele sabe demais da vida no Château e que está fadado a passar o resto de seus dias lá...

Desesperado, Phillipe decide fugir. O Capitão tenta impedi-lo, mas Phillipe não lhe dá ouvidos e parte acompanhado de Prateada... Mas o que ele não esperava, era que Ravin o espionava e aguardava ansiosamente uma oportunidade como esta para, além de poder machucar e humilhar Phillipe ainda mais, ganhar fama de herói por capturar um fugitivo. Ravin começa a segui-lo acreditando que se precisasse entrar numa briga, por ele ser um homem lobo, e Phillipe um reles humano com sua loba comum, o dano que ele poderia causar nos dois seria muito maior... A fuga de Phillipe, então, não sai como planejada e isso pode ser sua desgraça... ou quem sabe sua salvação...

É um pouco difícil passarmos a emoção que sentimos em palavras quando ficamos envolvidos e ligados à uma história triste e ao mesmo tempo fantástica como esta. Resumindo o enredo, nos dois mangás e no livro da série Alcateia Prateada, pude acompanhar Phillipe, um menino órfão, vítima constante de bullying, e que após ter sido separado de Celine, sua melhor amiga por quem ele é apaixonado, encontra ajuda no Capitão Diderot. Anos mais tarde, quando Celine volta, Phillipe, que esperava poder recuperar todo o tempo perdido com sua amiga amada, se decepciona, pois ela propõe manter a amizade com ele em segredo, para não manchar sua reputação, já que ela em breve será a princesa e ele é só um reles mestiço. Inconformado, Phillipe não concorda com essa posição de Celine e entra em depressão. Diderot, preocupado, providencia para que Phillipe ficasse encarregado de cuidar de Prateada, a filhote de lobo que nasceu fraca e corria risco de vida. Dessa forma, ele teria com o que se ocupar e quem sabe esqueceria a decepção? E Phillipe encontra em Prateada forças para continuar no Château, aguardando pela transformação, mesmo que continue sendo vitima de constantes humilhações e atrocidades... Até que toda a reviravolta da história acontece e a vida e os planos de todos mude radicalmente.

Acho que a mensagem aqui vai muito além de uma história de fantasia, com toque sobrenatural e sofrimento... Phillipe leva uma vida triste, está cansado de sofrer e sonha em ser aceito. Ele espera que um milagre aconteça, e enquanto ele não chega, se agarra ao pouco que tem para tentar ser feliz... Mas dói muito quando somos rejeitados por quem amamos... E dessa dor, surge a decepção...e talvez o sentimento de raiva e a vontade de vingança... Mas cabe a nós mesmos avaliarmos toda a situação com maturidade, dar valor a quem nos dá valor e que realmente importa, colocar na balança o que vale a pena e seguir em frente... No final, tudo vai dar certo... É só acreditar...

Como a história saiu do mangá e vai continuar somente em livros, só me resta (além de agradecer imensamente a autora, Eddie Van Feu, por ter tido a ideia genial pra essa história maravilhosa e emocionante e nos agraciar com ela), aguardar ansiosamente a continuação: Alcateia Lua Carmesim! *-*

30 de outubro de 2012

Caixinha de Correio #6


Ooooooii, pessoas! Todos derretidos?
Não fiquem assim... Parece que a vida anda triste e vazia, mas é só calor! rsrsrs

Espiem só o que chegou pra aumentar minha montanha um pouco mais:

As lombadas
PARCERIAS
- Estrela Píer - Kamila Denlescki
- Rose e a princesa perdida - Holly Webb
- A Maldição da Rainha do Rock - Mathilda Kóvak
GANHEI
- Qual Seu Número? - Karyn Bosnak
BOOKTOUR
- O Mendigo - Edson José da Silva Santos
TROQUEI NO SEBO
- Fortaleza Digital - Dan Brown
- Harry Potter e a Câmara Secreta - J.K. Rowling
- Memórias de uma Gueixa - Arthur Golden
Gente, consegui trocar uns livros repetidos que tinha no sebo. Esse "Fortaleza Digital", eu tenho a versão pocket. Ficava ridículo na estante junto com os outros livros do Dan Brown e eu não achava em lugar nenhum a edição de tamanho normal e decente. Daí achei no sebo e peguei.
O livro do HP, eu praticamente "recuperei". Como o que emprestei se foi e minha coleção ficou desfalcada, acabei pegando esse pra completar. (Veja a saga do empréstimo que virou doação AQUI)
O "Memórias de uma Gueixa" eu também tenho o com a capa do filme, mas já tinha anos que eu estava na captura dessa outra capa e quando vi ela lá, eu olhei pra ela, ela olhou pra mim, e tive que levar.
Enfim, troquei livros repetidos, por outros repetidos ahahahahaha. Mas esses eu queria muito e aproveitei pra levar já que encontrei. Agora vou tentar trocar o Fortaleza pocket... e o Memórias de uma Gueixa vou ver o que faço... Talvez troque também.

E a história do "Qual Seu Número?" já contei no "Resumo da Semana", né? rsrsrs

"A Maldição da Rainha do Rock" eu li hoje, mas não vou postar a resenha dele essa semana. Talvez semana que vem, ou na próxima.
Agora vou ler "O Mendigo", pois como é um Booktour, tem o prazo pra poder ler, resenhar e mandar pra próxima da fila, então, passei ele na frente dos outros pra não atrasar nem avacalhar o esquema.

Então é isso! Bjodoce pra vcs!

29 de outubro de 2012

Nova Parceria - Editora Valentina

Oooioioi, gente!
Passando, SUPER feliz, para poder apresentar a mais nova editora parceira aqui do blog pra vcs!
Vamos conhecer um pouquinho sobre ela?

A Empresa:

Para a VALENTINA, leitura é, acima de tudo, entretenimento.
Olho vivo e faro fino. Esse é, na verdade, o lema de todo grande editor. E a nossa pincher encarna esse lema como ninguém.
A busca por livros inesquecíveis e entretenimento de alta qualidade nos leva a prazerosamente garimpar pelo mundo, todos os dias, o melhor da literatura de entretenimento, sem preconceitos.

E, para não ficar ninguém de fora, procuramos um mundo de temas: urban fantasy, distopia, paranormal, romances femininos, thriller, chick-lit, religiosidade, biografia, bem-estar, steampunk... Sem esquecer, logicamente, os nossos xodós: romances que abordam a juventude contemporânea e ganham vida fora do livro - muitas vezes vão parar nas salas de aulas - com discussões fundamentais sobre os adolescentes, seus sonhos, seus medos, seus dramas e, principalmente, suas paixões.

É verdade, já deu para perceber, que a gente ama de paixão a literatura juvenil, mas nosso catálogo é eclético e moderno: tem diversão e cultura para quem está começando, aos 6 anos de idade, e também para quem já passou dos 100.
Ah! E tem para quem quer chegar lá, certo? Tem tudo que, de alguma forma, faz da leitura um momento único e insubstituível.

Au-au, rrrrr, au-au-au, ou melhor, muito prazer, somos a VALENTINA.



Conheça alguns dos títulos da editora:

Meu Hamster é um Gênio - Dave Lowe
Benjamin Travesso é um garoto de nove anos, muito esperto, mas que... odeia matemática. Cheiroso é um hamster falante que detesta sementes e, acredite se quiser, É UM GÊNIO! Juntos são de arrasar! Daqui para frente, Ben e seu novo animal de estimação irão viver aventuras, desafios e perigos inacreditáveis. Mas será que conseguirão ganhar a aposta que o terrível professor de matemática do Ben, o Barba-Negra McCreedy, acabou de fazer? Cheiroso terá de ajudar Ben com os deveres de casa. Ben precisará vencer a desconfiança de todos. E juntos aprenderão uma grande e valiosa lição.





Garota tempestade - Nicole Peeler
Vivendo na pequena cidade de Rockabill, Jane True sempre soube que nunca se encaixaria no modelo de normalidade que a sociedade tenta impor aos jovens. Durante o dia ela é uma jovem atendente de livraria, mas durante a noite… gosta de dar suas nadadas noturnas no mar (isso é um segredo!). Numa dessas escapadas clandestinas, num dia congelante de inverno, ela encontra uma vítima de assassinato, e tal acontecimento, dos mais esquisitos de sua vida, a leva a surpreendentes revelações sobre sua linhagem: Jane é apenas uma meio-humana. Agora ela terá que penetrar um mundo sobrenatural, onde criaturas são, ao mesmo tempo, horripilantes, belas e mortíferas – adjetivos que recaem perfeitamente sobre seu novo “amigo”: Ryu, um gatíssimo e poderoso vampiro. Um mundo onde tudo é possível e nada é para sempre: um cão é capaz de curar com uma simples lambida, espíritos carregam suas compras, e, seja lá o que você faz, nunca, nunquinha mesmo, esfregue a lâmpada do gênio.




Lançamentos e novidades

EDITORA NOVO CONCEITO

A Sabedoria do Condado - Noble Smith

Um guia do Hobbit para a vida de milhões de fãs do J.R.R. Tolkien.
Smith mostra que uma toca-hobbit é, na verdade, um estado de espírito e como até as menores pessoas podem ter o valor de um Cavaleiro de Rohan. Ele explora assuntos importantes para os hobbits, como cerveja, comida e amizade, mas também assuntos mais sérios, como coragem, vida em harmonia com a natureza e bem versus mal. Como prazeres simples como jardinagem, longas caminhadas e refeições deliciosas com amigos podem fazer você significativamente mais feliz? Por que o ato de dar presentes no seu aniversário em vez de recebê-los é uma ideia tão revolucionária? E como podemos carregar nosso próprio “anel mágico” sem sermos devorados por ele?
A Sabedoria do Condado tem a resposta para essas perguntas.

Por um Momento Apenas - Bella Andre

Durante 36 anos, Marcus Sullivan fora o irmão mais velho, ajudando a cuidar de seus setes irmãos após a morte do pai, quando ainda eram crianças. No entanto, quando o futuro perfeito que ele planejara para si próprio transformou-se em nada além de uma mentira, Marcus precisa de uma noite de loucura para se esquecer de tudo.
Nicole Harding é conhecida no mundo todo por apenas um nome — Nick —, graças à sua música pop contagiante. No entanto, o que ninguém sabe sobre essa cantora de 25 anos é que sua imagem de símbolo sexual é totalmente falsa. Depois de ter sido terrivelmente traída por um homem que amava a fama mais do que a ela, jurou nunca mais deixar ninguém se aproximar a ponto de descobrir quem ela realmente é... ou de magoá-la novamente. Principalmente aquele homem maravilhoso que Nicole conhecera em uma boate, ainda que o desejo — e as promessas transgressoras — em seus olhos negros a fizessem querer revelar todos os seus segredos.
Uma noite é tudo o que Nicole e Marcus concordam em compartilhar um com o outro. Contudo, nada acontece como planejado quando, em vez de uma simples relação carnal, descobrem-se ligados de uma forma pela qual nenhum dos dois esperava. E, embora tentassem lutar contra isso, os sentimentos incontidos — e a atração profunda — os aproximava cada vez mais.
Bella Andre nos presenteia com o segundo volume desta série sensual e romântica, em que o amor pode tornar um simples encontro algo quente para sempre...

Lola e o garoto da casa ao lado - Stephanie Perkins

A designer-revelação Lola Nolan não acredita em moda... ela acredita em trajes. Quanto mais expressiva for a roupa — mais brilhante, mais divertida, mais selvagem — melhor. Mas apesar de o estilo de Lola ser ultrajante, ela é uma filha e amiga dedicada com grandes planos para o futuro. E tudo está muito perfeito (até mesmo com seu namorado roqueiro gostoso) até os gêmeos Bell, Calliope e Cricket, voltarem ao seu bairro.
Quando Cricket — um inventor habilidoso — sai da sombra de sua irmã gêmea e volta para a vida de Lola, ela finalmente precisa conciliar uma vida de sentimentos pelo garoto da porta ao lado.



A Luz através da Janela - Lucinda Riley
A Segunda Guerra Mundial deixou muitos destroços e segredos familiares principalmente na família de Emilie, os De La Martinières. Quando sua mãe faleceu, deixando o legado do château da família para ela, a única herdeira, Emilie fica devastada e quer vender tudo para que possa voltar à sua rotina comum de veterinária. Entretanto, Sebastian Carruthers aparece em sua vida para ajudá-la a cuidar de toda a documentação e a consola nos momentos mais difíceis. Emilie se apaixona pela sua gentileza e decide se casar com ele. Assim, ela se muda para a casa do marido, Blackmoor Hall, em Yorkshire. Contudo, a vida que ela, ingenuamente, pensa estar começando bem, trará a ela muitas surpresas e revelações do presente e do passado de toda uma geração.


A Aprendiz - Trudi Canavan
Sozinha entre todos os aprendizes do Clã dos Magos, somente Sonea vem de uma classe menos privilegiada. No entanto, ela ganhou aliados poderosos, como Lorde Dannyl, recentemente promovido a Embaixador. Ele terá, agora, de partir para a corte de Elyne, deixando Sonea à mercê dos boatos maliciosos e mentirosos que seus inimigos continuam espalhando... até o Lorde Supremo entrar em cena. Entretanto, o preço do apoio de Akkarin é alto porque, em troca, Sonea deve proteger seus mistérios mais sombrios.
Enquanto isso, a ordem que Dannyl está obedecendo, de buscar fatos sobre a longa pesquisa abandonada de Akkarin sobre o conhecimento mágico antigo, o está levando a uma extraordinária jornada, chegando cada vez mais perto de um futuro surpreendente e perigoso.


Postais do Coração - Ella Griffin 
Saffy tem um trabalho incrível em uma agência de propaganda em Dublin. Ela tem sua difícil mãe a uma distância segura. E ela acredita que seu namorado ator Greg — o próximo Colin Farrell — finalmente irá pedi-la em casamento.

Conor admira a linda Jess. Mas depois de sete anos e gêmeos, ela ainda não se casará com ele. Ele passa os dias ensinando adolescentes terríveis e as noites escrevendo o livro que espera que mude tudo — inclusive a mente dela.

Mas está difícil de alcançar finais felizes...



ARQUEIRO


À primeira vista - Nicholas Sparks
Jeremy Marsh tinha três certezas: jamais se mudaria de Nova York, não se apaixonaria novamente e nunca teria filhos.
Mas agora ele está prestes a se casar com Lexie Darnell e aguarda a chegada da primeira filha, enquanto conduz a reforma de sua nova casa na pequena cidade de Boone Creek, na Carolina do Norte.
Em meio a tantas mudanças, Jeremy luta para reencontrar o equilíbrio pessoal e profissional ao lado da mulher que o fez mudar todos os seus planos. Quando tudo parece estar entrando nos eixos, Jeremy recebe um misterioso e-mail que dá início a uma série de acontecimentos que irão testar a força dessa paixão.
Atormentado pela ideia de estar sendo traído, vivendo uma crise criativa que o impede de trabalhar e angustiado com a gestação complicada de Lexie, ele não poderia imaginar que o pior – e o melhor – ainda estava por vir.
À primeira vista captura toda a incerteza, a tensão e a angústia da vida desse jovem casal, mas também retrata o romantismo, o companheirismo, a descoberta e o amadurecimento que só o verdadeiro amor pode proporcionar.


Travessia, A - William P. Young
Um derrame cerebral deixa Anthony Spencer, um multimilionário egocêntrico, em coma. Quando “acorda”, ele se vê em um mundo surreal habitado por um estranho, que descobre ser Jesus, e por uma idosa que é o Espírito Santo.
À sua frente se descortina uma paisagem que lhe revela toda a mágoa e a tristeza de sua vida terrena. Jamais poderia ter imaginado tamanho horror. Debatendo-se contra um sofrimento emocional insuportável, ele implora por uma segunda chance.
Sua prece é ouvida e ele é enviado de volta à Terra, onde viverá uma experiência de profunda comunhão com uma série de pessoas e terá a oportunidade de reexaminar a própria vida. Nessa jornada, precisará “enxergar” através dos olhos dos outros e conhecer suas visões de mundo, suas esperanças, seus medos e seus desafios.
Na busca de redenção, Tony deverá usar um poder que lhe foi concedido: o de curar uma pessoa. Será que ele terá coragem de fazer a escolha certa?

PRUMO


Legend - a Verdade Se Tornará Lenda - Marie Lu
“Legend” é o primeiro livro da série distópica há muito tempo aguardada pelos fãs. Ambientado na cidade de Los Angeles em 2130 D.C, na atual República da América. Conta a história de um rapaz – o criminoso mais procurado do país – e de uma jovem – a pupila mais promissora da República –, cujos caminhos se cruzam quando o irmão desta é assassinado e a ela cabe a tarefa de capturar o responsável pelo crime. No entanto, a verdade que os dois desvendarão se tornará uma lenda.





FANTASY - CASA DA PALAVRA


Enigmas de Londres. Espíritos do Tâmisa - Ben Aaronovitch
Peter Grant tinha tudo para ser apenas mais um jovem guarda da Polícia Metropolitana de Londres. Após um encontro inesperado com um fantasma,
contudo, ele é recrutado para uma unidade secreta que trata de casos relacionados à magia e ao sobrenatural, tornando-se detetive e aprendiz do inspetor Nightingale, o último mago da Inglaterra.

Sua primeira missão é descobrir quem é o espírito vingativo que anda transformando pessoas comuns em assassinos sanguinários. Com isso,
aprende a usar magia, convive com grupos de vampiros e revira covas pela cidade. Além, é claro, de negociar uma trégua entre deuses enfurecidos do rio Tâmisa.

Com uma linguagem ágil e bem-humorada, Ben Aaronovitch narra a história de um detetive que achava o mundo normal, antes de conhecer o
poder intenso e surreal da magia por detrás do submundo de Londres. Aclamado por público e crítica em sua estreia como romancista, o autor foi indicado ao Galaxy National Books Awards como "Autor Estreante do Ano", além de escrever roteiros para a série de televisão Doctor Who.

28 de outubro de 2012

Resumo da Semana #21

Booooa noite, chocolatinhos!
Essa semana foi difícil pra mim! Santo Cristo!
Achei que não fosse conseguir fazer nada! Nooossa!

Espiem o que rolou no blog nessa semana que passou:



Ainda estou lendo (mas agora quase acabando, aleluia):
Sirensong

Próximas leituras:
A Maldição da Rainha do Rock
Rose e a princesa perdida
Estrela Pier
O Mendigo

Os + desejados continuam os mesmos da semana passada.

Essa semana recebi alguns livros, uns de parceria e outros comprados, mas vou deixar pra mostrar na próxima caixa de correio!

Eu tb tirei um dia pra ficar atendendo a pedidos de aviso de "Não perturbe - estou lendo" personalizado com a capa de qualquer livro que a pessoa pedisse lá na página do blog no facebook mas não sei se vou continuar a fazer isso... Não é difícil nem nada, fiquei feliz por ter agradado o povo e tudo, mas sei lá...

Demorou um pouco por conta dessa minha falta de tempo dessa semana e passei a noite em claro, mas consegui visitar os blogs parceiros e retribuir todos os comentários recebidos. Caso tenha pulado alguém, me desculpe, por favor!

Cara, eu tô com uma grande dificuldade em distribuir os banners na página de blogs parceiros... Estão ficando todos fora do lugar e tô ficando louca com isso! A primeira vista parece que vai ficar ok, mas na hora de postar é que vira um birimbolo! Ai que raiva! Vou tentar essa semana de novo quando tiver um tempo e se não ficar do jeito que quero, vou deixar como antes... Um embaixo do outro. E já que entrei no assunto de parceria, tirei alguns blogs da lista de parceiros pelos motivos que já expliquei antes...

Gente, hoje fui no shopping trocar um brinquedo numa loja e precisei ir na livraria, claro... Daí me deparo com o que???? Livros em promoção... Oooo Jesus!! Eu já tinha a maioria que estava lá, mas fiquei na dúvida entre "Qual Seu Número?" e "Anna e o Beijo Francês". Como eu já saí de casa pensando que não ia gastar nada, não levei dinheiro pq só ia trocar o brinquedo e pronto... Fiquei me coçando porque os livros estavam custando R$9,90... E eu alí, sem 10 reais no bolso! Nossa que agonia! Claro que o momento pidona aflorou e o ex marido/namorado deixou que eu escolhesse UM, com a desculpa de que já tenho livro demais. Dai fui de "Qual Seu Número?". Melhor que nada, né? rsrsrsrsrs
Espero que seja bacana, mesmo que não vá ler agora rsrsrsrs. A Fila não deixa!

Então é isso! Bjoss!

27 de outubro de 2012

Alcateia - O Château das Vertentes - Eddie Van Feu

Lido em: Outubro de 2012
Título: Alcateia - O Château das Vertentes
Autor: Eddie Van Feu
Ilustrações: Axia Stowe
Editora: Linhas Tortas
Gênero: Mangá/Drama/Fantasia
Ano: 2002
Páginas: 150
Compre o livro clicando AQUI
Nota
Sinopse: Uma Graphic Novel passada na França do século XVII. O Château das Vertentes é o refúgio de uma estranha comunidade avessa aos humanos. Estes seres encantados vivem sob suas próprias regras e preconceitos. Phillipe du Noige, filho de uma humana e de um Lobo Branco, vive uma luta contínua para ser aceito em um meio que o rejeita, enfrentando a intolerância sem, no entanto, perder sua bela visão da vida. 

Resenha: No mangá "Alcateia: O Château das Vertentes", podemos voltar lá no início, onde a história de Phillipe começa. Foi a partir do mangá que surgiu o livro "Alcateia Prateada" (resenha AQUI).
O livro é bem independente, mas se o mangá for lido (antes ou depois, não importa a ordem), a história fica bem mais clara, empolgante e compreensível.

Tudo começa quando Elle e Pelouse se encontram e se apaixonam perdidamente. O amor dois dois é lindo, mas proibido: Elle é humana e Pelouse é integrante do clã dos Lobos Brancos. Os homens lobo tem suas próprias crenças e cultura, se transformam em lobos durante a lua cheia e não gostam de humanos por viverem sendo caçados por eles.
Elle acaba ficando grávida e os dois fazem muitos planos para serem felizes.
Só que o inesperado acontece, e Pelouse é morto por um grupo de homens armados... Porém, ele já havia se antecipado e alertado Elle que se alguma tragédia acontecesse com ele, ela poderia procurar abrigo no Château das Vertentes.

Alguns anos se passaram, Elle e o filho partem pro Château seguindo as orientações do marido, acreditando que o mundo dele seria um lugar melhor para que Phillipe fosse criado, mas ela não esperava que as coisas por lá não seriam fáceis como pensava...
Ela só foi aceita pelo fato de Phillipe ser filho de Pelouse, alegando que nas veias dele corria o sangue dos lobos. Mas apesar de ter abrigo, teria que trabalhar como qualquer um para seu próprio sustento e de seu filho.

O tempo foi passando, mas por Phillipe não ser um "puro", vivia apanhando a cada oportunidade e sendo discriminado e recriminado por tudo que fazia ou deixava de fazer pelo trio de garotos Ravin, Carlo e Jaque. Ele só podia contar com a amizade de Celine, que não sabia que Phillipe era um mestiço. Ele passou a alimentar um amor platônico por Celine pois ela era a única que parecia entendê-lo e respeitá-lo, até que o pai dela resolve afastá-la de Phillipe a mandando pra outro lugar.

E como se não bastasse toda a dificuldade, Elle parte desta pra melhor deixando Phillipe sozinho no mundo... Diante disso e devido a crueldade por parte dos outros garotos, o Capitão Diderot, que não acha certo que ele seja tratado com tanto preconceito e injustiça, acaba se aliando a Phillipe e o ajudando sempre que pode para livrá-lo de perseguições e castigos, ou pelo menos amenizá-los... Ele continua a trabalhar na lavoura substituindo a mãe e seus problemas só aumentam.

Só quando Phillipe fica encarregado de cuidar de uma filhotinha de lobos que nasceu fraca e corria risco de vida, é que ele passa a dedicar todo cuidado e amor para que ela se recuperasse e crescesse forte e saudável, e é a partir dessa nova amizade que a história de Phillipe e Prateada começa...

A história é linda e sendo em forma de mangá, só ajudou para que pudéssemos ver através das ilustrações perfeitas toda a emoção, sofrimento ou alegria dos personagens.
Phillipe é um garoto simples e bondoso, que só convive com esse preconceito todo porque acredita e tem esperança de que com a transformação as coisas vão mudar e ele enfim passará a ser respeitado e tratado como igual, sendo aceito pelos outros. E é esse seu maior desejo.
O Capitão Diderot é o tipo admirável de personagem que sabe até onde pode ir para ajudar Phillipe, cumprindo com seu dever mas guiado pela consciência onde a injustiça não é algo que ele concorde. Há uma cena em especial em que ele toma o lugar do capataz e dá uma surra de chibatadas em Phillipe, acreditando que assim estaria ajudando-o pois se o chicote estivesse nas mãos de outro, com certeza Phillipe poderia ter morrido... Sem o apoio do capitão, talvez Phillipe não iria resistir...
Entre o trio de moleques que perseguem Phillipe, o que mais me assusta é Ravin, pois ele é inescrupuloso, aproveitador, violento e acredita com todas as forças que a melhor forma de tratar Phillipe é sendo o mais cruel possível, como se isso fosse a coisa certa a fazer com quem não tem sangue puro.
E Prateada, a loba branca, é o maior exemplo de amizade e fidelidade que podemos encontrar na história. E é nela que Phillipe encontra alegria e forças para continuar no Château.

É uma história forte e triste, mas que devido à profundidade que tem, vai encantar qualquer leitor devido aos pequenos detalhes, que vão de amizade sincera até à esperança de que as coisas vão mudar pra melhor!
 "Algumas coisas acontecem quando não esperamos... Especialmente aquelas que passamos a vida a esperar..."
A história continua no Mangá Alcateia Prateada, e no livro Alcateia Prateada.
Recomendo muitíssissississimoooo e entrou pra minha lista de favoritos!

25 de outubro de 2012

Na minha Estante #5 - Trilogia da Magia

Opa, gente!! Baum demais?
O "Na Minha Estante" de hoje é pra contar um pouquinho pra vocês sobre uma trilogia que é bem legalzinha pra quem gosta de fantasia infantil. É a Trilogia da Magia, do autor Cliff McNish publicado aqui no Brasil pela Editora Rocco.
Espiem as fotitas:



Resumindo:

A trilogia conta a história dos irmãos Rachel e Eric, que vivem tendo pesadelos com um lugar gelado, onde várias crianças ficam perdidas na neve e feiticeiros pavorosos ficam rondando por aí.
Um dia elas simplesmente acordam nesse mundo estranho, chamado de Ithrea, governado pela bruxa mais maléfica e horrorosa - do tipo que tem a pele verde e abriga aranhas na própria boca - que se possa imaginar, Dragwena.
Ela está em busca da criança-esperança, que é a chave pra conquista da Terra. Tudo a leva a acreditar que a tal criança é Rachel, que descobre que a magia faz parte dela e começa a aprender a usá-la. E Eric não fica pra trás.
Eles então partem numa aventura fantástica e cheia de perigos para tentarem derrubar a bruxa perversa.

OBS.: Talvez pelo autor ter escrito com base nas histórias que contava pra própria filha antes de dormir (Rachel é uma personagem baseada em sua filha), os livros realmente têm essa característica. Lembra uma história de ninar mas muito mais elaborada e detalhada. Gostei de ter lido a trilogia mas só recomendo mesmo pra quem gosta do gênero.

24 de outubro de 2012

Anota Aí #1 - Você sabe fazer uma resenha de qualidade?


Oioioi pessoas mais lindas!
Sei que alguns blogs já abordaram esse assunto, mas como sou um tiquinho crítica e chata, achei que seria bacana fazer um post sobre RESENHAS LITERÁRIAS aqui no LC.

E então? Você sabe fazer uma resenha de qualidade?
Quero deixar claro que eu não sou expert no assunto e aprendo a cada nova resenha que faço, mas sim, eu tenho uma boa noção de como se faz.
Para fazer uma resenha "profissional", digamos assim, é necessário muito estudo e acredito que a maioria dos blogueiros não estudam para serem... blogueiros! Criam blogs para falarem do que gostam, como um hobbie. Pelo menos é isso o que se espera desse pessoal.
Obviamente as dicas e pontos abordados aqui não correspondem a realidade de resenhas científicas e profissionais. Há pessoas que estudam e vivem disso, e não é o caso dos blogueiros, até onde eu saiba. Mas só porque se dedicar ao blog faz parte do lazer, não significa que deva ser feito de qualquer jeito, né?

Então, vamos lá!

Antes de mais nada, tenha em mente o motivo que o levou a fazer uma resenha
Você leu um livro que gostou (ou odiou) tanto que quer expor sua opinião pra todos? Ou você recebeu um livro de parceria com alguma editora ou autor e tem a obrigação de fazer aquela resenha?
Cada caso é um caso, mas perceba que você, de alguma forma, pode influenciar outras pessoas a lerem ou correrem do tal livro se souber transmitir essa opinião da forma correta. No primeiro caso, você leu sem obrigação e compromisso e ninguém espera pela resenha. No segundo caso, alguém manda um livro pra você ler e espera uma crítica construtiva, uma opinião clara, concisa e direta, e que cause algum impacto nos outros.

A resenha crítica
As pessoas não esperam ler reles resumos secos em resenhas e muito menos comentários do tipo "Gostei, recomendo!" ou "Que porcaria de livro lixo!". Quando vejo esse tipo de "resenha" no Skoob (e pasmem, já vi em blogs!), eu quase infarto de raiva, pois não é assim que se faz, a intenção é postar a resenha inteira com seus detalhes e observações pra explicar pra quem for ler os motivos pra se ler ou não, e não um comentário pobre e raso qualquer. Se for assim, uma simples sinopse seria o suficiente pra pessoa saber se o tema interessa ou não.
Se elas procuram por resenhas, essas pessoas vão ler com a intenção de saber qual foi sua opinião. Você gostou do livro? Por quê? O que esse livro tem de bom? O que tem de ruim?
Isso se trata de uma resenha crítica onde será exposta sua análise daquela obra em questão. E justamente por se tratar de uma análise, é crucial que haja uma interpretação de texto enquanto você se dedica à leitura. Um texto mal interpretado pode ser distorcido e ideias distorcidas não são legais. Se eu falo A, você entende B e repassa C pros outros vira bagunça. Então, isso tudo vai depender da sua capacidade de ler, entender e relacionar todos os elementos da história para que, independente de ser positiva ou negativa, a crítica seja coerente.
Numa resenha crítica você vai "julgar" o livro, então é bom ter muito cuidado pois é mais do que óbvio que você precisa saber do que se trata, ter atenção e senso pra perceber os detalhes, ter entendido a história e claro, ter captado a mensagem passada. Já ouviram falar do ditado "não julgue o que não conhece"? Pois é... Se encaixa muito bem aqui.
Se você leu o livro e não entendeu bulhufas, nem sonhe em resenhá-lo. Ninguém pode criticar de forma negativa o que não entendeu.

Como fazer uma resenha bacana
Agora que você já sabe o que é e qual a importância da resenha crítica, saiba relacionar e expor as ideias e, a partir desse conhecimento, identifique os seguintes pontos:
- O tema da história.
- O problema apontado na história.
- O desenvolvimento do problema e a forma de ser solucionado.
- É necessário algum conhecimento prévio para o entendimento? Essa também vale para livros que fazem parte de séries e que sem ter lido o volume anterior, a leitura do próximo pode ficar incompreensível ou vaga.

♥Você deve começar a resenha com um breve resumo da história (não da história toda, contando o final ou pontos muito reveladores e que podem estragar a surpresa de quem ainda não leu), falando sobre o que se trata. Muitos usam a sinopse como entrada, mas eu particularmente não acho isso legal, pois a sinopse não foi escrita por você. Eu uso a sinopse como uma informação que colabora visualmente na apresentação do livro e vai junto com o nome da obra, nome do autor, a capa, etc...

♥Depois do resumo, deve entrar a crítica:
- O autor soube desenvolver bem a história? A história fez sentido? Há falhas grosseiras? O texto é direto ou enrolado?
- Qual a linguagem utilizada pelo autor? A leitura é leve e flui ou é mais erudita? Lembre-se de que nesse caso, você pode não gostar de determinado tipo de linguagem, mas outras pessoas podem curtir.
- Poderia haver alguma mudança a fim de a história ser melhor compreendida? Quais?
- Os personagens foram bem construídos e te cativaram? Todos tem sua personalidade bem definida ou são todos parecidos e falam da mesma forma?
- A história é narrada em primeira ou terceira pessoa?
- A capa é bacana? Tem alguma ligação com a história? A diagramação é simples? A revisão foi decente ou tem muitos erros?

Não é necessário abordar os mínimos detalhes, mas a resenha deve ser cortês, sincera e ponderada, apontando as falhas e elogiando os pontos positivos.

♥Por fim, conclua a resenha avaliando a história de acordo com a ideia proposta (frente a outras parecidas ou não), a qualidade, a originalidade, a profundidade e a coerência da narrativa, e qual a mensagem passada. Qual foi o impacto que a leitura desse livro causou em você?

Outros pontos MUITO importantes:

- ERROS DE PORTUGUÊS NÃO SÃO ADMISSÍVEIS! Jamais! Se não sabe escrever direito, se tem dúvidas sobre onde pôr uma vírgula, como escrever tal palavra ou fazer uma concordância, pesquise ou peça ajuda pra alguém que você sabe que entenda. E não me diga que tem vergonha... Vergonha não é pedir ajuda, mas sim postar textos mal escritos e horrorosos. E pra quem se diz um leitor assíduo, basta ler pra saber como as palavras são escritas e repeti-las. Quem lê muito escreve bem. Quando escrevemos alguma palavra errada, ela fica feia e estranha visualmente, já perceberam? "esseto" e "exceto", "piçina" e "piscina" e por aí vai.... Quando eu vejo textos mal escritos, nem leio... Imagine uma editora séria...
- Não ofenda o autor ou a editora por um erro. Uma coisa é apontar o erro de forma imparcial, outra coisa é chamar fulano de "idiota", "incompetente" ou coisas do tipo por ter errado...
- Uns escrevem de forma mais floreada, outros de forma mais curta e direta, outros ainda de forma descontraída, mas o que importa é que sua resenha deve ser única, coerente, ser bem escrita e fluir para que as pessoas fiquem empolgadas com ela, e, depois de lerem, pensarem: "Pôxa, realmente deve ser um livro bom, fiquei curioso e quero ler!" ou  "Putz, esse livro deve ser um cocô! Nem morto quero ler esse troço!" ou ainda já terem lido o livro e comentarem se concordam ou não com seu ponto de vista.
- Uma resenha é um texto corrido e não deve ser escrita com espaços entre os parágrafos ou dividindo os assuntos abordados. Eu assumo que faço isso e sei que é errado, mas eu acho que fica mais bonito visualmente e dá a impressão que posso respirar e localizar melhor as partes. E outro motivo é que faço assim porque sei que não é nada profissional, se fosse, com certeza faria da forma certa.
- NUNCA COPIE RESENHAS FEITAS POR OUTRAS PESSOAS COMO SE FOSSEM DE SUA AUTORIA. Isso é feio e vergonhoso e mais cedo ou mais tarde alguém vai descobrir e o feio vai ficar pra quem copiou. Não é errado ler resenhas já feitas a fim de comparar opiniões, pra lembrar se você não esqueceu de citar um ou outro detalhe pra depois fazer a sua, usando suas próprias palavras... mas copiar a ideia dos outros, a forma de outra pessoa escrever e o que os outros tiveram trabalho pra fazer não é nada legal!
- Não faça uma resenha para agradar um autor ou uma editora. Se você não gostou do livro, é mais do que válido apontar o que não agradou, desde que faça sentido e nunca levando pro lado pessoal. Pode parecer embaraçoso, mas só através de críticas construtivas e válidas aquele autor vai saber em que precisa melhorar e entende-se que esse foi um dos motivos que ele confiou a resenha a você. Claro que na prática isso não funciona 100%, mas isso é assunto pra outra postagem...
- Spoilers: Uns não se importam de ler, mas outros não gostam nada. Evite soltar spoilers na resenha contando partes surpresas da trama ou até mesmo seu final, mas caso seja impossível, não deixe de AVISAR, bem grande e piscante! Assim, quem for ler já está avisado e não terá nenhuma surpresa desagradável, podendo decidir se continua lendo ou não.
- A perfeição só vem com a prática. Quanto mais resenhas forem feitas usando esses critérios, melhor e mais bem visto resenhista você se tornará...

Enfim... acho que o grosso é isso. Escrevi um testamento! Meu Deus! Espero que tenham curtido e que seja útil de alguma forma.
Se quiserem compartilhar, fiquem a vontade, desde que seja com os devidos créditos, claro...

22 de outubro de 2012

Caixinha de Correio #5


Hi, "pipous"!
Recebi mais alguns livrinhos que estava esperando (mas não todos rsrs), e como alguns deles fazem parte de um projeto que acho super bacana, resolvi mostrar logo de uma vez.

Divulguei na página do blog no Facebook o projeto do Itaú que envia livros infantis gratuitos pra quem faz o cadastro e hoje recebi os meus (meus nada.. rsrs). O projeto começou em 2010 e desde então me cadastro, e a cada ano os livros ficam mais fofos. Acho que ainda dá tempo de pedir. E só clicar AQUI e se cadastrar. Os livrinhos são super bonitinhos e as meninas adoraram:


Até Vivi, que nem ler sabe, ficou doida com os livrinhos.
E os outros que chegaram também foram esses:




Listinha:

  • Despertar - Amanda Hocking
  • Os Dragões de Titânia vol 1
  • Lua das Fadas
  • O Pacto
  • Mangá Alcateia - O Château das Vertentes
  • Mangá Alcatéia Prateada

Perceberam que tem dois volumes extras do Mangá Alcatéia? Adivinhem pra que são... Hihihi...

Espero que tenham gostado e assim que receber os outros, faço outra caixa.

Resumo da Semana #20

Boa noite pessoaRRR!!!
Bora ver o que rolou nessa semana aqui no blog?


Li:
Rose e o feitiço
Mangá Alcateia O Château das Vertentes
Mangá Alcateia Prateada
O Diario de Suzana para Nicolas

Voltei a ler:
Sirensong

Próxima leitura:
Ainda não decidi o que vou ler. :p
Acho que vou ler Zumbis x Unicornios...

Chegou pra mim:
Pacotão de marcadores que ganhei na promo do blog Amor de Livros.
Livros Belo Desastre e Cinquenta Tons de Cinza que ganhei na promo no blog Leituras de uma Gaucha.
Lua das Fadas, Dragões de Titania, Mangá Alcateia vols. 1 e 2.

+ Desejados:
Cidade dos Anjos Caídos
A Seleção
Anjo Mecânico
Êxtase
A Sombra da Serpente
As Crônicas dos Kane: Guia de Sobrevivência
O Alquimista
O Mago
Adormecida

Mais coisitas:
Alguns devem ter percebido, outros não, mas resolvi colocar a nota que dou para o livro que leio antes da sinopse em vez de no final do texto. Atualizei as estrelinhas pra ficar igual as novas do skoob, e mudei o coração de favorito tb.
Ah, se eu odiei o livro, vai ter a "caveirinha odiosa":  e
A votação pra próxima promoção no blog continua. Não deixem de votar.
Quem quiser já pode começar a adiantar e mandar fotinhas de sua estante pro mural (email: contato@livrosechocolate.com.br). Todo mundo que mandar vai concorrer a brindes bem bacanas a partir do mês que vem!

Bjokas!!

20 de outubro de 2012

O Diário de Suzana para Nicolas - James Patterson

Lido em: Outubro de 2012
Título: O Diário de Suzana para Nicolas
Autor: James Patterson
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance/Drama
Ano: 2011
Páginas: 223
Nota
Sinopse: Depois de quase um ano juntos, o poeta Matt Harrison acaba de romper com Katie Wilkinson. A jovem editora, que não tinha qualquer dúvida quanto ao amor que os unia, não consegue entender como um relacionamento tão perfeito pôde acabar tão de repente. Mas tudo está prestes a ser explicado. No dia seguinte ao rompimento, Katie encontra um pacote deixado por Matt na porta de sua casa. Dentro dele, um pequeno volume encadernado traz na capa cinco palavras, escritas com uma caligrafia que ela não reconhece: “Diário de Suzana para Nicolas”. Ao folhear aquelas páginas, Katie logo descobre que Suzana é uma jovem médica que, depois de sofrer um infarto, decidiu deixar para trás a correria de Boston e se mudar para um chalé na pacata ilha de Martha’s Vineyard. Foi lá que conheceu Matt. E lá nasceu o filho deles, Nicolas. Por que Matt teria lhe deixado aquele diário? Agora, confusa e sofrendo pelo fim do relacionamento, é nas palavras de outra mulher que Katie buscará as respostas para sua vida. O diário de Suzana para Nicolas é uma história de amor que se constrói ao virar de cada página. Cada revelação é mais uma nuance sobre seus personagens. Cada descoberta é um fio a mais a ligar vidas que o destino entrelaçou. 

Resenha: Em "O Diário de Suzana para Nicolas", nos familiarizamos com os três personagens principais: Katie, uma mulher jovem e bonita, que trabalha como editora em Nova York e que está com o coração em pedaços por causa de Matt, que rompeu com ela sem mais nem menos após um ano de um relacionamento completamente lindo e perfeito. Ele lhe deixou uma caixa com um diário escrito por uma outra mulher, Suzana, para tentar explicar pra ela o motivo de ter partido. Usei a palavra "familiarizar" porque durante a leitura, pude ficar com aquela sensação de que eles eram muito mais do que simples personagens e me apeguei a eles de tal forma que me pareceu que eles fossem conhecidos muito queridos.

Como Matt vai embora de repente, Katie não teve nem a oportunidade de lhe contar que estava grávida dele, e diante daquele sofrimento e aflição de ter sido abandonada sem nenhuma explicação, começa a ler o diário de Suzana procurando alguma resposta.
Ela, então, se depara com as palavras de Suzana, que é uma jovem médica, tem 36 anos, e depois de sofrer um infarto resolve deixar a vida corrida que tinha em Boston e ir para Martha's Vineyard, uma cidadezinha localizada numa ilha em Massachusetts. Lá ela encontra o grande amor de sua vida e desse amor nasce Nicolas, para quem Suzana passa a escrever, deixando todos os acontecimentos importantes, bonitos e memoráveis de sua nova vida como esposa, mãe e mulher frágil mas corajosa que é, enfrentando todas as dificuldades com o problema de saúde que tem mas ao mesmo tempo se sentindo a mulher mais feliz e amada que poderia existir, e que agora estão sendo lidos por Katie.

Katie fica sensibilizada com as palavras de Suzana e, mesmo com o coração na mão, passa a sentir um enorme carinho e admiração pela grande mulher que ela é.
Mas por que esse diário foi parar nas mãos de Katie? Só posso responder implorando para que você leia esse livro se ainda não leu, para descobrir, se apaixonar pela história e se emocionar por si só.

Esse foi o primeiro livro de James Patterson que li e confesso que fiquei completamente apaixonada pela narrativa do autor. É o tipo de livro que só conseguimos largar quando lemos o último ponto final da última página. A capa do livro é simples, mas perfeita: imaginei que o cenário fosse a vista que Suzana tem da própria casa, simples mas maravilhoso. Pensem morar de frente pro mar, que coisa linda... *-*

Talvez pela história ser contada de forma rápida e direta, intercalando a história de Katie e o que está sendo contado no diário, com uma profundidade e sentimentalismo imensos, e com detalhes que nos transportam pra dentro da história, é que fiquei tão envolvida com a leitura desse livro. Me emocionei, me senti na pele de Katie e de Suzana, muitas vezes até na pele do próprio Matt, e chorei. Chorei como não chorava por causa de um livro com uma história tão triste, mas ao mesmo tempo tão bonita, desse jeito há muito tempo.

Não vou negar que em vários momentos senti que o autor realmente quis tocar nos pontos mais frágeis de quem está lendo para lhe arrancar lágrimas de propósito (principalmente nas manteigas derretidas que nem eu), ou nos fazer imaginar que na história há mocinhos injustiçados e bandidos que devem pagar caro pelo sofrimento alheio, mas vou ter que deixar claro e concordar que o autor domina completamente a arte de narrar um texto sem floreios, mas que flui maravilhosamente bem, e que me envolveu na história de uma forma que mesmo com dúvidas quanto a índole de algum personagem, consegui me afeiçoar a ele, e até mesmo me identificar com ele, mesmo assim. É perfeito!

Podemos ainda absorver a mensagem de que devemos tirar um tempo pra nós mesmos quando tudo está mal, de que devemos arriscar na dúvida, amar e correr atrás do que queremos sem medo, mas se por ironia do destino alguma coisa de ruim acontecer, nada que o tempo não possa curar...

É um livro que deve ser lido (e relido) e que entrou pra lista dos favoritos, com certeza!